Arquivo diários:24/06/2020

Flávio Bolsonaro é citado cinco vezes como líder de organização criminosa

O senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) é citado cinco vezes pela Promotoria do Rio de Janeiro como líder de organização criminosa. As citações estão no relatório do pedido de prisão do ex-assessor Fabrício Queiroz e de sua esposa Márcia Oliveira de Aguiar, ordenados pelo Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ).

Na representação enviada à Justiça, o MP do Rio fez diferentes referências ao senador. Em cinco delas, ele foi descrito como “líder da organização criminosa” instalada em seu gabinete quando deputado estadual na Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

Segundo reportagem do jornal O Estado de São Paulo, as indicações tratam de depósitos fracionados em dinheiro na conta de Flávio, pagamento de boletos do parlamentar por Queiroz e supostos crimes cometidos por seu advogado à época.

Menina Veneno deixa prisão usando tornozeleira eletrônica

Moraes libera Sara Winter da prisão e obriga uso de tornozeleira eletrônica

Eduardo Militão

Do UOL, em Brasília

O ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal), determinou hoje a substituição da prisão temporária da líder bolsonarista Sara Fernanda Giromini, a Sara Winter por recolhimento domiciliar com uso de tornozeleira eletrônica.

A medida vale também para outras cinco pessoas presas na semana passada no âmbito de um inquérito que apura manifestações de rua com pautas inconstitucionais e antidemocráticas. São elas: Emerson Rui Barros dos Santos, Érica Vianna de Souza, Renan de Morais Souza e Arthur Castro, e Daniel Miguel.

Funcionários do Banco Mundial rejeitam nomeação de Weintraub

Grupo quer que a nomeação do brasileiro para assumir uma diretoria executiva do banco fique suspensa até a conclusão de uma investigação do Comitê de Ética
Beatriz Bulla

WASHINGTON – A associação de funcionários do Banco Mundial enviou uma carta nesta quarta-feira, 24, ao Comitê de Ética da instituição pedindo uma investigação sobre o ex-ministro da educação do Brasil, Abraham Weintraub. O grupo que representa os funcionários do organismo internacional quer que a nomeação do brasileiro para assumir uma diretoria executiva do banco fique suspensa até a conclusão desta investigação. O motivo do pedido são falas preconceituosas do ministro sobre a China e minorias, além do posicionamento a respeito da prisão de ministros do Supremo Tribunal Federal.
“O Banco Mundial acaba de assumir uma posição moral clara para eliminar o racismo em nossa instituição. Isso significa um compromisso de todos os funcionários e membros do Conselho de expor o racismo onde quer que o vejamos. Confiamos que o Comitê de Ética compartilhe dessa visão e faremos tudo ao alcance para aplicá-lá”, afirma a associação de funcionários. O email com o pedido de investigação foi direcionado ao Comitê de Ética do banco e encaminhado a todos os funcionários da instituição nesta quarta-feira.

814 pessoas morreram com COVID-19 no RN

Os desobedientes continuam debochando do isolamento social


O total de vítimas da Covid-19 no RN chega a 814 – (64) óbitos a mais desde o último boletim anterior.  As mortes, em sua maioria, foram confirmadas após exames laboratoriais dos últimos dias. Nas últimas 24 horas foram registradas três. Sob investigação são 99 óbitos.

Os casos confirmados chegam a 21.844. No boletim dessa segunda eram 20.075. Em comparação com essa terça-feira(23), 1769 casos a mais.

Covid-19: hospital de campanha em Manaus encerra atividades após 71 dias

O prefeito da cidade de Manaus (AM), Arthur Virgílio Neto, anunciou que o hospital de campanha do município encerrou suas as atividades na terça-feira, 23. Em mensagem gravada para suas redes sociais, o político afirmou que o equipamento público recebeu 757 pacientes, com cerca de 81% de recuperados e mortalidade por volta de 19%.

Ao todo, o Hospital de Campanha Gilberto Novaes (instalado provisoriamente em uma escola) funcionou por 71 dias e teve a missão de desafogar o sistema de saúde da região, em colapso por conta da pandemia do novo coronavírus.

O Amazonas foi um dos estados mais afetados pelaCovid-19, com 65.073 casos confirmados e 2.686mortes, segundo o boletim mais atualizado do Ministério da Saúde.

Veja

Planalto teme reação de Wassef e “pisa em ovos” com advogado

Gustavo Maia e Naira Trindade

BRASÍLIA – Desde que Fabrício Queiroz foi preso em uma casa que pertence ao advogado Frederick Wassef, na última quinta-feira, o presidente Jair Bolsonaro e seu entorno têm “pisado em ovos” para não melindrar o agora ex-defensor do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ). No Palácio do Planalto, Wassef é tratado como um “homem-bomba”, que exige toda a cautela.
O presidente e sua família temem uma eventual reação e provavelmente destemperada do advogado diante de um rompimento brusco. A cúpula do Planalto mantém no radar a possibilidade da prisão de Wassef caso sejam identificados indícios de crime na sua relação com Queiroz, ex-policial militar do Rio que atuou como assessor parlamentar de Flávio na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) e é amigo de longa data do presidente. Nos bastidores, outro diagnóstico é que Bolsonaro e Flávio erraram a não terem escolhido um “medalhão” desde o início do caso.
Na noite de domingo, Wassef informou, em entrevista ao canal CNN Brasil, que deixaria a defesa de Flávio no processo em que o parlamentar é investigado por movimentações financeiras suspeitas. Ele disse não ter feito nada de errado, mas que deixaria a causa porque, segundo ele, a mídia tem se aproveitado da situação para atacar o senador e o pai.

— Assumo total responsabilidade e estou saindo do caso, substabelecendo (o processo) para outro colega. Ficarei fora do caso para que não me usem — declarou o advogado, que foi substituído pelo criminalista Rodrigo Roca.

Flávio foi imediatamente ao Twitter declarar que “a lealdade e a competência do advogado Frederick Wassef são ímpares e insubstituíveis”. Contudo, por decisão dele e contra a minha vontade, acreditando que está sendo usado para prejudicar a mim e ao presidente Bolsonaro, deixa a causa mesmo ciente de que nada fez de errado”, escreveu. O senador e o próprio Wassef diziam, nos últimos meses, não terem conhecimento de onde estava Fabrício Queiroz.

O afago ocorreu após um episódio que irritou bastante o advogado, a divulgação de uma nota da advogada Karina Kufa afirmando que ele não é advogado do presidente, como o próprio Bolsonaro já declarou publicamente e como Wassef costumava se apresentar. Na entrevista à CNN, ele classificou como a atitude de Karina como antiética”.

Nesta terça, a coluna de Bela Megale, do GLOBO, revelou que Wassef vem pressionando a família Bolsonaro a demiti-la. Ela é o principal nome da defesa do presidente nas causas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que pedem a cassação de sua chapa, e também atua em casos do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP).

Na segunda-feira, por exemplo, o Palácio do Planalto se recusou a responder um questionamento do GLOBO sobre se Wassef atua ou já atuou como advogado do presidente. “O Planalto não comentará o assunto”, respondeu a Secretaria de Comunicação (Secom) no fim da tarde, três dias após a reportagem solicitar a informação. Wassef também foi procurado, por ligação e mensagem, mas não respondeu.

Até o momento, Bolsonaro só se manifestou uma vez em público sobre a prisão de Queiroz na casa de Wassef, em uma transmissão ao vivo pelo Facebook na noite de quinta, dia da prisão.

— Não sou advogado do Queiroz e não estou envolvido esse processo, mas o Queiroz não estava foragido e não havia nenhum mandado de prisão contra ele. E foi feita uma prisão espetaculosa. Já deve estar no Rio de Janeiro, deve estar sendo assistido por seu advogado, e que a Justiça siga o seu caminho. Mas parecia que estavam prendendo o maior bandido da face da Terra — afirmou o presidente. — Tranquilamente, se tivessem pedido ao advogado, creio eu, o comparecimento dele a qualquer local, ele teria comparecido. E por que estava naquela região de São Paulo? Porque é perto do hospital de onde faz tratamento de câncer. Então esse é o quadro. Da minha parte, está encerrado aí o caso Queiroz – acrescentou.

Na manhã desta terça-feira, o presidente abriu sua agenda durante 30 minutos para o advogado criminalista Antônio Pitombo, que o representa na Justiça no caso da facada que sofreu durante ato de campanha em 2018, em Juiz de Fora (MG), e foi prestar contas do andamento do processo. Desde o ano passado, Wassef atuava como uma espécie de porta-voz de Bolsonaro em entrevistas sobre o caso Adélio Bispo.

Mais de 1.400 pessoas são atendidas no primeiro dia de testagem rápida contra COVID-19 no Ginásio Nélio Dias

Nesta terça-feira (23), a Prefeitura do Natal (RN), por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS/Natal), iniciou a segunda semana da realização dos testes rápidos de detecção da COVID-19 para residentes no município. O primeiro dia da testagem contabilizou o total de 1.446 pessoas atendidas, sendo que 328 destas apresentaram algum resultado positivo que identificam a infecção para o novo coronavírus no organismo. A ação, no esquema de testagem em drive-thru, têm como público alvo idosos maiores de 60 anos e pessoas com comorbidades comprovadas, e acontece no estacionamento do Ginásio Nélio Dias, Zona Norte de Natal.

O teste rápido é realizado através do método de imunocromatografia, onde o sangue coletado do dedo do paciente é levado para reagir em uma lâmina. A SMS recomenda que, para maior fidedignidade do teste, é importante que a pessoa tenha apresentando sintomas de um quadro de COVID-19 pelos últimos 10 dias do início dos sintomas de uma síndrome respiratória, com febre, tosse ou dor de cabeça, por exemplo.

O resultado é disponibilizado na internet, e pode ser conferido com até 24 horas após a realização do teste, por meio de protocolo e senha fornecidos durante a coleta. Os casos de IGM positivos são repassados para o Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS), da SMS/Natal, para notificação e acompanhamento. Esses pacientes também são orientados a buscar uma unidade de saúde referenciada para avaliação médica.

Para ter direito ao teste, é necessário apresentar comprovante de residência de Natal e documento oficial com foto que comprove a idade. O acesso ao Ginásio Nélio Dias se dá  pela Av. do Baião e acontece até sexta-feira, 26 de junho, das 8h às 17h. A permanência no interior do veículo é obrigatória durante todas as etapas. A SMS Natal está montando uma estratégia que será divulgada nos próximos dias para testagem dos pedestres.

Alexandre Moraes nega suspensão à recomendação ao uso de cloroquina

O ministro Alexandre de Moraesmanteve em vigor a recomendação do governo ao uso de cloroquina e hidroxicloroquina para tratar pacientes com Covid-19.

Ele negou pedido feito pela Confederação dos Trabalhadores em Saúde (CNTS) e pela Federação dos Farmacêuticos (Fenafar).

Segundo o ministro, as entidades não fazem parte do processo em que fizeram o pedido.

Casos de coronavírus nos estados em 23 de junho


O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) atualizou para 52.649 o número de mortes em decorrência do novo coronavírus no Brasil nesta terça (23). Ao todo, também foram confirmados 1.145.906 casos da Covid-19 no país.

Veja a lista atualizada da situação de casos de coronavírus em cada um dos Estados:

Casos de coronavírus no Acre

O Acre chegou a um total de 11.810 casos confirmados do novo coronavírus. Até o momento, 321 pessoas morreram no Estado em virtude da doença.

Casos de coronavírus em Alagoas

Em Alagoas o novo coronavírus chegou a um total de 30.248 casos confirmados, com um total de 924 óbitos.

Casos de coronavírus no Amapá

O Amapá tem 26.437 casos confirmados do novo coronavírus. Morreram até o momento 380 pessoas no estado.

Casos de coronavírus no Amazonas

No Amazonas foram confirmados até o momento 65.073 casos do novo coronavírus. O estado da região Norte também apresenta 2.686 óbitos.

Casos de coronavírus na Bahia

A Bahia chegou a um total de 49.084 casos confirmados do novo coronavírus. Até o momento, 1.491 pessoas morreram no Estado em virtude da doença.

Casos de coronavírus no Ceará

No Amazonas foram confirmados até o momento 97.528 casos do novo coronavírus. O estado da região Nordeste também apresenta 5.717 óbitos.

Casos de coronavírus no Distrito Federal

O Distrito Federal tem 35.368 casos confirmados do novo coronavírus. Morreram até o momento 475 pessoas no estado.

Casos de coronavírus no Espírito Santo

No Espírito Santo o novo coronavírus chegou a um total de 36.827 casos confirmados, com um total de 1.425 óbitos.

Casos de coronavírus em Goiás

Em Goiás foram confirmados até o momento 17.568 casos do novo coronavírus. O estado do Centro-Oeste também apresenta 329 óbitos.

Casos de coronavírus no Maranhão

O Maranhão chegou a um total de 72.021 casos confirmados do novo coronavírus. Até o momento, 1.797 pessoas morreram no Estado em virtude da doença.

Casos de coronavírus no Mato Grosso

O Mato Grosso chegou a um total de 10.659 casos confirmados do novo coronavírus. Até o momento, 401 pessoas morreram no Estado em virtude da doença.

Casos de coronavírus no Mato Grosso do Sul

No Mato Grosso do Sul foram confirmados até o momento 5.784 casos do novo coronavírus. O estado também apresenta 55 óbitos.

Casos de coronavírus em Minas Gerais

Em Minas Gerais o novo coronavírus chegou a um total de 29.897 casos confirmados, com um total de 720 óbitos.

Casos de coronavírus no Pará

No Pará foram confirmados até o momento 88.636 casos do novo coronavírus. O estado do Norte também apresenta 4.672 óbitos.

Casos de coronavírus na Paraíba

Na Paraíba o novo coronavírus chegou a um total de 38.999 casos confirmados, com um total de 807 óbitos.

Casos de coronavírus no Paraná

O Paraná chegou a um total de 15.853 casos confirmados do novo coronavírus. Até o momento, 498 pessoas morreram no Estado em virtude da doença.

Casos de coronavírus em Pernambuco

Em Pernambuco o novo coronavírus chegou a um total de 52.831 casos confirmados, com um total de 4.339 óbitos.

Casos de coronavírus no Piauí

No Piauí o novo coronavírus chegou a um total de 15.269 casos confirmados, com um total de 517 óbitos.

Casos de coronavírus no Rio de Janeiro

No Rio de Janeiro foram confirmados até o momento 100.869 casos do novo coronavírus. O estado do Sudeste também apresenta 9.153 óbitos.

Casos de coronavírus no Rio Grande do Norte

No Rio Grande do Norte o novo coronavírus chegou a um total de 20.075 casos confirmados, com um total de 750 óbitos.

Casos de coronavírus no Rio Grande do Sul

No Rio Grande do Sul o novo coronavírus chegou a um total de 20.864 casos confirmados, com um total de 477 óbitos.

Casos de coronavírus em Rondônia

Em Rondônia foram confirmados até o momento 16.498 casos do novo coronavírus. O estado da Região Norte também apresenta 444 óbitos.

Casos de coronavírus em Roraima

Roraima chegou a um total de 10.340 casos confirmados do novo coronavírus. Até o momento, 250 pessoas morreram no Estado em virtude da doença.

Casos de coronavírus em Santa Catarina

Em Santa Catarina o novo coronavírus chegou a um total de 19.244 casos confirmados, com um total de 263 óbitos.

Casos de coronavírus em São Paulo

Em São Paulo foram confirmados até o momento 229.475 casos do novo coronavírus. O estado também apresenta 13.068 óbitos.

Casos de coronavírus no Sergipe

No Sergipe foram confirmados até o momento 19.883 casos do novo coronavírus. O estado do Nordeste também apresenta 511 óbitos.

Casos de coronavírus no Tocantins

O Tocantins chegou a um total de 8.766 casos confirmados do novo coronavírus. Até o momento, 179 pessoas morreram no Estado em virtude da doença.