EUA: Deputado é diagnosticado com covid depois de 2ª dose da vacina da Pfizer

O congressista norte-americano Stephen Lynch foi diagnosticado com coronavírus 9 dias depois de ter tomado a 2ª dose da vacina da Pfizer/BioNTech contra a doença. Segundo disse a Pfizer ao veículo local NBC 10 Boston, demora 7 dias depois da 2ª aplicação para que o imunizante tenha efeito. Os estudos clínicos sobre a vacina mostraram que sua eficácia contra o coronavírus é de 95%. O anúncio da doença de Lynch foi feito na 6ª feira (29.jan.2021) por seu gabinete.

O congressista é do partido democrata e representante do Estado de Massachusetts. Ele participou em 20 de janeiro da posse do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, também democrata. O gabinete de Lynch afirma que a 2ª dose foi aplicada antes do evento, quando o congressista também havia feito um teste de covid-19 que teve resultado negativo.

Lynch realizou o novo exame depois de um membro de seu gabinete ter sido diagnosticado com coronavírus no começo da última semana (25 a 29 de janeiro). Ele é o segundo congressista de Massachusetts a ter a doença em 2 dias: a republicana Lori Trahan anunciou a doença na 5ª feira (28.jan).

A equipe de Lynch declarou que o congressista está assintomático. Ele irá ficar de quarentena e delegará seu poder de voto na Câmara dos Representantes dos EUA durante a próxima semana.

PODER360

Facebook Comments
Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *