Arquivo diários:06/09/2018

País perdeu controle dos presídios e facções garantem vida de presos, diz ministro da Segurança

O ministro Raul Jungmann reconhece que o crime domina o sistema prisionalCarlos Madeiro

Colaboração para o UOL, em Maceió

Com mais de 700 mil presos espalhados por delegacias e presídios superlotados, o Brasil deixou de garantir a segurança das pessoas atrás das grades e a missão cabe hoje às facções criminosas. A afirmação é do próprio ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, dada após evento na última quinta-feira (30), com procuradores e promotores responsáveis pela investigação de organizações criminosas de todo o país.

“O crime domina o sistema prisional porque o poder público não garante a vida dele [do preso]”, disse Jungmann. “Quem garante, lá dentro, é a facção.”

Na avaliação do ministro, o aperto financeiro, uma vez que o detento está preso, o torna alvo fácil para as facções. “Quem vai garantir muitas vezes essa renda para ele e para a família dele é a facção. Só que ela vai exigir que ele faça um juramento e ele passa a ser um escravo, dentro e fora do presídio.”

Para Jungmann, não há outra fórmula para reduzir o poder das facções que não seja o Estado garantindo a vida do preso em custódia. “Assim podemos tirá-lo das mãos das facções. Claro, ele vai continuar a pagar pelo que fez, mas, se deixar ele absolutamente indefeso em relação à sua vida lá dentro, a pergunta que faço à sociedade é: isso está valendo a pena?”, questionou o ministro.

Styverson ao não pedir votos para seus correligionário, descredencia e afunda a REDE

Styverson não esta nem aí para o candidato a governador Freitas Júnior o a candidata a presidente Marina Silva

Coitado do candidato da REDE, primo Freitas Júnior, sua candidatura está deitada numa rede furada..

O candidato a senador da REDE, Styverson Valentin disse ontem(5) que não dede votos para ele nem para ninguém.. Certamente dá margem a pensar que para o candidato senador Styverson os candidatos da REDE não merecem votos por serem incapazes e inconfiáveis.. Neste caso, valendo essa interpretação, a REDE está descredenciada até pelo seu candidato a senador.. Nem mesmo para a candidata à Presidência da República Marina Silva, o capitão pede votos..

Como o candidato a governador Freitas pode pedir a confiança do povo potiguar se nem o candidato a senador do partido dele pede votos para ele?

Deputado Federal Fábio Faria destinou mais de R$1 bilhão em emendas para a saúde no último ano deste mandato

Dentre os oito deputados federais da bancada potiguar, o deputado Fábio Faria foi o que destinou mais emendas para a Saúde do Rio Grande do Norte. Foram R$ 7.117.311,00, o que representa mais da metade da cota de emendas que cada deputado tem direito.

Os recursos são destinados para várias áreas, entre elas equipar e incrementar as unidades básicas de Saúde nos municípios, onde a população mais precisa de atendimento.

Fábio é o campeão da bancada federal e já mereceu o título de deputado da saúde, porque, além das emendas, ele também conseguiu liberar R$ 650 milhões de reais extras, em 2017, para investimentos, custeio, reestruturação, equipamentos e manutenção dos hospitais da rede pública na capital e no interior. E este ano de 2018, já foram outros R$ 350 milhões extras.

Ex-deputado Manoel do Carmo deixa e apoiar Fátima Bezerra para apoiar Robinson Faria

O ex-deputado estadual e ex-prefeito de Serrinha,  Manoel do Carmo declarou apoio à candidatura de Fátima Bezerra ao Governo do Estado, mas, ao ouvir seus amigos e correligionários, ele refluiu e decidiu, ouvindo seus amigos e seguidores, apoiar o governador Robinson Faria.

Diante dessa nova decisão, também passaram a apoiar Robinson, a ex-prefeita Marluce, o vice-prefeito Fernando, o vereador Rodrigues e o vereador Rodrigo do Carmo..

A Caravana da Vitória passou em Serrinha no domingo passado e constatou o desejo do povo em reeleger o governador e não podemos deixar de ouvir nosso povo,  disse o vereador Rodrigo do Carmo