Júlia Arruda assume presidência da Comissão de Educação da CMN


Em meio aos desafios da pandemia, vereadora encara missão de coordenar os trabalhos legislativos e fiscalizar ações do Município nas áreas da Educação, Cultura, Ciência, Tecnologia e Inovação._

A Câmara Municipal de Natal (CMN) definiu, durante a primeira sessão ordinária do ano, na tarde dessa terça-feira (23), a composição das Comissões Técnicas da Casa. Na ocasião, a vereadora Júlia Arruda foi eleita para a presidência da Comissão de Educação, Cultura, Ciência, Tecnologia e Inovação, além de integrar como membro as Comissões de Defesa dos Direitos Humanos, Mulheres, Idosos, Trabalho e Igualdade, e também das Pessoas com Deficiência e Mobilidade Reduzida.

Órgãos de apoio ao processo legislativo, as Comissões Técnicas têm o objetivo de emitir pareceres a respeito de projetos de lei que estão em tramitação na Câmara Municipal, além de acompanhar o funcionamento dos serviços públicos, elaborar estudos, coordenar pesquisas e convocar audiências para debater as temáticas e demandas relevantes de interesse da população.

“Mas vamos além. Sobretudo no momento de pandemia que estamos enfrentando e de uma grave crise que atinge todas áreas da sociedade, as comissões de vereadores têm um papel fundamental na fiscalização das ações do Executivo e na articulação dos diversos segmentos sociais, dando voz ao setores mais vulneráveis da população e garantindo que não fiquem invisibilizados”, ressaltou a vereadora Júlia, destacando os desafios para a Educação.

“A pandemia veio para escancarar as desigualdades, e a Educação é um triste exemplo disso. Praticamente um ano se passou e Natal ainda não apresentou, por exemplo, um plano estruturado de retomada das aulas. Tenho mantido contato frequente com o Fórum dos Gestores, e é latente a falta de articulação, de diálogo e de investimento necessário nos CMEIs e escolas do município para garantir as medidas sanitárias necessárias à segurança de todos”, lamentou Júlia.

Presidente também das Frentes Parlamentares da Criança e do Adolescente e das Mulheres, a vereadora Júlia Arruda reassume como membro da Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência e Mobilidade Reduzida, e passa a integrar ainda a Comissão de Defesa dos Direitos Humanos, Mulheres, Idosos, Trabalho e Igualdade.

“São bandeiras que já fazem parte do nosso trabalho e com as quais temos identificação natural, por todos esses anos de luta e militância. Agora é renovar o compromisso e honrar a confiança dos natalenses”, concluiu.

Em meio aos desafios da pandemia, vereadora encara missão de coordenar os trabalhos legislativos e fiscalizar ações do Município nas áreas da Educação, Cultura, Ciência, Tecnologia e Inovação._

A Câmara Municipal de Natal (CMN) definiu, durante a primeira sessão ordinária do ano, na tarde dessa terça-feira (23), a composição das Comissões Técnicas da Casa. Na ocasião, a vereadora Júlia Arruda foi eleita para a presidência da Comissão de Educação, Cultura, Ciência, Tecnologia e Inovação, além de integrar como membro as Comissões de Defesa dos Direitos Humanos, Mulheres, Idosos, Trabalho e Igualdade, e também das Pessoas com Deficiência e Mobilidade Reduzida.

Órgãos de apoio ao processo legislativo, as Comissões Técnicas têm o objetivo de emitir pareceres a respeito de projetos de lei que estão em tramitação na Câmara Municipal, além de acompanhar o funcionamento dos serviços públicos, elaborar estudos, coordenar pesquisas e convocar audiências para debater as temáticas e demandas relevantes de interesse da população.

“Mas vamos além. Sobretudo no momento de pandemia que estamos enfrentando e de uma grave crise que atinge todas áreas da sociedade, as comissões de vereadores têm um papel fundamental na fiscalização das ações do Executivo e na articulação dos diversos segmentos sociais, dando voz ao setores mais vulneráveis da população e garantindo que não fiquem invisibilizados”, ressaltou a vereadora Júlia, destacando os desafios para a Educação.

“A pandemia veio para escancarar as desigualdades, e a Educação é um triste exemplo disso. Praticamente um ano se passou e Natal ainda não apresentou, por exemplo, um plano estruturado de retomada das aulas. Tenho mantido contato frequente com o Fórum dos Gestores, e é latente a falta de articulação, de diálogo e de investimento necessário nos CMEIs e escolas do município para garantir as medidas sanitárias necessárias à segurança de todos”, lamentou Júlia.

Presidente também das Frentes Parlamentares da Criança e do Adolescente e das Mulheres, a vereadora Júlia Arruda reassume como membro da Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência e Mobilidade Reduzida, e passa a integrar ainda a Comissão de Defesa dos Direitos Humanos, Mulheres, Idosos, Trabalho e Igualdade.

“São bandeiras que já fazem parte do nosso trabalho e com as quais temos identificação natural, por todos esses anos de luta e militância. Agora é renovar o compromisso e honrar a confiança dos natalenses”, concluiu.

Facebook Comments
Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *