Bolsonaro manda nova lista de nomes para compor equipe de transição

Por Carla Araújo e Marcelo Ribeiro | Valor

BRASÍLIA  –  O presidente eleito Jair Bolsonaro enviou ao Palácio do Planalto mais uma lista com indicados para compor a equipe de transição. A lista, com cerca de 30 nomes, chegou no fim da tarde na Casa Civil. A área jurídica do governo já encaminhou os indicados para pesquisa nos sistemas de inteligência que avaliam o perfil dos servidores e possíveis impedimentos para o cargo. Os nomes, no entanto, devem ser publicados no Diário Oficial da União na semana que vem.

Pela lei de transição, Bolsonaro tem até 50 cargos à sua disposição para compor a equipe de transição. Já indicado como futuro ministro da Justiça, o nome de Sergio Moro, ainda não deve constar na lista, já que ele só pode ser nomeado após ser exonerado da magistratura.

Segundo uma fonte, os nomes das primeiras mulheres indicadas para compor a equipe de transição devem estar na nova lista.

Além da tenente coronel do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal Márcia Amarílio da Cunha Silva e da tenente do Exército Silvia Nobre Waiãpi, primeira indígena a integrar as Forças Armadas, também foram confirmadas as indicações de Clarissa Costa Longa e Gandour, doutora em economia, e da tenente do Exército Liane de Moura.

Facebook Comments
Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *