Renan deflagra campanha para tentar impedir candidatura de Meirelles

Gustavo Maia

Do UOL, em Brasília

Às voltas com a própria pré-campanha à reeleição em Alagoas, o senador emedebista Renan Calheiros deflagrou uma campanha para tentar impedir a candidatura do ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles à Presidência pelo MDB.

Crítico ferrenho do presidente Michel Temer (MDB), principal cabo eleitoral de Meirelles para a escolha como candidato da sigla nas convenções partidárias, Renan gravou nesta sexta-feira (13) um vídeo que será distribuído a partir deste sábado (14) a todos os delegados do partido –pessoas aptas a votar no evento agendado para o próximo dia 2 de agosto.

“Gostaria de pedir o seu apoio para defendermos o MDB livre de candidatura presidencial que nos encolha, que nos rebaixe. Não podemos fazer da nossa legenda, cuja história se confunde com a do Brasil, uma legenda de aluguel, movida pelos interesses do sistema financeiro, com uma pauta política que nos afronta e nos envergonha”, diz o senador na gravação obtida pelo UOL.

Na mensagem, ele pede aos delegados o voto contra a candidatura de Meirelles “e a favor da liberdade de alianças em cada estado”. “O nosso partido é o maior do Brasil. Nós temos excelentes senadores, deputados estaduais, deputados federais, governadores”, afirma Renan.

“E a presença dele, com essa agenda contra os pobres e contra os trabalhadores, vai prejudicar o MDB e sua história. Vamos à luta. Porque somos maiores do que o que querem nos fazer. Um grande abraço e vamos à vitória no dia 2”, conclui o senador.

Facebook Comments
Facebook