TRE/RN condena inelegível o ex-governador Robinson Faria por 8 anos

Por quatro votos a três o Tribunal Regional Eleitoral do RN, agora pela manhã desta terça-feira (9), decidiu suspender os direitos políticos do ex-governador Robinson Faria. O julgamento estava suspenso deste quinta-feira da semana passada por solicitação do Presidente da Corte, desembargador Gilson Barbosa que proferiu hoje o voto desempate contra o ex-governador.
O julgamento cotempla, ainda, o então candidato a vice-governador Sebastiao Filgueira do Couto, Ana Valeria Barbalho Cavalcanti, Francisco Vagner Gutemberg de Araujo, Josimar Custodio Ferreira, Pedro de Oliveira Cavalcanti Filho e Pedro Ratts de Ratis. Do julgamento cabe recurso à arte Superior, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A defesa do ex-governador foi feita pelo advogado Felipe Cortez.

 

Facebook Comments
Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *