Pelascaridades: depois de João de Deus, agora aparece Paulinho de Deus, outro médio suspeito de estupro

paulo roveroni paulinho de deus e1615363309505 Médium Paulinho de Deus é preso por suspeita de estupro

O diretor da Associação Espírita Beneficente Paulo de Tarso em Catanduva, cidade a 390 km de São Paulo, Paulo Roberto Roveroni, médium conhecido como Paulinho de Deus, foi preso preventivamente, suspeito de estupro de vulnerável. O inquérito do qual partiu o mandado de prisão, tramita na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM).

Atualmente com 25 anos, a vítima, cujo o nome não foi revelado, alega que foi abusada desde a infância por Paulinho de Deus. De acordo com a Polícia Civil, depois da prisão do acusado, outras duas mulheres procuraram a DDM para relatar supostos abusos sofridos. A informação é do Uol.

A mãe de uma das vítimas relatou à polícia que a filha sofreu abusos sexuais do médium dos 3 aos 23 anos. “O Paulo era uma pessoa considerada de bem e eu jamais desconfiei de qualquer coisa”, contou. Ela explicou que Paulo dizia para a garota que precisava fazer aquilo porque havia espíritos ruins nela.

“Minha filha sempre teve muitos problemas psicológicos, era uma menina sem amigos e ficava muito retraída e eu não entendia o motivo. Há um ano, ela começou a fazer acompanhamento psicológico e foi depois disso que conseguiu me contar tudo o que havia acontecido durante esses 20 anos”, continuou.

Facebook Comments
Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *