MP denuncia Ricardo Coutinho por propina de R$ 900 mil em caixas de vinho da Cruz Vermelha


Ricardo Coutinho
, ex-governador da Paraíba, foi denunciado pela terceira vez na Operação Calvário, que desvendou um esquema bilionário de desvios da Saúde e da Educação no estado.

Desta vez, a Procuradoria-Geral de Justiça e o Gaeco acusam o ex-governador do PSB de receber R$ 900 milem propinas pagas pela Cruz Vermelha Brasileira.

Segundo a acusação, Coutinho foi o ‘mentor intelectual’ do episódio que envolveu a entrega de propina em caixas de vinho. O caso ocorreu em 2018, no restaurante de um hotel no Rio de Janeiro. O dinheiro era repassado a prestadores de serviços da campanha de João Azevedo, atual governador do estado.

Segundo a acusação, Coutinho foi o ‘mentor intelectual’ do episódio que envolveu a entrega de propina em caixas de vinho. O caso ocorreu em 2018, no restaurante de um hotel no Rio de Janeiro. O dinheiro era repassado a prestadores de serviços da campanha de João Azevedo, atual governador do estado.

O Antagonista

Facebook Comments
Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *