Arquivo diários:13/11/2020

Polícia encontra dinheiro embaixo da cama do prefeito de Caiçara do Norte


O tempo fechou em Caiçara do Norte, uma operação policial pegou 50 mil reais embaixo da cama do prefeito Amarildo Elias de Morais Filho que é candidato à reeleição.
Segundo denúncia já encaminhas à Justiça Eleitoral a ex-prefeito e atuais vereadores estão envolvidos em esquema de compra de votos.
Segundo fontes do Blog do Primo, caso o prefeito seja reeleito certamente seu mandato será cassado.

Doutor confusão


Quem mora nos condomínios da famosa Cidade dos Bosques não conseguem fugir das confusões.
Com muitos moradores decentes, mas contaminados por moradores estranhos, muitos oriundo de outros estados, sem vínculos sociais em Natal, boas famílias estão sofrendo com essas figuras que não sabem viver em sociedade.
Alguns condomínios com síndicos negligentes dos olhos grandes, fazem vistas grossas para outras.
O Doutor Confusão já consegui brigar com todos seus vizinhos, e ultimamente ele é sua esposa partiram para agressões físicas. Ele é tido pelos colegas como uma pessoa que tem transtorno de conduta anti-social. Suas brigas vão parar em delegacias, onde ele passou arranjou intrigas e confusão.
Estão fazendo uma radiografia de sua conduta e passado social.
Por causa dessas coisas, o valor dos imóveis nestes condomínios estão despencando.
Um morador disse ao Blog do Primo que deve mais tranquilo morar no Morro do Alemão no Rio de Janeiro.

 

Candidata a vereadora é presa por tráfico de drogas

Uma candidata a vereadora foi presa por tráfico de drogas na madrugada desta quarta-feira (11) no município de Santa Quitéria, no interior do Ceará. Débora Costa Bezerra, de 21 anos, concorre a um mandato na câmara dos vereadores de Santa Quitéria pelo PSB. Junto com ela, outros três suspeitos foram detidos.

Os policiais encontraram drogas e materiais utilizados para a venda de drogas na casa de Débora. O advogado da candidata, Airton Silva, informou que ainda não teve acesso ao inquérito policial e, portanto, não tem como dar “mais esclarecimentos” sobre a participação dela no fato ocorrido.

Conforme lei eleitoral, candidatos não podem ser presos na véspera de eleição; neste ano, a medida está em vigor desde 22 de setembro. A exceção é para prisões em flagrante, como foi o caso de Débora Costa, conforme a Secretaria da Segurança.

debaora costa - EM FLAGRANTE: Candidata a vereadora é presa por tráfico de drogas

Empresa de aviação oferecerá ‘seguro Covid’ grátis em viagens para EUA e Europa

 

A Azul oferecerá assistência financeira gratuita aos passageiros que receberem diagnóstico positivo para o Coronavírus durante viagens. O “seguro Covid-19” estará disponível para brasileiros que tenham comprado passagens para destinos na Europa e nos Estados Unidos como destino no período até o próximo dia 31 de janeiro.

O benefício terá validade de 31 dias, a partir da data de embarque, e ficará disponível apenas enquanto o passageiro estiver fora. Para usufruir do seguro Covid, as passagens devem ter sido compradas dentro do período estabelecido – de ontem até o fim de janeiro.

Estrangeiros que vierem ao Brasil, nestas datas, também poderão contar com a cobertura do seguro. O serviço é oferecido em parceria com a Assist Card. Cobre assistência médica de até US$ 150 mil, reembolso com despesas de hospedagem ou alimentação para extensão de viagem de até US$ 3 mil e cobertura para a realização de testes de até US$ 1 mil (desde que com orientação médica).

“Fechamos essa parceria. A ideia é dar mais uma segurança para os nossos clientes voarem”, disse o gerente de produtos e serviços da Azul, Henrique Barone. Em caso de suspeita de contaminação pelo coronavírus, o cliente deve entrar em contato com a Assist Card, companhia especializada em seguros viagem, para obter as informações sobre como proceder no país em questão.

Primando por Natal: Kelps “esconde” companheiro de chapa e presidente do Partido, encrencados com a Justiça

 


Embora venha explorando na campanha pela Prefeitura de Natal(RN) o discurso de ter uma história imaculada em termos de casos de corrupção, o deputado estadual Kelps Lima (SDD) omite a situação que envolve seu companheiro de chapa, o engenheiro Brenno Queiroga.

Ex-prefeito de Olho D´água do Borges, no Oeste potiguar, Queiroga responde a oito processos na Justiça Eleitoral. Em um desses processos, o candidato a vice de Kelps responde a denúncias por utilização de documento falso e por fraudes em licitação.

A situação de Brenno Queiroga perante o Judiciário contraria o que ele e Kelps vêm pregando em praça pública, na disputa pela Prefeitura de Natal. No entanto, condiz com problemas semelhantes vividos por lideranças nacionais do partido de ambos, o Solidariedade.

O presidente nacional da legenda, o deputado federal Paulo Pereira da Silva (SP), foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal, em junho deste ano, a 10 anos e 2 meses de prisão por desvio de verbas públicas do BNDES. O STF também o condenou à perda de mandato parlamentar.

Segundo a Procuradoria Geral da República, “Paulinho da Força”, como o líder do partido de Kelps é mais conhecido, beneficiou-se do desvio de recursos de contratos, de R$ 130 milhões e 220 milhões, entre o BNDES, a prefeitura de Praia Grande e as Lojas Marisa. Os fatos foram investigados pela Polícia Federal, na Operação Santa Teresa, deflagrada pela PF em 2008, que teve como alvo empresários, advogados e servidores públicos. Somente a parte relativa a Paulinho da Força tramita no Supremo, pelo fato de ele ter foro privilegiado.

Kelps e seu candidato a vice têm, portanto, uma lista grande de assuntos para abordarem nessa reta final da eleição, explicando aos eleitores de Natal tudo o que envolve essas questões. Vale, quem sabe a produção de um bom episódio no Kelpflix, por exemplo.

Ezequiel finaliza mobilizações do 45 em Bom Jesus, Serra Caiada e também em Cel. Ezequiel no Trairi (RN)

O presidente do PSDB no Rio Grande do Norte, deputado Ezequiel Ferreirade Souza se dividiu na noite desta quinta-feira (12) em mais três grandes mobilizações no interior. O PSDB concorre a reeleição em Bom Jesus(RN) com o prefeito Clécio Azevedo e também apresenta o nome do jovem Joãozinho em Serra Caiada. Na região Trairi, o PSDB indicou a vice Irma numa composição com o MDB do prefeito Cláudio Marques, o Boba.

A cidade de Bom Jesus foi palco de mais uma grande mobilização a favor da candidatura a reeleição do prefeito Clécio Azevedo (PSDB). “Bom Jesus conhece o trabalho de Clécio e sabe que ele fará muito mais nos próximos quatro anos. A vitória está cada vez mais próxima e é muito merecida. O trabalho da atual gestão tem transformado o município e, da nossa parte, estaremos juntos para lutarmos ainda por muitas melhorias para a cidade”, disse Ezequiel.

Segundo pesquisa Consult, Clécio conta com 75,75% das intenções de voto contra 10,75% de Alexandre de João Vicente. A pesquisa está registrada na Justiça Eleitoral sob o protocolo RN-01026/2020.

Em Serra Caiada, o palanque de Joãozinho Furtado (PSDB) e Denilza Nascimento (PSD) teve uma verdadeira multidão.”A presença de todos vocês aqui hoje mostra que a vitória de Joãozinho está cada vez mais próxima, para dar continuidade a grande gestão da prefeita Socorro. É hora de fazer Serra Caiada avançar ainda mais e nós estaremos juntos para lutarmos por melhorias nos próximos anos”, disse Ezequiel.

Além da prefeita Socorro, a chapa também conta com o apoio do ex-prefeito Faustinho, que preside o PSDB na cidade. Segundo pesquisa do Instituto Perfil, Joãzinho Furtado lidera a disputa no município com 54,5% dos votos. Em segundo lugar aparece Jalmir do Sindicato (MDB) com 32,75%. Zezinho (SDD) surge com 2%. Indecisos somam 8,25% e brancos e nulos chegam a 2,5%. O levantamento foi registrado no TRE sob o número RN-07595/2020.

Uma grande passeata percorreu as ruas de Coronel Ezequiel marcando o encerramento das mobilizações da coligação “Pra Continuar Avançando”, formada pelo MDB e PSDB, tendo a reeleição de Boba (MDB), prefeito e Irma Dias (PSDB) como vice. “O entusiasmo esteve estampado no rosto de cada um que participou desta grande e impactante passeata. Parabéns Boba, parabéns Irma, parabéns povo de Coronel Ezequiel. Dia 15 bora acerta de novo votando 15”, discursou o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), no final a mobilização.

De acordo com o deputado Ezequiel Ferreira, o prefeito Boba o que mais fez ao longo desta jornada eleitoral foi ouvir. “Você fez certo Boba. Ouvir para continuar fazendo mais pela nossa gente de Coronel Ezequiel”, salientou o deputado. Em agradecimento, Boba disse que todos os dias e por todos os cantos esteve escutando o povo, seus anseios, sua realidade e seus projetos de vida. “E estarei aqui e onde eles estiverem, pois sei que juntos estaremos fortalecidos e para fazer a nossa cidade avançar cada vez mais”, disse Boba que conta com o apoio de sete vereadores durante a atual gestão e está indo à reeleição fortalecido com a chegada de novas lideranças que buscam a melhoria para Coronel Ezequiel. “O PSDB tem orgulho em fazer parte deste futuro promissor para Coronel Ezequiel”, disse.

Tramp ganha decisão judicial na Pensilvânia e votos atrasados serão descartados

A juíza Mary Hannah Leavitt, daPensilvânia, decidiu nessa quinta-feira (12) a favor da campanha do presidente Donald Trump, determinando que as cédulas que chegaram atrasadas não devem ser contadas e que a secretária de Estado da Pensilvânia, Kathy Boockvar, não tinha autoridade para emitir a orientação.

“O Tribunal conclui que a Requerida Kathy Boockvar, em sua capacidade oficial como Secretária da Commonwealth, não tinha autoridade estatutária para emitir a orientação de 1º de novembro de 2020 para as Juntas Eleitorais do Condado de Requeridos, na medida em que essa orientação pretendia alterar o prazo […] para certos eleitores”, escreveu a juíza Mary Hannah Leavitt em seu parecer.

A democrata, apresentou orientação dizendo que a prova de identificação pode ser fornecida para votação até 12 de novembro.

A lei estadual estipula que os eleitores têm até 9 de novembro para lidar com problemas relacionados à falta de prova de identificação.3

Boockvar, a principal autoridade eleitoral no estado, emitiu a orientação depois que a Suprema Corte da Pensilvânia decidiu que as cédulas pelo correio poderiam ser aceitas três dias após 3 de novembro. Também emitiu a nova orientação em 1º de novembro, dois dias antes do dia da eleição. Os advogados de Trump argumentaram que a secretária não tinha poderes para alterar a data unilateralmente.

O tribunal havia ordenado anteriormente que as cédulas de eleitores que forneceram identificação entre 10 e 12 de novembro deveriam ser separadas até que uma nova decisão fosse emitida sobre o que deveria ser feito com eles.

“Consequentemente, o tribunal ordena que as Juntas Eleitorais do Condado de Réus sejam proibidas de contar quaisquer cédulas que tenham sido separadas de acordo com a ordem deste tribunal”, acrescentou o juiz, significando que essas cédulas agora não deveriam ser contadas. Não está claro quantas cédulas estão em jogo.

A campanha de Trump e os republicanos agora aguardam uma decisão da Suprema Corte dos EUA sobre se a Suprema Corte da Pensilvânia agiu legalmente ao conceder uma prorrogação de três dias para aceitar cédulas pelo correio.

Vários procuradores-gerais republicanos de outros estados emitiram notas amicus e juntaram-se ao processo contra o tribunal superior da Pensilvânia.

Enquanto isso, há outras contestações legais pendentes na Pensilvânia, incluindo uma em que estão programados para ter uma audiência sobre milhares de cédulas que foram possivelmente contadas indevidamente.

Fiocruz aponta Natal na rota do efeito rebote do coronavírus

Nove capitais brasileiras testemunham um avanço de infecções por coronavírus, segundo levantamento do sistema InfoGripe, assinado pela Fiocruz com base em registros do Ministério da Saúde.

Seu último boletim, referente a dados coletados até o último dia 31, mostrou que oito dos municípios mais ameaçados são das regiões Norte e Nordeste, as primeiras em que o sistema de saúde entrou em colapso diante da Covid-19, entre abril e maio. A exceção é Florianópolis. O aumento, segundo especialistas, pode levar à chegada de uma segunda onda da pandemia no país.

De acordo com o levantamento, uma forte tendência (superior a 95%) de avanço da pandemia foi detectada na capital catarinense, em João Pessoa e Maceió.

Houve uma probabilidade moderada de crescimento (maior que 75%) da Covid-19 em Belém, Fortaleza, Macapá, Natal, Salvador e São Luís.

— São cidades em que há um avanço sustentado, e que vem sentido mantido, nos casos de coronavírus — alerta Marcelo Gomes, coordenador do InfoGripe. — Não temos certeza sobre a existência de uma segunda onda, mas é uma possibilidade que deve servir de alerta para que as autoridades locais repensem ou revertam políticas de flexibilização.

Como não se sabe quanto tempo dura a imunidade, uma pessoa que já foi infectada poderia ser novamente vítima da pandemia. Portanto, segundo Gomes, faz sentido que as regiões mais vulneráveis vistas na pesquisa sejam aquelas onde houve mais contaminados nos primeiros meses da pandemia no Brasil.

Segundo Gomes, Florianópolis foi a única capital brasileira onde não houve um período de estabilização após o pico da pandemia. Os casos voltaram a crescer logo em seguida, provavelmente devido à desmobilização da população. Pior: também foi uma das cidades com menor número de infectados por cem mil habitantes, o que significa que muitas pessoas não tiveram contato com o coronavírus.

— O Brasil voltou cedo demais à normalidade. Por isso, nossa segunda onda pode ser mais grave do que a vista na Europa. Lá, o número de casos foi bastante reduzido até a pandemia atingir novamente a população. Aqui, nunca chegamos a um índice confortável, estacionamos em um nível alto. Então, se houvesse uma nova leva da doença, ela nos pegaria no meio de uma pista, e não no começo — diz o coordenador do InfoGripe.

A Secretaria de Saúde do Rio Grande do Norte informa que Natal passou a registrar um leve aumento diário de atendimento de cerca de 2% na rede hospitalar. Hoje, a ocupação de leitos de Covid em todo o estado é de 40%.

O GLOBO

Bolsonaro em queda livre

Depois de 3 meses com a aprovação de seu trabalho maior que a rejeição, a popularidade de Jair Bolsonaro começa a dar sinais de queda. É o que mostra pesquisa PoderData, divulgada nesta 5ª feira (12.nov.2020).

O levantamento aponta que 45% dos brasileiros aprovam a gestão. A taxa variou 3 pontos percentuais para baixo desde o último levantamento, feito 15 dias antes. Em 1 mês, houve queda de 7 pontos.

A administração do chefe do Executivo agora é desaprovada por 43% dos entrevistados, ante 42% no estudo anterior.

O levantamento ouviu 2.500 pessoas, em 501 municípios, nas 27 unidades da Federação, por meio de ligações para celulares e telefones fixos. A margem de erro é de 2 pontos percentuais. Saiba mais sobre a metodologia lendo este texto.

Os dados foram coletados de 9 a 11 de novembro. No período, Bolsonaro fez declarações que ficaram em destaque na mídia. Comemorou a suspensão de testes da CoronaVac e disse que o Brasil deveria deixar de ser 1 país de “maricas –termo pejorativo para se referir a homossexuais.

O chefe do Executivo também fez uma ameaça indireta ao presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden. Afirmou que “quando acabar a saliva, tem que ter pólvora” ao se referir a possíveis barreiras comerciais impostas por outros países condicionadas à preservação da Amazônia.

PODER 360

Túlio Lemos supera Micarla, ele tem 90% de desaprovação

Nada de surpreendente, todos sabem da insatisfação do povo de Macau com o atual é mas desgastado prefeito do RN, Túlio Lemos.
O é destacado um sua fracassada carreira política é o fato dele ter conseguido a façanha de superar a ex-prefeita de Natal, Micarla de Sousa.
Ele vai ficar na história.

Pesquisa da Consult apontou o espantoso índice de desaprovação:

 

Pesquisa registrada na Justiça Eleitoral sob o protocolo RN-08205/2020.