Arquivo diários:02/02/2020

Kakay sobre pais de Damares: ‘Se não tivessem trepado, estaríamos livres dela’

Combo O Antagonista+ e Crusoé

O criminalista Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, atacou Damares Alves em um grupo de advogados no WhatsApp.

“Foi uma pena os pais desta idiota não terem feito o que ela prega. Se não tivessem trepado, estaríamos livres dela”, escreveu Kakay, segundo a Veja.

Outro integrante do grupo, Felipe Zanchet, completou dizendo “devem ter fecundado ela na posição de quatro”.

Trechos da conversa chegaram a Damares, que acionou a AGU para processar Kakay, notório por defender envolvidos em escândalos de corrupção.

Coronavírus: governo vai resgatar brasileiros que estão em Wuhan

Por Agência Brasil

Por meio de nota conjunta emitida neste domingo (2), o Ministério das Relações Exteriores e o Ministério da Defesa anunciaram que o governo brasileiro adota todas as medidas necessárias para trazer de volta ao Brasil os cidadãos brasileiros que se encontram na província de Hubei, especificamente na cidade de Wuhan, na China, região de origem da epidemia do coronavírus.

Serão trazidos todos os brasileiros que se encontram naquela região e que manifestarem desejo de retornar ao Brasil.

A nota também foi publicada pelo Twitter do Ministério das Relações Exteriores.

Assim que chegarem ao Brasil, eles deverão ser submetidos a quarentena, de acordo com procedimentos internacionais, sob a orientação do Ministério da Saúde.

O Ministério da Defesa, por meio da Força Aérea Brasileira, trabalha na elaboração do plano de voo da aeronave, possivelmente fretada, que será enviada à China.

Duas brasileiras, que se encontravam em Wuhan e também possuíam nacionalidade portuguesa, já embarcaram em voo francês que transportou cidadãos da União Europeia. Elas farão quarentena em Portugal.

PT entra na Justiça para que Santini pague por uso de jatinho da FAB

O presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), devolveu aos cofres públicos R$ 9,7 mil por ter levado a família em avião da Força Aérea Brasileira (FAB) para ver a final da Copa das Confederações no Maracanã. 

A bancada do PT entrou, na Justiça nesta sexta-feira (31) com uma ação popular contra o ex-secretário executivo da Casa Civil José Vicente Santini . O partido pede o ressarcimento dos custos da viagem feita por Santini em um jato da Força Aérea Brasileira (FAB) de Davos (Suíça), onde acontecia o Fórum de Davos, para Nova Délhi, na Índia. Segundo informações da imprensa, o custo total da viagem seria de R$ 700 mil.

A ação que foi assinada pelo líder, Enio Verri (PT-PR) e pelo deputado Paulo Pimenta (PT-RS) diz que Santini praticou um “ato ilegal e lesivo ao patrimônio público”, já que usou o jato da FAB “para fins particulares, com o único objetivo de obter vantagem pessoal, em prejuízo do erário”. Os parlamentares solicitam que a Justiça determine que Santini “promova o integral ressarcimento dos prejuízos causados ao patrimônio público” e que o Ministério Público Federal receba os autos sobre o caso para entrar com uma ação civil contra o ex-secretário por improbidade administrativa.

Congresso em Foco

Fátima envia mensagem à AL: “respeito à livre manifestação”

A governadora Fátima Bezerra enviará nesta segunda-feira (3), à Assembleia Legislativa, a mensagem anual aos parlamentares e ao povo do Rio Grande do Norte com as realizações, resultados alcançados e perspectivas do Governo para os próximos anos. Fátima comunicou ao presidente da ALRN, deputado Ezequiel Ferreira, as razões pelas quais não irá à sessão e disse que o documento será entregue pelo Gabinete Civil do Estado.

“Não irei ao legislativo acirrar uma discussão que está em plena negociação, que é o caso do projeto de reforma da previdência. A minha luta com estes, que são companheiros de uma vida inteira, é e sempre será no campo do diálogo”, destacou a governadora. Fátima concluiu que sua presença na AL acirraria a mobilização que representantes do funcionalismo estão programando para amanhã no entorno do legislativo. “Respeitando a livre manifestação dos nossos servidores – e entendendo que estamos em processo de diálogo – resolvi enviar a mensagem em cumprimento ao regimento”.

Obrigatoriedade
“Nós lutamos no plano nacional contra a reforma da maneira como foi concebida e aprovada. Mas perdemos no Congresso, fomos derrotados. A função que ocupo hoje com muito orgulho, de governadora de todos os potiguares, não me permite escolhas. Eu sou obrigada a cumprir a lei. Há muita desinformação em torno desse assunto, mas precisamos esclarecer as pessoas: a reforma é obrigatória, é necessária. O que está ao nosso alcance para amenizá-la (como diminuir o impacto nos salários menores de ativos e inativos) nosso Governo está fazendo”, acrescentou a governadora.

Trivela do Magão de Caicó terá serpente e boi em alusão ao Poço de Sant’Ana

O famoso Bloco do Magão, surgiu na década de 80 como uma crítica ao abandono do Poço de Sant’Ana de Caicó. Por isso, o nome oficial do Bloco é Ala Ursa do Poço de Sant’Ana.

Diz a lenda que a cidade surgiu da prece de um vaqueiro às margens do poço. O vaqueiro fugia de um touro bravio e fez uma prece a Sant’Ana. Outra lenda conta que o poço é abrigo de uma serpente gigante. Hoje, 40 anos depois, o poço continua abandonado e poluído.

A irreverência e alegria do Ala Ursa do Poço de Sant’Ana comemora 40 anos agora em 2020 e irá para a avenida com uma homenagem especial ao poço. A trivela que carrega a orquestra foi projetada pelo arquiteto Marcílio Avelino e trará uma cobra gigante e a cabeça de um boi, lembrando as lendas do Poço de Sant’Ana. As peças estão sendo desenvolvidas por dois grandes artistas de Caicó: Lídia Brasileira e Custódio Jacinto.

O Ala Ursa do Poço de Sant’Ana será o bloco que sairá mais dias na avenida, da quarta (19) a quarta-feira de Cinzas (26), garantindo oito dias de folia.

Túlio Lemos vai promover o “CARNAXEXO” em Macau, diz leitor do Blog

Leitores macauenses do do Blog do Primo estão enviando mensagens indginados com a decisão do prefeito Túlio Lemos em fazer o Carnaval.

Segundo nossos leitores, Macau sucumbiu administrativamente, a cidade está vivendo uma verdadeira hecatombe. A gestão do prefeito Tulio Lemos não paga a ninguém, servidores municipais, fornecedores e prestadores estão atrasados. O mais engraçado, são relatos de empresários que são contratados pelo prefeito que prestam serviços, extraem notas fiscais e não recebem o pagamento. Além de entregarem os produtos ou prestarem serviços e não receberem os pagamentos, os empresários pagam os impostos e ficam no prejuízo.

Segundo o primo Elias que é macauense e  leitor do Blog do Primo, o Carnaval de Túlio tem nome: CARNAXEXO

Foto da Presidência mostra produto proibido na mesa de Bolsonaro

Suplemento proibido na mesa de Bolsonaro (Crédito: Marcos Corrêa/PR)

Fotos tiradas por um dos fotógrafos oficiais da Presidência da República mostram um suplemento alimentar proibido na mesa do presidente Jair Bolsonaro, informa o Correio Braziliense. O produto é o um frasco de Moringa oleifera, que é proibido no Brasil pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), segundo apuração do Correio. O produto é feito à base de uma planta do mesmo nome, nativa do norte da Índia.

As fotos foram tiradas na última quarta-feira, em reunião de Bolsonaro e alguns ministros para receber Regina Duarte como nova titular da Secretaria da Cultura. Questionado sobre o assunto pelo Correio Braziliense, o governo não se pronunciou.

Juízes querem continuar usando redes sócias sem restrições

A liberdade de manifestação do pensamento não pode ser restringida, pois representa um dos fundamentos em que se apoia a noção de Estado Democrático de Direito, não sendo passível de censura estatal, ainda que praticada em sede jurisdicional.

Esse é um dos argumentos da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) em uma ação direta de inconstitucionalidade apresentada ao Supremo Tribunal Federal contra a resolução 305/2019 do Conselho Nacional de Justiça, que estabelece os parâmetros para uso de redes sociais pelos magistrados.

“Os magistrados são, antes de tudo, cidadãos, não podendo lhes ser negado um direito fundamental. Ora, a premissa estabelecida na própria exposição de motivos da Resolução é a de que “o juiz não é um cidadão comum”. Mas isso não significa que pode ser afastado direito fundamental garantido a todos os cidadãos. Privar os juízes do direito à liberdade de expressão é relegá-los a uma condição inferior, como se fossem cidadãos menos qualificados”, diz a Ajufe.

Continue lendo Juízes querem continuar usando redes sócias sem restrições

Fritar ministro é “coisa de gente desqualificada” diz general

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O general Carlos Alberto dos Santos Cruz, ex-ministro da Secretaria de Governo, afirma que sofreu uma situação de fritura política que culminou com sua saída do governo, em junho de 2019. Para ele, esse tipo de processo é coisa de “de gente desqualificada” e da “escória da política”.

“É um processo de que participam pessoas que não têm qualidade nenhuma, moral e profissional. Para você demitir um ministro, ou qualquer pessoa em função de confiança, é só conversar e mais nada”, disse o ex-ministro, durante programa de entrevistas da Folha e do UOL, em estúdio compartilhado em Brasília.