Dilma chora ao falar sobre manifestações

Em cerimônia de sanção do novo Código de Processo Civil (CPC), a presidenta Dilma Rousseff (PT) afirmou há pouco que as manifestações de sexta-feira (13) e deste domingo (15) fazem parte dos valores democráticos brasileiros, e que “valeu a pena” ter combatido a ditadura militar (1964-1985) em sua juventude. Nesse ponto do discurso, Dilma chegou a chorar quando afirmou que “nunca mais vamos ver pessoas sofrerem consequências” por irem às ruas protestar, em uma referência direta ao regime de exceção. Dilma foi presa naquela época por integrar grupos contrários ao regime político na época.

“Nunca mais vamos ver pessoas que, ao se manifestarem, mesmo contra a presidente da República, possam sofrer quaisquer consequências. Nunca mais isso vai acontecer”, discursou Dilma, já com a voz embargada e com os olhos marejados, interrompida por aplausos. “Não pude deixar de pensar e tenho certeza que muitos aqui concordam comigo. Valeu a pena lutar pela liberdade. Valeu a pena lutar pela democracia. Esse país está mais forte do que nunca!”

Facebook Comments
Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *