Ministro Rogério Marinho sentará no banco dos réus dia 6 de Novembro em Natal acusado de nomear fantasma e rachadinha

Ministro de Bolsonaro, Rogério Marinho é réu em processo de gafanhotos, laranjas e rachadinhas

O juiz Francisco Seráfico Nóbrega Coutinho da 6° Vara da Fazenda Pública de Natal marcou para o dia  06 de novembro deste ano audiência de instrução do processo  número 0820026-98.2014.8.20.5001 que tem o ministro Rogério Marinho (Saco Preto) como principal acusado de improbidade administrativa sob suspeita de nomeações de servidores fantasmas quando exerceu à Presidência da Câmara Municipal de Natal.
Segundo informações foram nomeadas várias pessoas consideradas gafanhotos, ou seja, comiam na folha e não trabalhavam em troca da famosa rachadinha. A audiência vai pegar fogo que queimará até em Brasília. Imprensa nacional estará presente..

O Ministro Rogério Marinho responde outros processos sem Fórum Privilegiado,  este que está aprazado para novembro o Ministério Público quer um ressarcimento de R$ 300 mil.
O Blog do Primo conversando com advogados dos réus foi informado que dificilmente ocorrerá à audiência pelo fato do ministro Rogério Marinho desenvolver ações para retardar e obstruir o andamento do processo.
O soldado Vasco garantiu que tanto Rogério Marinho, também conhecido por Saco Preto e sua parceira Rebeca são fortes no judiciário potiguar e o processo será procrastinado, o que não é a opinião do Blog do Primo por entender que o juiz Francisco Seráfico da Nóbrega é um magistrado justo e exemplar que honra nosso Poder Judiciário.
Vamos aguardar..

Facebook Comments
Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *