Arquivos diários: 18/04/2017

Eunício prevê que abuso de autoridade será apreciado no Senado em maio

Estadão Conteúdo

O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), acredita que o projeto que atualiza a lei do abuso de autoridade será votado no plenário da Casa no início de maio. Eunício trabalha com a hipótese de que a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) aprovará a proposta em caráter de urgência, o que dará prioridade ao texto na pauta.

O relator do projeto, Roberto Requião (PMDB-PR), prometeu apresentar o seu novo parecer à CCJ nesta quarta-feira, 19, baseado nas sugestões do procurador-geral da República, Rodrigo Janot. Apesar de ter acatado parcialmente a proposta por meio de um substitutivo, Requião não aceitou modificar o trecho que trata de eventuais interpretações equivocadas da lei, considerado o mais polêmico.

Continue lendo Eunício prevê que abuso de autoridade será apreciado no Senado em maio

Derrota de Rogério Marinho: Câmara rejeita requerimento para acelerar tramitação da reforma trabalhista

Iolando Lourenço e Luciano Nascimento – Repórteres da Agência Brasil

Mesmo com a intenção do governo de acelerar a tramitação da reforma trabalhista na Câmara dos Deputados, o projeto terá que ser discutido e votado na comissão especial seguindo o rito usual, já que o plenário não aprovou o requerimento de urgência para apreciação da proposta. Eram necessários 257 votos para a aprovação, mas a base aliada só conseguiu mobilizar 230 deputados favoráveis à urgência da matéria. O pedido teve 163 votos contrários. Com isso, o projeto terá que ser discutido e votado na comissão especial da reforma trabalhista antes de ser levado para apreciação no plenário.

A intenção do governo era pular etapas e colocar o projeto para ser votado – tanto na comissão quanto no plenário – já na próxima semana. Com a rejeição da urgência, alguns prazos terão que ser obedecidos na comissão, entre eles duas sessões para vista do parecer e prazo de cinco sessões para apresentação de emendas, além da discussão e votação no colegiado. Continue lendo Derrota de Rogério Marinho: Câmara rejeita requerimento para acelerar tramitação da reforma trabalhista

Deputado Fernando Mineiro sugere ao Governo que instale movimento contra a violência

mineiroÉ preciso que Governo instale um gabinete de crise na segurança pública, um movimento com todos os segmentos. Essa é a opinião expressada pelo deputado Fernando Mineiro (PT) em pronunciamento na tarde desta terça-feira (18) no plenário da Assembleia Legislativa. Para ele essa é um a das medidas para o combate à violência no Estado.

“A temática que mais interessa à população é a insegurança, com o crescimento do crime de forma violenta no Rio Grande do Norte. É preciso que o Governo instale um gabinete de crise na segurança pública. É preciso prioridade para isso, porque a violência está destruindo o tecido social. A sociedade está paralisada, com a sensação de que tudo que se faz ou se pode fazer é inútil diante dos dados da violência que superam todo o histórico”, afirmou o deputado.

Continue lendo Deputado Fernando Mineiro sugere ao Governo que instale movimento contra a violência

Governador Robinson Faria poderá nomear delegada bacurau para Secretaria de Segurança

Fontes do Governo do Estado  informaram ao Blog do Primo que a delegada Sheila Freitas poderá ser a nova secretária de Defesa Social e Segurança Pública.

A delegada não acreditava na competência de Robinson para governar o RN, tanto que foi dedicada cabo eleitoral do candidato a governador Henrique Alves.

A delegada Sheila foi una das pessoas que participaram da elaboração do Plano de Governo do candidato Henrique Alves, caso ela seja confirmada para titular da Segurança Pública do RN, significa que Robinson aderiu as propostas do seu adversário.

Segundo fonte do Blog do Primo, delegada fiz campanha rasgada contra Robinson no município de Campo Grande e dentro da Secretaria de Segurança.

Resultado de imagem para Delegada Sheila Freitas Henrique Alves
Delegada Sheila fez diligências eleitorais para eleger Henrique Alves e derrotar Robinson

A delegada fiz campanha rasgada contra Robinson no município de Campo Grande e dentro da Secretaria de Segurança.

 

 

Copom sinaliza que juros podem cair para 8,5% ao ano

ebcPaula Laboissière – Repórter da Agência Brasil

A evolução da conjuntura econômica brasileira já permite uma maior intensificação do ritmo de flexibilização monetária – ou seja, um maior no corte de juros. A afirmação consta da ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), divulgada hoje (18), em Brasília, pelo Banco Central. Na semana passada, o juro foi cortado em 1 ponto percentual, caindo para 11,25% ao ano.

Segundo a ata, o cenário com trajetórias para as taxas de juros e câmbio extraídas da pesquisa Focus supõe, entre outras hipóteses, taxas de câmbio de R$ 3,23 e R$ 3,37 ao final de 2017 e 2018, respectivamente, e taxas de juros de 8,5% ao ano ao final dos dois anos.

Membros do comitê argumentaram, entretanto, que, dado o caráter prospectivo da condução da política monetária e a continuidade das incertezas e dos fatores de risco que ainda pairam sobre a economia, a decisão foi pela manutenção do ritmo observado na reunião – redução de 1 ponto percentual.

“O Copom ressalta que o ritmo de flexibilização monetária dependerá da extensão do ciclo pretendido e do grau de sua antecipação, que, por sua vez, dependerá da evolução da atividade econômica, dos demais fatores de risco mencionados acima e das projeções e expectativas de inflação”, diz a ata.

Assaltos em profusão no RN, empresário é assaltado a mão armada em Jardim do Seridó

Resultado de imagem para Posto Morvan
Posto Morvan

Por volta das 21 horas dessa segunda-feira(17), a Polícia Militar da cidade de Jardim do Seridó foi acionada pelo o empresário Morvanildo que estava sendo vítima de um assalto à mão armada.

Segundo Informações, o Posto Morvan, que fica na saída para Caicó, às margens da BR-427, foi assaltado por três elementos a bordo de um veículo, modelo Celta, na cor branca, e ainda armados com pistola.

Os bandidos anunciaram o assalto e fugiram com destino ignorado. De acordo com testemunhas, a terminação das placas do veículo tem o número 23. A Polícia Militar fez diligências pela cidade a procura dos elementos, mas até o presente momento nosso blog não foi informado se os mesmo já foram presos ou não.

Fonte Blog Seridó no Ar

Acompanhe as notícias do Blog Seridó no AR pelas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e YoutubeEntre em contato pelo WhatsApp: (84) 99900-4075.

Sob pressão das poderosas Confederações, a extinção do imposto sindical seria “pra inglês ver”

Por Ney Lopes

Especula-se em Brasília que a proposta do deputado Rogerio Marinho (PSDB-RN) de extinção do imposto sindical é “pra inglês ver”.

As poderosas Federações, Confederações e sindicatos do país não se conformam com a extinção desse imposto, embora todo o dia preguem aos quatro cantos do país que a carga tributária é insuportável e não aceitem aumentos de impostos, sob nenhum pretexto.

São bilhões de reais anualmente transferidos do contribuinte para essas instituições.

Há um parecer no Tribunal de Contas da União que praticamente isenta de fiscalização a aplicação dos recursos do IS, sendo apenas homologadas as contas dos gestores.

A aplicação do dinheiro atende às mais diferentes finalidades, a pretexto de financiamento de órgãos assistenciais.

Folha de hoje, 18, já informa que na condução da reforma trabalhista haveria acordo com o Governo, com o objetivo de usar a proposição de extinção do imposto sindical como moedas de troca  para obter apoios no Congresso à reforma da Previdência.

Vamos aguardar se as previsões serão confirmadas, ou não.

Empresário afirma que Justiça do Trabalho é “nababesca” manda senhoras “encher o * de rola”

Resultado de imagem para Gustavo Rocha Natal
Empresário Gustavo Rocha – simpático ao partido político Livres

O empresário Gustavo Rocha, primo dos investigados pela Polícia Federal e Ministério Público Federal, Henrique, Garibaldi e  Walter Alves, também é um grande defensor do  também investigado deputado ‘saco preto’ Rogério Marinho.

Ontem, assistindo a entrevista do deputado potiguar no Programa Roda Viva da TV Cultura, Gustavo Rocha, sobrinho do grande e estimado desembargador federal do trabalho José Rocha, responsável pela instalação do TRT-Tribunal Regional do Trabalho no RN, mandou duas senhoras “encher o cu de rola”.

Se o empresário da família Alves, mandou as senhoras “encher o cu” da mesma rola (Columbina picui), que sugeri o Procurador da República Kleber Martins “procurar”, ficará difícil,  por que cu não é ninho..

Segundo analistas e Procuradores do Ministério Público do Trabalho, o deputado Rogério Marinho faz um discurso de modernização da Legislação Trabalhista, mas, verdadeiramente o deputado saco preto está destruindo toda CLT ao tentar aprovar apenas um dispositivo estabelecendo que o “negociado sobrepõe o legislado”. Se o negociado  vale mais que o legislado, por qual razão teremos uma Legislação Trabalhista, indaga os especialistas em direito do trabalho. Para o empregador só interessará os empregados que negociarem com ele, os que não querem negociar certamente perderão seus empregos.

Contrários ao relatório afirmam que  ardilosamente o deputado Rogério Marinho tem desviado o debate para questões da organização sindical e outras firulas simpáticas a opinião pública para subtrair direitos adquiridos pela classe trabalhadora em 80 anos.

Boa parte dos empresários não gostam da Justiça do Trabalho.

18033413_1619151261445687_2454029311376312181_n

Virgulino Lampião poderá ser o próximo a deixar o governo por causa de Tatiana

Circula nos meios políticos que o secretário de Justiça e Cidadania, Walver Virgulino também poderá deixar o governo.

Uma fonte do Blog do Primo, diz que Lampião não suporta mais a ingerência da secretária-chefe do Gabinete Civil na sua pasta.

O clima é tão ruim que o primo Lampião estaria falando apenas o necessário com Tatiana.

Para se ter uma ideia da falta de respeito e espirito de equipe, a situação chegou a tal ponto que Tatiana vai visitar Alcaçuz e não comunica nem convida Virgulino que é o responsável pelo funcionamento pelo sistema prisional do RN.

Um assessor do governador que trabalha na Governadoria disse ao Blog do Primo que nem Maria Bonita se metia tanto no bando de Lampião como Tatiana se mete nos assuntos de Alcaçuz.

tatiana em alcaçuz
Foto revelando Tatiana visitando Alcaçuz atropelando Walber Virgulino que não foi convidado ou comunicado.

Eduardo Cunha desmente e complica Henrique Alves

Resultado de imagem para Henrique Alves
Henrique e seu parceiro Eduardo Cunha

O ex-deputado Eduardo Cunha confirmou que o ex-deputado federal Henrique Alves esteva na reunião da reunião com dirigentes da Odebrecht no escritório político de Temer de São Paulo.

O advogado de defesa de Henrique Alves disse que jamais seu cliente teria participado de tal reunião. Cunha, além de confirmar que Henrique participou, disse que foi Alves quem agendou a reunião para tratar de pagamento de propina ao PMDB no valor de R$ 40 milhões.

A declaração de Eduardo Cunha desmentindo Henrique Alves sinaliza que havendo uma delação, o ex-deputado potiguar poderá entrar na linha de tiro do primo Cunha.

Advogado de Lula diz que decisão de Moro é “mais uma arbitrariedade”

Estadão Conteúdo

O advogado Cristiano Zanin Martins, que defende o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, afirmou nesta segunda-feira, 17, em nota, que a decisão do juiz federal Sérgio Moro que exige a presença do ex-chefe do Executivo em audiências para ouvir testemunhas de defesa configura “mais uma arbitrariedade” contra o cliente. Martins afirmou que a determinação subverte o devido processo legal e transforma o direito de defesa de Lula em obrigação.

Continue lendo Advogado de Lula diz que decisão de Moro é “mais uma arbitrariedade”

Não me encontrei com FHC e Lula para acabar com a Lava Jato, diz Temer

Estadão Conteúdo

O presidente Michel Temer (PMDB) negou que tenha se reunido com os ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso e Luiz Inácio Lula da Silva para negociar um “acordão” com o objetivo de estancar a Operação Lava Jato.

“Eu encontro com frequência o presidente Fernando Henrique. Encontrei o presidente Lula algumas vezes, uma até num momento pesaroso para a vida dele. E encontrarei quantas vezes forem necessárias. Agora, não vou me encontrar para encerrar a Lava Jato”, afirmou Temer nesta segunda-feira (17), em entrevista ao SBT Brasil. Continue lendo Não me encontrei com FHC e Lula para acabar com a Lava Jato, diz Temer