Arquivo diários:22/08/2020

Herdeiro da fortuna Diniz aposta na revolução da soja orgânica

Felipe Marques e Fabiana Batista

 

O Brasil emergiu como uma potência agrícola no início dos anos 2000, após abrir grandes extensões de terras para fazendas enormes e de baixo custo. Agora, um ex-piloto de Fórmula 1 quer tornar essas plantações orgânicas.

Pedro Paulo Diniz, um dos herdeiros de uma fortuna de US$ 2,2 bilhões, está tentando persuadir grandes agricultores a usar um pedaço de suas terras para o cultivo de soja, milho e outros grãos de forma regenerativa. Ele já investiu cerca de R$ 40 milhões de seu próprio dinheiro nessa empreitada, chamada Rizoma Agro.
Convencer os produtores, que basearam seus modelos de negócios em grande escala e baixos custos, dos benefícios de usar fertilizantes naturais mais caros não é uma tarefa fácil. Mas Diniz promete que os protocolos desenvolvidos pela Rizoma garantem um rendimento semelhante ao das safras convencionais e uma pegada negativa de carbono, com preços mais altos absorvendo os custos extras, resultando em margens mais amplas. Ele pretende levantar cerca de US$ 15 milhões para expandir.

As tendências de consumo de orgânicos jogam a seu favor. A pandemia está aumentando a demanda por carnes e outros alimentos orgânicos, com mais consumidores dispostos a pagar mais por alimentos premium, que ajudem seu sistema imunológico. Nos EUA, as vendas de alimentos orgânicos têm crescido mais rapidamente do que as vendas totais no varejo.

“Os grandes compradores globais têm grande demanda por grãos orgânicos”, disse Diniz, em entrevista. A produção inicial da Rizoma foi vendida no exterior para a Tyson Foods e localmente para a Nestlé e a Unilever. “Eles nos dizem que podem comprar tudo o que produzimos.”

A Rizoma Agro está criando uma rede logística para oleaginosas orgânicas, assinando contratos de cinco anos com os produtores e vendendo diretamente. A meta é atingir 350.000 hectares em uma década. Para conseguir isso, a empresa está trabalhando na redução dos custos de orgânicos, de 30% acima das safras convencionais para uma diferença de 18% em três anos, disse Fabio Sakamoto, co-fundador e diretor de operações.

Contudo, enquanto os fabricantes globais de alimentos estão aumentando suas linhas de produtos orgânicos como parte das mudanças nas tendências de consumo, eles também estão sob pressão crescente de consumidores e investidores por seu papel na crise ambiental do Brasil.

A má reputação ambiental do país está atrapalhando os esforços da empresa para buscar investidores, até mesmo afastando alguns fundos. A Rizoma está tentando levantar US$ 5 milhões em green bonds e US$ 10 milhões em ações, disse Diniz. O Rabobank está organizando ambas as transações.

“Em vez de o Brasil assumir a liderança no assunto, estamos dando um tiro no pé ao flexibilizar as regras para destruir a biodiversidade”, disse Diniz. “Isso não vai acabar bem.”

Se a reputação brasileira atrapalha, o que a empresa pode fazer é divulgar suas próprias credenciais verdes, que incluem a eliminação de fertilizantes sintéticos à base de nitrogênio e o uso de uma cobertura vegetal no solo, que ajuda a fixar matéria orgânica, removendo o dióxido de carbono da atmosfera.

Pedro Diniz, um dos seis filhos do magnata do varejo Abilio Diniz, também criou a Fazenda da Toca, maior produtora de ovos orgânicos do Brasil. Depois de sua temporada como piloto de carros de corrida, encerrada nos anos 2000, ele decidiu entrar em negócios verdes em 2006, quando seu primeiro filho nasceu e Al Gore lançou o documentário “Uma Verdade Inconveniente,” conforme disse.

“Não se trata de ser um idealista, um sonhador”, disse Diniz. “As questões climáticas estão aqui e precisam ser endereçadas rapidamente. Assim que conseguirmos provar que podemos cultivar alimentos orgânicos, em escala, com os mesmos preços convencionais, a mudança virá rápido.”

Pastor é preso acusado por sequestrar e estuprar menina de nove anos

Colaboradores Yahoo Notícias

O pastor Sérgio Gomes, da igreja Assembleia de Deus, foi preso em flagrante acusado de sequestrar e estuprar uma criança de nove anos em Taboão da Serra, na Grande São Paulo.

De acordo com a Polícia Civil, o religioso de 43 anos se relacionava com a mãe da garota havia cerca de um ano. Ele teve a prisão preventiva decretada.

Em depoimento, a companheira afirmou que o pastor buscou a filha dela, às 11h, com a justificativa de que a levaria para almoçar.

Horas depois, a mãe percebeu que a menina estava demorando e acionou a Delegacia de Defesa da Mulher de Taboão da Serra (DDM/Demacro).

A garota confirmou ter sofrido violência sexual e foi submetida a exames. Ela ainda disse que ele tocou em suas partes íntimas não só naquela ocasião, mas também dias atrás, e relatou casos de abuso cometidos pelo pastor inclusive dentro da igreja. O religioso negou as acusações.

A mãe, grávida de sete meses, afirmou à polícia que o companheiro tinha “certo fanatismo” pela menina, o que já provocou brigas entre os dois porque ela não aceitava a forma como sua filha era tratada pelo pastor.

Tem que acabar, qualquer crítica aos membros do Ministério Público resulta em condenação pela Justiça

por Renato Dantas
Qualquer servidor público sofre críticas no exercício de suas funções.
Detentores de mandatos (Presidente, governadores, prefeitos e parlamentares) recebem críticas constantemente, desde que não sejam críticas consideradas difamatórias e caluniosas, sem moveram processos no Poder Judiciário dentro da democracia que vivemos amparados pela Constituição Federal. Um membro do Ministério Publico é um servidor público, portanto pode ser alvo de críticas decorrente dos seus atos e posições.
Mas no Brasil quem fizer críticas ao desempenho de um membro do Ministério Público não será apenas processado, será certamente condenado a pagar indenizações.
Parece que existe um compadrio entre juízes e membros do MP.
Informalmente existe uma tabela de valores indenizatórios que varia entre R$ 30 mil até R$ 50 mil.
Um verdadeiro atentado ao livre direito de opinião. Até ministros do Supremo Tribunal Federal são criticados, mas os membros do MP são intocáveis.
O Congresso Nacional tem que a revisar a legislação, não podemos aceitar esse previlégio, que ao mesmo tempo é uma censura ao cidadão,  que para seus impostos e precisa cobrar correção e competência dos servidores públicos.
Esta semana a Folha de São Paulo foi indevidamente condenada por criticar atos e posturas funcionais de promotores de Justiça.
A 8ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) negou recurso do jornal Folha de São Paulo e condenou o jornal a indenizar os promotores Cássio Conserino, José Carlos Blat e Fernando Henrique Araújo, em R$ 30 mil para cada um, por ter publicado editorial que afirmava que os três agiram com “sede de celebridade”, “ignorância” e “feroz paixão persecutória” ao pedir a prisão preventiva do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
Absurdo!

 

Com medo da união da oposição em torno do nome de Maurício Marques, Taveira manda os línguas de aluguéis dizerem que é “acórdão”

O sonho de Taveira é que sejam candidatos pela oposição, Maurício, Elienai e Nilda.


Qualquer pessoa que não seja analfabeta em política, sabe que “acórdão” é quando parte do governo faz um acordo com parte da oposição.
Em Parnamirim todos sabem que Taveira poderá ser reeleito caso a oposição saia com 4 candidatos: Maurício Marques, Iran Padilha, Nilda e Elienai Cartaxo. Mas também qualquer pessoa sabe e Taveira também, que unindo os candidatos de oposição ele perde feio.

Diante disso, como vem dizendo o Blog do Primo, tocou horror no grupo do governo Taveira ao circular a informação de um entendimento da oposição.. Os aloprados blogs chapas brancas que recebem muita grana da Prefeitura foram orientados para denominarem a aliança das oposições de “acórdão”.
O grande medo de Taveira é uma união de Elienai Cartaxo, Nilda e demais oposicionistas à candidatura de Maurício Marques.
Segundo o soldado Vasco, o único candidato que tira muitos votos de Taveira é Maurício, que somados a seus votos e das demais correntes de oposição será um passeio, levando Taveira novamente a usar pijamas já que está na reserva da Polícia Militar.

Maurício Marques com a oposição dividida é tudo que Taveira quer.. Informações que chegam ao Blog do Primo é que Taveira estaria patrocinando uma candidatura só para dividir a oposição..

Enquanto isso, os línguas de aluguéis, recebendo seus honorários e os blogs aparecendo no Portal de Transferência da Prefeitura de Parnamirim com duas faturas pagas vão fazendo suas partes.

O Blog do Primo não aparece em nenhum Portal de Transferência por não receber dinheiro nem publicidade pública.
Aqui é totalmente independente e a pancada é dura.

Novo decreto amplia horário de funcionamento de shoppings em Natal

Um novo decreto editado pela Prefeitura de Natal (RN) e publicado na edição deste sábado (22) do Diário Oficial do Município amplia o horário de funcionamento dos shoppings centers, bares, restaurantes e demais serviços de alimentação. Com a alteração, os shoppings centers com sistema de ventilação por ar-condicionado, respeitado o limite de 50% de sua capacidade de ocupação, podem funcionar todos os dias da semana das 11 às 21 horas.

Já os bares e demais serviços de alimentação (restaurantes, pizzarias, lanchonetes, food parks, buffets, casas de recepções e similares permanecem com horário de funcionamento das 11 às 23h em todos dias da semana, para as vendas de salão, podendo acomodar o máximo de 8 (oito) pessoas por mesa, desde que pertencentes ao mesmo núcleo familiar, e garantido o distanciamento mínimo de 1,5m entre as mesas.

O decreto mantém a permissão para uso de som ambiente com música ao vivo, com limitação de até 4 (quatro) artistas, sendo 1 (um)(a) cantor(a) e até 3 (três) músicos e/ou instrumentistas, sendo que todos, à exceção do cantor, deverão utilizar máscaras de proteção.

Todas as modificações contaram com o respaldo do Comitê Científico Municipal de Enfrentamento da Covid-19 que levou em consideração os números decrescentes alcançados pela capital potiguar em relação à ocupação de leitos, número de novos casos, óbitos e taxa de transmissibilidade, mesmo com a flexibilização gradual das atividades econômicas na cidade.

A Prefeitura ressalta ainda no documento que a fiscalização do cumprimento do decreto caberá à força tarefa municipal composta por servidores da SEMDES, PROCON, SEMURB, SEMSUR e SMS, que poderão, inclusive, interditar o estabelecimento que descumprir as regras estabelecidas pela Administração Pública Municipal.

Obra da transposição do São Francisco feita e inaugurada por Rogério Marinho arromba ameaçando 2.000 pessoas

Os moradores estão sendo levados para hotéis, pousadas e alojamentos na região

Por Vitor Moreno, Folhapress — Fortaleza

Onde Rogério Marino(Saco Preto) tem envolvimento ocorrem problemas, o ABC até hoje não conseguiu sair do buraco

Folha de São Paulo

Cerca de 2.000 pessoas tiveram de ser evacuadas na madrugada deste sábado (22) nas proximidades da Barragem Jati, que fica no município de Jati, na região sul do Ceará (cerca de 530 km de Fortaleza). Na sexta-feira (21), uma tubulação se rompeu e gerou um vazamento na obra, que faz parte do Eixo Norte do Projeto de Integração do rio São Francisco, inaugurado no último dia 26 de junho pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido).
Mais cedo, o MDR havia divulgado nota informando que o vazamento estava contido. “A situação no local está estabilizada após o fechamento da comporta”, dizia o texto. “Equipes técnicas da pasta mantêm os trabalhos em campo para verificar danos à estrutura e avaliar necessidades de reparos.”

Contudo, durante a noite os habitantes cujas casas ficam num raio de 2 km da barragem começaram a ser avisados da evacuação por meio de carros de som. Alguns também foram procurados diretamente em casa por profissionais da Defesa Civil e da operadora do reservatório.

Os moradores estão sendo levados para hotéis, pousadas e alojamentos na região. Outros, preferiram ir para casas de parentes e amigos que moram mais distante da barragem.

De acordo com o MDR (Ministério do Desenvolvimento Regional), a medida é preventiva e segue o Plano de Ação Emergencial do empreendimento. “A prioridade é garantir a segurança da população”, diz o órgão. “Apesar de o vazamento já ter sido contido, existe a dificuldade de avaliação técnica da estrutura, por conta da falta de iluminação neste momento”

Segundo a Secretaria de Recursos Hídricos do Ceará, a Barragem Jati atingiu nesta semana 27.293 milhões de metros cúbicos (98,5 % da capacidade total).

Na última quinta-feira (20), foi feito o acionamento das comportas do reservatório para que ele começasse a abastecer o Cinturão das Águas, que levará as águas do rio São Francisco até o Açude Castanhão, que abastece Fortaleza e outras cidades próximas.

Desmantelo total, obra mal executada

Com poucas realizações, visita de Bolsonaro ao RN serviu para fazer proselitismo e selfies, sendo recebido por Vaca Velha substituindo a governadora que não foi convidada

Muita farinha e pouca linguiça 

Agenda pobre sem grandes realizações que não justificou o elevado custo com logística da viagem

Numa programação pobre, sem grandes atos ou inaugurações, o Presidente Bolsonaro veio ao RN só para fazer proselitismo político e tirar self. Nunca, jamais um Presidente da República veio ao RN, numa agenda administrativa com as mãos tão vazias.
Com um custo altíssimo de deslocamento com aeronaves, seguranças, escalão precursor, logística das forças de segurança e armadas para anunciar a nomeação de uma reitora que foi a terceira da lista, 300 apartamentos e alguns títulos de terra em Ipanguaçu. 300 habitações, o ex-prefeito de Parnamirim Maurício Marques entregava por mês em suas gestões.
Fora essas poucas, pobres  e corriqueiras realizações, a visita do Presidente serviu para tirar muitas selfies e receber um presente do primo caicoense dos Dantas das Oiticicas, Vaca Velha.

O destaque da visita de Bolsonaro foi o encontro com o primo Vaca Velha, grande figura estimado por todos, que recebeu o Presidente no lugar da Governadora Fátima Bezerra que não foi convidada e excluída da programação.

Argentina congela tarifas de celular, internet e TV por assinatura e regula futuros aumentos

Argentina congela tarifas de celular, internet e TV por assinatura e regula futuros aumentos. Governo também decidiu, por decreto, que esses serviços passam a ser “essenciais e estratégicos” e que qualquer futuro aumento será decidido pelo Estado em um país com inflação anual acima de 50%.

“Decidimos declarar como serviços públicos a telefonia móvel, os serviços de internet e a TV por assinatura. Dessa maneira, garantimos o acesso desses serviçoes para todos”, anunciou, por meio das redes sociais, o presidente Alberto Fernández.

O decreto, publicado horas depois do anúncio, prolonga o congelamento de tarifas até 31 de dezembro, quando estas já vinham congeladas desde maio, devido à pandemia do novo coronavírus. O documento define ainda esses serviços como “públicos essenciais e estratégicos”, a exemplo de eletricidade, gás e água, cujas tarifas já estavam congeladas desde dezembro passado, apesar de a Argentina ter uma das mais elevadas taxas de inflação do mundo.

Em 2019, a inflação ficou em 53,8%. Nos primeiros sete meses de 2020, a taxa acumulada chega a 15,8%, com uma tendência de aceleração nos próximos meses. Além disso, o peso argentino tem sofrido uma constante e profunda desvalorização, enquanto boa parte dos custos de telefonia, internet e canais por assinatura são fixados em dólares.

O argumento oficial baseia-se em que, em plena pandemia, o acesso aos serviços de tecnologia da informação e das comunicações deve ser garantido a todos. O decreto estabelece que os futuros aumentos “deverão ser justos, razoáveis” e autorizados previamente pelo governo.

“Perante as restrições que a pandemia impõe, ninguém deverá dedicar parte dos seus rendimentos para cobrir aumentos nos preços dos serviços”, defendeu o presidente, enfatizando que, “a partir de agora, não poderá haver nenhum aumento sem a prévia aprovação do Estado”.

Acesso à educação e à cultura

“A educação, o acesso ao conhecimento, à cultura e à comunicação são direitos básicos que devemos preservar”, argumentou Fernández.

Pegas de surpresa, as empresas de telefonia móvel e de internet já tinham anunciado aumentos de 15% a partir de 1° de setembro. Além disso, de acordo com um decreto anterior, nenhum serviço poderá ser interrompido por falta de pagamento mesmo após três meses de inadimplência.

Com a nova definição de “serviço público essencial e estratégico”, as empresas de telefonia, internet e TV por assinatura deixam de ter preços baseados na livre concorrência e passam a ter tarifas definidas pelo Estado, que poderá decidir as prioridades para o serviço e ter todas as informações das empresas, agora reguladas.

UOL/RFI

Primando por Caicó: Caciques vermelhos e verdes tremendo de medo


Notícias que estão chegando de Caicó ao Blog do Primo estão dando conta que os caciques  adversários estão conversando secretamente montando uma estratégia para evitar o crescimento da candidatura de Artur Maynatd.
Eles sabem que no caso de Artur Maynatd chagar à Prefeitura, diferentemente de Batata nunca mais perderá à liderança. Batata é despreparado, mostrou que não tem conhecimento, traquejo para gestor e não sabe formular projetos, além de montar uma equipe sem nível intelectual, técnico e político.
Um dos acertos dos caciques  foi mandar os radialistas e blogueiros línguas de aluguel baixarem o cacete no pré-candidato Maynatd.
Alguns caciques tentaram conversar com o deputado Rafael Motta tentando secar Artur, mas o presidente do PSB não admitiu nem conversar.