Arquivo diários:13/03/2020

Prefeito Paulo Emídio comemora com a governadora Fátima Bezerra o lançamento do edital para pavimentação da Estrada da Produção em São Gonçalo do Amarante

O edital para contratação da obras de pavimentação da Estrada da Produção em São Gonçalo do Amarante foi lançado nesta sexta-feira,13. A rodovia tem dois trechos conectando o centro de São Gonçalo do Amarante (SGA) aos distritos de Serrinha, Maçaranduba, Canto de Moça e faz ligação ao acesso sul ao Aeroporto.

A Estrada da Produção também fará a ligação do polo empresarial de SGA aos distritos e à via Metropolitana de Natal, que por sua vez dá acesso às BR’s 406 e 226. Isso vai contribuir para o melhor escoamento de produtos, incrementar o turismo e efetivar uma nova conexão da Região Metropolitana de Natal com os municípios do interior e a outros estados.

O valor dos serviços é de R$ 23,5 milhões, com financiamento do programa Governo Cidadão. São 12,9 quilômetros de extensão em dois trechos. O primeiro com 7,9 quilômetros ligando SGA ao distrito de Serrinha próximo ao entroncamento do acesso sul ao aeroporto e às RN 312. O segundo trecho tem 5 quilômetros e acessa o distrito de Boa Vista.

Continue lendo Prefeito Paulo Emídio comemora com a governadora Fátima Bezerra o lançamento do edital para pavimentação da Estrada da Produção em São Gonçalo do Amarante

SESAP orienta cancelamentos de shows, festas e missas

A Secretaria de Saúde Pública do Rio Grande do Norte(SESAP) recomenda a suspensão de eventos com aglomerações acima de 100 pessoas, após a confirmação do primeiro caso de Covid-19 no estado, na quinta-feira (12).

A SESAP orienta que shows, festas e missas sejam canceladas para evitar o contágio pelo novo coronavírus. As informações foram repassadas à imprensa em coletiva nesta sexta (13). Segundo o chefe da pasta, Cipriano Maia, ainda não é necessária a suspensão das aulas das redes públicas de ensino.

As 10 melhores carnes para fazer o melhor churrasco para os amigos.


Sábado e Domingo são dias de churrasco entre os amigos ou a família. Um bom churrasco incluir reunir as pessoas, colocar uma boa música e aproveitar o dia.

Mas nada vai bem se você não souber escolher a carne certa para levar à churrasqueira. Por isso, separamos neste artigo as 10 melhores carnes para você preparar um churrasco perfeito.

1. Picanha

A campeã no ranking dos churrasqueiros. A picanha é uma carne macia e suculenta, de cor avermelhada com uma grossa capa de gordura que possui um sabor incomparável. A peça deve ter no máximo 1,3kg e é servida ao ponto ou mal passada.

2. Costela

Corte clássico do churrasco gaúcho, a costela de porco ou de boi tem um sabor indescritível. É encontrada em duas versões: costela ripa e costela ponta de agulha ou minga. A primeira tem a carne mais seca e ossos maiores, a segunda tem mais gordura e carne entre os finos ossos. Ambas devem ser servidas ao ponto.

3. Fraldinha ou vazio

É a ponta da agulha ou da costela. Esta carne tem pouca gordura e essa parte deve ser retirada na hora de servir. É um corte leve e macio que precisa ser assado com cuidado, pois passa do ponto com facilidade e rapidez. Para servir, elimine o excesso de sal grosso e corte em pedaços grossos.

4. Maminha

A maminha tem pouca quantidade de gordura e por isso uma carne leve e suculenta. Pode ser preparada no espeto ou na grelha e temperada apenas com sal grosso. Deve ser servida entre mal passada e ao ponto e fatiada aos poucos em fatias finas. Se passar do ponto, pode ter o sabor alterado.

5. Alcatra

É uma boa alternativa ao preço da picanha, mas igualmente é um carne nobre e saborosa para o churrasco. Macio e com pouca gordura, a alcatra fica pronta rapidamente, em menos de meia hora. É preparada preferencialmente na grelha, mas pode ser assada no espeto em fatias de cerca de 8 cm ou em pequenos cubos no EspetinhoFlex, aquele acessório que assa com palitos de madeira no EspetoFlex.

6. Filé mignon

O filé mignon não é uma das carnes mais procuradas para o churrasco por ser o mais nobre dos cortes. É uma carne macia e com sabor levemente adocicado. Prepara-se na grelha em pedaços grandes ou peça inteira. Também é utilizado para compor o espetinho ou xixo, que fica uma delícia entremeada com pedaços de cebola ou pimentão.

7. Contrafilé

Este corte é suculento e um dos mais macios e adequado para uso em grelhas. O contrafilé é a carne ideal para quem gosta de mal passado e deve ser servido em bifes grossos ou picado. Para prepará-lo, retire o nervo da lateral e asse em alta temperatura para não endurecer a carne.

8. Miolo da Alcatra

O miolo da alcatra é uma carne com pouca gordura, leve e saborosa, por isso é muito macia. É muito querida pelos churrasqueiros por seu sabor acentuado e rápido preparo. Deve ser cortado em peças maiores e preferencialmente preparado na grelha, preferencialmente.

9. Chuleta

A chuleta é um corte muito saboroso e entremeado de gordura. Deve ser temperada apenas com sal grosso e assada na grelha. Fica pronta em cerca de 15 a 20 minutos, precisando ser virada na metade do tempo, quando o suco da carne “brotar” na superfície.

10. Cupim

Um clássico do nosso churrasco, o cupim tem preparo lento e é uma carne bastante fibrosa. Tem um sabor característico e costuma ser servido junto a acompanhamentos e pratos de entrada. Pode ser assada enrolada em papel alumínio para distribuir melhor o calor na peça.

Carnes para churrasco: 5 itens especiais e baratinhos

Bacon

Este pedaço suíno é um elemento ainda não muito popular nos churrascos. No entanto, o bacon fica bem saboroso quando assado na churrasqueira. Isso porque, ele é um misto de carne com gordura. Depois de assadinho, é só cortar em pedaços menores e servir.

Linguiça calabresa

Apesar de bem comum na mesa brasileira, a linguiça calabresa ainda encontra resistência nas churrasqueiras. Por lá, as linguiças toscanas, linguiça de frango e de pernil costumam reinar. Porém, assada e cortadas em rodelas fininhas, a calabresa é um ótimo tira gosto para acompanhar a cerveja gelada.

Sobrecoxa de frango

Apesar das asas e coxinhas de frango serem bem tradicionais, a sobrecoxas estão começando a ganhar seu espaço. Por ser uma parte mais gordurosa do frango, possui também a textura diferente, além de um sabor marcante.

Por ser um pedaço maior e que precisa estar bem cozida por dentro para o consumo, vai demandar mais habilidade do churrasqueiro. Aliás, uma opção é desossá-la antes de colocar para assar, caso não encontre assim no mercado.

A sobrecoxa é uma daquelas carnes para churrasco que podem ser temperada apenas com sal. Mas, se você preferir, pode também colocar limão, pimenta ou outras especiarias.

Peito de frango

Assim como a asa, o peito de frango é sucesso entre as crianças, por ser uma carne mais fácil de mastigar e com sabor mais brando. Também não tem mistério quanto ao tempero. Porém, é necessário atenção ao ponto da carne de frango, que nunca pode ser mal passada.

Aliás, o frango é uma ótima opção para fazer um churrasco barato, pois possui o preço bem inferior, em relação à carne bovina.

Cebola

Muitas pessoas torcem o nariz para a cebola, seja pela textura crocante, seja pelo sabor forte. Por isso, experimente fazê-la na churrasqueira e se surpreenda! Dá uma olhadinha neste vídeo do Churrascarte e descubra como faz.

Depois de assá-la, você pode temperar como preferir.

Fundação José Augusto suspende programação do Dia Nacional da Poesia no Memorial Câmara Cascudo

A Fundação José Augusto, atenta às questões relacionadas ao Coronavírus, preocupada com a saúde e o bem-estar da comunidade, e seguindo as recomendações da Secretaria de Saúde do Estado do Rio Grande do Norte (SESAP) para evitar aglomerações públicas, comunica que as atividades que celebrariam o Dia Nacional da Poesia, marcadas para este sábado, 14 de março, no Memorial Câmara Cascudo, a partir das 16h, estão temporariamente suspensas.

A FJA avaliará as condições para a realização do evento em nova data.

Câmara Municipal de Natal inicia protocolo de prevenção ao novo coronavírus

A Câmara Municipal de Natal, através da sua Mesa Diretora, deu início nesta sexta-feira (13) à aplicação de medidas referentes ao protocolo de saúde que visa prevenir a infecção e propagação do COVID-19, novo coronavírus, no âmbito da Casa e preservar a saúde dos servidores, visitantes e parlamentares.

A medida ocorreu devido à confirmação por parte da Secretaria de Estado da Saúde Pública do primeiro caso da doença no Rio Grande
do Norte, mais precisamente na cidade do Natal, e ao aumento de casos da doença no país.

Para isso, o acesso ao Palácio Padre Miguelinho estará restrito apenas aos vereadores e vereadoras, servidores, prestadores de serviço e terceirizados, bem como profissionais de comunicação/imprensa, salvo situações excepcionais autorizadas previamente pela Mesa Diretora.

Entre as medidas adotadas pelo Legislativo natalense estão a suspensão, por tempo indeterminado, da realização de audiências públicas, sessões solenes, reuniões de Frentes Parlamentares e qualquer homenagem e eventos coletivos nas dependências da Casa.

Ficam mantidas apenas as Sessões Ordinárias e reuniões de Comissões, com acesso limitado ao público já citado anteriormente.

Mesa Diretora da Câmara Municipal de Natal

Rio e São Paulo têm transmissão comunitária de coronavírus

Os municípios do Rio de Janeiro e de São Paulo já registram transmissão sustentada ou comunitária do novo coronavírus, segundo o Ministério da Saúde. Esse tipo de transmissão ocorre quando não é mais possível saber a origem da infecção por ter se alastrado aleatoriamente. É diferente da transmissão local, quando se sabe quem passou o vírus a quem. E as infecções importadas, as primeiras notificadas no país, ocorrem quando os doentes se contagiaram fora do Brasil.

A transmissão sustentada é o terceiro e último estágio epidemiológico. Faz com que as autoridades elevem o nível de alerta e adotem medidas de maior restrição. A orientação do Ministério da Saúde, divulgada nesta sexta-feira, inclui até antecipação das férias escolares ou uso de ferramentas de educação a distância. É também recomendado redução do fluxo laboral, com adoção de medidas como home office, reuniões virtuais e horários alternativos de trabalho.

De acordo com a última atualização na plataforma do Ministério da Saúde, o Brasil registra 98 casos confirmados de Covid-19, além de 1.485 casos suspeitos. Outros 1.344 foram descartados. No entanto, os números já são maiores, se consideradas as divulgacões nos estados.

O número de casos incluídos na plataforma digital do Ministério da Saúde tem um certo atraso em relação aos dados divulgados pelos próprios estados. Em todo o estado do Rio de Janeiro, a pasta contabiliza 76 suspeitos e 16 confirmados. No estado de São Paulo, são 753 suspeitos e 56 confirmados na base de dados do ministério, que teve a última atualização na tarde desta sexta-feira.

Ao menos 210 mil alunos universitários, de instituições como Universidade de Brasília (UnB) e Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), estão ou terão as aulas suspensas na tentativa de contenção do vírus. Em geral, a medida deve durar de três a 15 dias e é tida como prevenção. Entre as instituições que optaram por suspender as atividades estão também a Federal Fluminense (UFF) e a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

No Rio de Janeiro, a UFF adiou o início do período letivo, que seria na segunda-feira (16), para a outra semana. A instituição tem cerca de 50 mil alunos divididos por seus campi, que estão em nove municípios do estado.

O Globo

Casal João Maia/Shirley recebe glamourosamente e Protasios ficaram fora

Casal Júlio e a competente vereadora Ana Paula ficaram de fora da foto.

O casal deputado federal João Maia e prefeita Shirley receberam em alto estilo os casais VIPs do PL.  Presentes os casais do alto clero George Soares e Daniele, Kleber Rodrigues e Raquel, e Ubaldo e Ivanilda.
Pelo visto o casal Protásio não foi convidado ficando no baixo clero, fora da glamorosa e íntima recepção.

Movimento no tapetão para tirar Maurício Marques da disputa pela Prefeitura de Parnamirim

Maurício Marques, sucessor de Agnelo Alves, que pretende voltar, faz medo aos adversários

Com o desmantelamento da candidatura à reeleição do prefeito Rosano Taveira, que  além de perder seu principal aliado que foi o ex-prefeito Maurício Marques e agora com o rompimento da vice-prefeita Elienai Cartaxo, setores do governo e pretensos candidatos a prefeito estão fazendo um movimento, conforme tomou conhecimento o Blog do Primo,  para desaprovar as contas da gestão de Maurício Marques na Câmara Municipal e torná-lo inelegível.

Fonte do Blog do Primo garante que depois da divulgação de pesquisas apontando Maurício como forte candidato, entrevistas de Maurício rompendo três anos de silêncio contando a verdade, rompimento da vice-prefeita e o crescimento da sua candidatura, o ex-prefeito Maurício Marquem passou a ser alvo daqueles que querem governar Parnamirim.
O Blog do Primo ficou sabendo que as matéria para analizar as contas de Maurício Marques esta semana tramitou com grande velocidade. O presidente da Câmara Municipal Irani Guedes e aliado do prefeito tem despachado as matérias com rapidez impressionante.
Segundo fonte do Blog do Primo, contenta-se nas rodas políticas que um voto de vereador contra Maurício Marques poderá custar R$ 150 mil. Setores do governo e da oposição querem tirar Maurício da disputa.
Vamos aguardar quais os vereadores que foram da bancada do governo quando Maurício foi prefeito que votarão contra ele.

 

Senadores em quarentena aguardam resultado de exames

Os senadores Nelsinho Trad (PSD-MS) e Jorginho Mello (PL-SC) aguardam para esta sexta-feira, 13, o resultado do teste para o novo coronavírus. A demanda em laboratórios está alta, o que impede a conclusão no mesmo dia, de acordo com informações dos gabinetes.

Os parlamentares estão em quarentena após terem feito parte da comitiva presidencial brasileira nos Estados Unidos nesta semana. O secretário de Comunicação, Fabio Wajngarten, fez parte da viagem e teve a doença confirmada, conforme revelou o jornal O Estado de S.Paulo.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), e outros parlamentares decidiram fazer o teste para a covid-19 após contato próximo com Trad e Mello nos dois últimos dias. Alguns gabinetes determinaram que os servidores trabalhem de casa a partir desta sexta-feira, 13.

Crise do coronavírus sobre o setor aéreo é séria e empresas pedem socorro

A entidade que representa as empresas aéreas brasileiras afirma que os impactos do coronavírus sobre o setor de aviação representam uma crise séria, que exige ações do governo para amenizar os efeitos sobre as companhias.

O presidente da Abear (Associação Brasileira das Empresas Aéreas), Eduardo Sanovicz, diz que qualquer estimativa de prejuízo seria prematura, mas aponta que as companhias já adotaram medidas de redução de custos e rotas.

“A crise é grave principalmente porque entra em aspectos econômicos sem precedentes. Está reunindo o coronavírus com o embate entre os produtores de petróleo”, afirma Sanovicz, em referência à derrubada do preço dos barris no mercado internacional.

A associação, que congrega as grandes companhias nacionais, apresentou ao governo um pacote de propostas para atenuar a queda na demanda provocada pela propagação do vírus.

Entre os pedidos estão a redução de tributos sobre o querosene de aviação, sobre o leasing de aeronaves, sobre a folha de pagamento de funcionários e sobre as tarifas de aeronavegação e pouso.

A Abear também solicitou a elaboração de medidas de estímulo ao turismo, como a redução da tarifa de embarque internacional.

Segundo a associação, as empresas aéreas pagam R$ 42,5 bilhões por ano em tributos federais, estaduais e municipais. Sanovicz argumenta que a preservação do setor atenderia a um mercado com impacto de R$ 131 bilhões sobre a economia nacional.

governo discute medidas para amenizar os efeitos dessa crise. Após reunião na quarta-feira (11), o ministro Tarcísio Gomes de Freitas (Infraestrutura) afirmou que está buscando soluções para o setor.

Uma das primeiras propostas era reduzir a cobrança de tributos sobre o querosene de aviação. Inicialmente, o ministro Paulo Guedes (Economia) apresentou resistências a esse plano.

Tanto as empresas quanto analistas do setor afirmam que, além da restrição imposta por diversos países a viagens internacionais, a crise do coronavírus pode se expandir e afetar também rotas domésticas no Brasil.

“Ninguém tem dúvidas de que o número de reservas está diminuindo. As empresas estão cancelando reuniões, e isso afeta diretamente o mercado de transporte aéreo”, afirma o advogado Ricardo Fenelon, ex-diretor da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil).​

Além do cancelamento de viagens internacionais, ele diz que a suspensão de eventos corporativos e a consequente redução da demanda por viagens de negócios dentro do país tende a afetar de maneira “bastante séria” as companhias brasileiras de aviação.

O presidente da Abear afirma que as empresas estão acompanhando o cenário relacionado a essas rotas para tomar atitudes precisas no futuro.

FOLHAPRESS

Para 36,2% dos Brasileiros, o Brasil estaria melhor se o governo fosse militar

Levantamento exclusivo nacional realizado pelo Paraná Pesquisa para o site Diário do Poder e para esta coluna mostra que 36,2% da população acreditam que o Brasil estaria melhor se fosse governado por militares. São 32,7% os que acreditam que um governo militar seria pior, e para 24,4% tudo estaria igual; 6,7% não souberam ou não quiseram responder. A margem de erro é de 2% para mais ou menos.

Nas regiões Norte e Centro-Oeste, há uma preferência maior (43,5%) por governo militar. No Nordeste, cai para 39% do total.

A região Sudeste é a única onde a maioria acredita que o Brasil estaria pior sob governo militar: 35,8%. Mas para 31,9% seria melhor.

O quadro se inverte também entre formados no ensino superior: 40,2% condenam um governo militar, enquanto 30,1% sonham com isso.

O Paraná Pesquisa entrevistou 2.010 pessoas em 162 municípios dos 26 estados e DF, entre 5 e 9 de março de 2020.

Cláudio Humberto