Saiba como é um cruzeiro para casais liberais

Resultado de imagem para cruzeiro para casais liberaisJá imaginou como é viajar a bordo de um cruzeiro para casais adeptos da troca de parceiros? Os cruzeiros de swing despertam curiosidade e aguçam a vontade de muitas pessoas, mas ainda são um mistério para quem não está envolvido nesse ambiente. Com adeptos no mundo inteiro, especialmente na Europa e nos Estados Unidos, é uma das vertentes de turismo voltado para casais liberais e, assim como os resorts e hotéis liberais, as viagens têm suas próprias particularidades.
 A primeira grande vantagem do cruzeiro de swing é saber que o casal estará em um ambiente cheio de pessoas com os mesmos objetivos. “Vai ter 1.100 casais liberais interessados. A interação é muito mais fácil”, afirma o proprietário da empresa especializada em férias para casais liberais, Casal First Tour, Paulo Macedo.
 Macedo, que realizou em janeiro de 2015 o primeiro cruzeiro de swing da América do Sul, ressalta também outra atração dos roteiros liberais: “Tem a nudez, que é interessante. As pessoas curtem isso, principalmente em alto-mar”, comenta. É preciso ter em mente, no entanto, que dentro do navio nem todas as áreas estão abertas ao nudismo. O nu geralmente é restrito a ambientes como a piscina e, em alguns casos, apenas quando o navio está em navegação.

No Brasil, só em 2018 

O primeiro cruzeiro liberal realizado no Brasil ocorreu no início de janeiro deste ano, a bordo do Azamara Journey, da Azamara Club Cruises, em roteiro com partida do Rio de Janeiro para Argentina e Uruguai. “Esse foi um balão de ensaio, feito com um navio pequeno e numa data que interessaria quase que exclusivamente a estrangeiros”, diz Macedo. E isso foi confirmado pela ocupação, com 80% dos cerca de 700 hóspedes estrangeiros. “Vendeu bem, pelo ineditismo”, analisa.

De acordo com Macedo, o público interno ainda é “muito recatado” quando se trata deste tipo de turismo. “Muitos brasileiros ficam inibidos, têm medo de repórteres, de divulgação”. Mas para quem tem esse receio é bom lembrar que a bordo a política sobre divulgação de imagens é bastante restritiva e rígida. Não é permitido fotografar ou filmar passageiros sem total consentimento, e o anonimato é levado muito a sério.

Facebook Comments
Facebook