“Eu aprendi em casa a ser leal”, diz Maia sobre Temer

Segundo a Constituição, Rodrigo Maia (d) assumiria a presidência em caso de cassação ou renúncia de Michel Temer

Estadão Conteúdo

Luciana Rosa, especial para a AE

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), declarou lealdade ao presidente Michel Temer (PMDB), nesta sexta-feira (7), no momento em que há defesa de seu nome por aliados do PSDB e do seu partido como alternativa viável à crise que desestabiliza a posição do peemedebista na Presidência.

“Eu aprendi em casa a ser leal, a ser correto e serei com o presidente Michel Temer sempre”, disse o democrata, em Buenos Aires, ao participar do encerramento do Fórum de Relações Internacionais e Diplomacia Parlamentar.

Questionado sobre o movimento, o presidente da Câmara disse ser “pura especulação” da imprensa. “Já começam a tratar que eu estaria usando a súmula 13 do Supremo [que veda nepotismo nos Três Poderes] para que ministro o Moreira Franco [Secretaria-Geral da Presidência] não continuasse. Mas o ministro Moreira Franco não é meu sogro, ele é casado com a minha sogra. Para você ver o nível de irresponsabilidade de alguns na imprensa brasileira também”, criticou.

Parnamirim é a cidade mais esburacada na Região Metropolitana de Natal

Imagem relacionada
Nem jumento aguenta trafegar em Parnamirim

Reclamações que chegam ao Blog do Primo dão conta da buraqueira em todos os bairros de Parnamirim.

O desmantelo é grande, com as últimas chuvas a cidade que já estava esburacada ficou caótica.

Utilizar automóveis em Parnamirim é impraticável, além das intermináveis lombadas, o motorista tem que desviar os buracos..

Lama, muriçocas  e buracos estão em todas as ruas..

O prefeito Teveira parece que está perdido, com um secretariado fraco ele não consegue fazer nada, só faz reclamar do ‘buraco’ que Maurício Marques deixou..

Primo Taveira tá mal..  pelo visto quem entrou no buraco foi ele..

Magistrados pedem cassação do Colar do Mérito Judiciário dado a Moreira Franco

Resultado de imagem para Moreira Franco e Henrique Alves
Moreira com seu amigo Henrique Alves inaugurando o Aeroporto Aluízio Alves em São Gonçalo do Amarante – obra ainda não investigada.

Por Sérgio Rodas

CONJUR

Ser citado por envolvimento em esquemas de corrupção e usar o cargo de ministro para obter foro por prerrogativa de função, em busca de dificultar medidas judiciais, são atos atentatórios “à dignidade e espírito da honraria” do Colar do Mérito Judiciário.

Por isso, o desembargador do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro Siro Darlan e os magistrados aposentados Hamilton Lima Barros e Fernando Marques de Campos Cabral pediram ao presidente da corte, Milton Fernandes de Souza, que casse tal condecoração do ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco (PMDB).

Juiz pergunta a advogados de Temer quanto ele quer de Joesley a título de indenização

O empresário Joesley Batista e o presidente Michel Temer (Foto: João Quesada)MARCELO ROCHA

Revista Época

O presidente Michel Temer enviou à Justiça dois processos contra Joesley Batista, do grupo J&F, autor das acusações que motivaram a denúncia contra o peemedebista enviada pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ao Supremo Tribunal Federal (STF). Temer denunciou Joesley por calúnia e protocolou também uma ação por danos morais.

No caso de representação criminal, a Justiça Federal em Brasília negou prosseguimento ao caso. Na esfera civil, o juiz Jayder Ramos de Araújo, da 10ª Vara Cível de Brasília, determinou aos advogados de Temer que seja indicado quanto o presidente quer receber de Joesley a títuto de indenização. Essa informação é necessária para que o processo tenha andamento.

Cobra de “veado” de mais de 2 metros é capturada por moradores em Carnaúba dos Dantas

Uma cobra de “veado” de mais de dois metros foi encontrada por pecuaristas na manhã desta sexta-feira, 7, no Sítio Carnaúba de Baixo, na zona rura do município de Carnaúba dos Dantas, na região Seridó Potiguar.

A cobra, que tinha acabado de engolir um filhote de caprino, foi capturada pelos moradores João Maia e “Cá” , e levado para um local mais distante das residências.

Segundo o jornalista Anderson Medeiros, que foi ao local, o animal estava agitado e os moradores apenas retiraram a cobra do local para colocá-la distante, pois próximo à localidade onde ela estava há uma fazenda com vários animais.

“Ela estava embaixo de um pé de árvore lá, não podia nem se mover porque estava digerindo o animal que tinha comido, pelo cheiro, acho que deve ter comido ontem”, detalhou o jornalista.

Fonte: Mossoró Hoje

Saiu de banda: ex-procurador da República citado por Temer em discurso deixa escritório de advocacia que presta serviços para J&F

Resultado de imagem para Jato Marcelo Miller
Tirou o corpo o procurador da República da Lava jato Marcelo Miller que foi trabalhar para JBS

O ex-procurador da Lava Jato Marcello Miller, criticado em discurso pelo presidente Michel Temer (PMDB), deixou na última quarta-feira, 5, o escritório Trench, Rossi, Watanabe, de onde era sócio desde meados de maio. A informação foi confirmada pelas assessorias de imprensa de Miller e do escritório. Ambos disseram que a decisão foi de “comum acordo”.

Miller integrou o grupo de trabalho da Lava Jato na Procuradoria-Geral da República (PGR) entre 2014 e 2016, e pouco depois se associou ao Trench, Rossi, Watanabe, que prestou serviços para o grupo J&F, um dos alvos das investigações. O escritório chegou a negociar parte do acordo de leniência firmado por executivos do grupo com o Ministério Público Federal do Distrito Federal.

O ex-procurador era ex-assessor do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e foi citado por Temer como alguém de sua “mais estrita confiança”, que “ganhou milhões em poucos meses”, graças ao acordo. Segundo a PGR, Miller não cometeu ato irregular e não participou pessoalmente das negociações do acordo da colaboração premiada dos executivos do grupo.

O Tribunal de Ética e Disciplina (TED) da seccional da Ordem dos Advogados do Brasil no Rio (OAB-RJ) abriu no fim de junho um processo de apuração formal para avaliar a conduta do ex-procurador. O caso estava sendo analisado pelo TED desde 31 de maio.

Artistas fazem campanha contra Temer: ‘Estamos de olho’

Alinne Moraes protesta contra Temer e avisa o relator do processo contra o presidente na CCJ, Sergio ZveiterArtistas começaram uma campanha contra o presidente Michel Temer nas redes sociais. Caetano Veloso, Alinne Moraes, Fernanda Lima, Vik Muniz, Leticia Limae Valesca Popozuda, entre outros, publicaram fotos em seus perfis no Instagram empunhando cartazes com a frase “Zveiter, estamos de olho”, uma referência ao deputado federal Sergio Zveiter (PMDB-RJ), o relator do processo contra Temer na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) da Câmara.

Fonte: Revista Veja

Picuinha besta: MP de Goiás quer a tornozeleira de Rocha Loures de volta

veja-logo

O Ministério Público Estadual de Goiás encaminhou ofício nesta quinta-feira ao procurador-geral da República, Rodrigo Janot, no qual informa que abriu um inquérito para apurar “tratamento privilegiado” concedido pelo governo goiano ao ex-assessor da Presidência Rodrigo Rocha Loures, que conseguiu reverter sua prisão do regime fechado para o domiciliar.

Loures havia sido preso pela Operação Lava Jato da Polícia Federal após ser flagrado recebendo uma mala recheada de dinheiro numa pizzaria.

No documento, o promotor Fernando de Aurvalle Krebs também afirma que recomendou a devolução da tornozeleira eletrônica instalada para monitorar o peemedebebista. O argumento: o Estado de Goiás só possui 902 tornozeleiras ativas e, disse o promotor, a de Rocha Loures“faz falta ao sistema prisional”.

Para fazer prazo de denúncia contra Temer avançar, Câmara tem quórum em uma sexta pela 1ª vez desde 2015

Apesar de atingido o quórum mínimo, o plenário permaneceu vazio na manhã desta sexta

Felipe Amorim

Do UOL, em Brasília

Com o início nesta sexta-feira (7) da sessão no plenário da Câmara dos Deputados, já se passaram duas das cinco sessões do prazo para que a CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) conclua a análise da denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB). O prazo de cinco sessões do plenário começou a ser contado a partir da entrega da defesa do presidente à CCJ, na última quarta-feira (5).

Aliados de Temer pediam ontem que os deputados garantissem o quórum mínimo (de 51 parlamentares) para a abertura da sessão desta sexta-feira. A estratégia da base do governo é apressar a tramitação da denúncia na CCJ. Deputados da oposição membros da CCJ no entanto têm afirmado que o não cumprimento do prazo de cinco sessões não traria consequências ao andamento do processo.

Às 9h50, 69 deputados haviam registrado presença pelo sistema eletrônico da Câmara. Apesar de atingido o quórum mínimo, o plenário da Câmara permaneceu vazio na manhã desta sexta.

Boa notícia: Inflação foi negativa em junho; país teve maior queda nos preços em 19 anos

Imagem relacionadaIPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), que mede a inflação oficial no país, foi negativo em 0,23% em junho, a taxa mensal mais baixa em 19 anos, desde agosto de 1998 (-0,51%). Considerando apenas os meses de junho, nunca houve uma taxa tão baixa desde o início do Plano Real, em 1994.

Com o resultado, o país registra a primeira deflação (queda dos preços) mensal em 11 anos, desde junho de 2006 (-0,21%).

Em maio, os preços haviam subido 0,31%. Um ano antes, em junho do ano passado, o IPCA foi de 0,35%.

A queda em junho ajudou a inflação no primeiro semestre a fechar em 1,18%, patamar bem inferior aos 4,42% no mesmo período do ano passado e o menor valor para primeiros semestres desde 1994. No acumulado de 12 meses, o índice foi de 3%, também abaixo dos 3,6% relativos aos doze meses imediatamente anteriores.

As informações foram divulgadas pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nesta sexta-feira (7).