Vereador vai provocar o Ministério Público para acabar com os ‘cargos fantasmas’ da Câmara de Natal


O vereador de Natal, Marcos Antônio, o Marcos do “PSOL”, vai entrar com uma ação no Ministério Público com o intuito de acabar com os cargos fantasmas no Câmara dos Vereadores da capital. De acordo com o vereador, mais de 50 pessoas estão recebendo sem trabalhar.

Marcos Antônio afirma que desde março do ano passado foi solicitado ao presidente da Câmara dos Vereadores uma lista com os cargos comissionados da mesa diretora e Albert Dickson protocolou para entregar.

Ele apresentou uma lista com 154 nomes, mas Marcos Antônio afirma que já detectou outros 54 pessoas nomeadas, que o presidente teria escondido. De acordo com o vereador, entre os nomes, estão de seis pastores evangélicos da Assembleia de Deus, que nunca teriam sido visto na Câmara dos Vereadores.

“Vale ressaltar que esses cargos são técnicos e referentes à comissão da mesa diretora. Não estamos questionando os cargos políticos, nomeados pelos vereadores, que são 10 para cada vereador e podem estar lá ou não. Mas esses cargos técnicos não estão lá, não estão trabalhando, quem trabalha a gente sabe. Por isso, vamos entrar com uma ação no Ministério Público até terça-feira, para buscar acabar com esses cargos fantasmas”, declarou Marcos.

Ainda de acordo com o vereador, a primeira solicitação dessa lista partiu da professora Eleika. A vereadora preside a comissão de educação da Câmara dos Vereadores e trabalhava com apenas três pessoas efetivamente em sua equipe, mas descobriu que a sua comissão contava oficialmente com seis técnicos. Situação semelhante vivenciou o próprio Marcos Antônio, que é da comissão de finanças, e trabalha com apenas duas pessoas na equipe, mas deveria contar com seis profissionais.

“O vereador Júlio Protásio veio justificar que essas pessoas estariam no campo. Como assim? Estão no campo sem o presidente da comissão saber quem são, o que estão fazendo e sem apresentar relatório do que estão fazendo. Cargos técnicos devem trabalhar junto com a comissão. Não existe função externa sem conhecimento do seu coordenador. Isso é cargo fantasma, trabalhar sem receber, é corrupção”, reclamou Marcos Antônio.

Marcos ainda disse que os cargos fantasmas estão na categoria APM5 e APM6, que são os maiores salários. No APM5, o salário é de R$4mil e no APM6 de R$6mil.

Carlos Guerra Júnior/Da Redação Jornal de Fato

Do blog: quero dizer ao primo Marcos do PSOL que tanto eu, quando fui vereador, como o vereador, Fernando Lucena denunciamos os ‘fantasmas’ da Câmara Municipal de Natal em 2008 ao Ministério Público do RN que nada fez para apurar.. Ainda mais, o MP RN abriu um processo contra mim alegando improbidade administrativa dizendo que eu tinha nomeado um irmão meu para ocupar dois cargos comissionados sem nunca mostrar os atos de nomeação..Meu irmão quando foi nomeado nem presidente da Câmara eu era.. Pareceu uma represália.. Pessoas dizem que existem vários familiares de promotores recebendo da Câmara sem trabalhar..

Não acredito que o MP faça nada… 

Segundo pesquisa do Instituto Seta, os Alves continuam mandando em Natal

O CANDIDATO A GOVERNADOR HENRIQUE ALVES, PRIMO DO PREFEITO CARLOS EDUARDO ALVES LIDERA PARA GOVERNADOR

familia alves

Os Alves poderão controlar a prefeitura de Natal e o governo do Estado

A mais nova pesquisa do Seta Instituto divulgada hoje (22) em parceria com o portal Nominuto.com. apontou o seguinte resultado:

Na estimulada, Henrique Alves (PMDB) obteve 29,4% das intenções de voto na capital, seguido de perto por Robinson Faria (PSD) com 27,5%.

Simone Dutra (PSTU)  com 4,6%;

 Robério Paulino (PSOL) tem 3,8%;

Araken Farias (PSL) registra 2,9%;

Brancos, nulos e nenhum somaram 16,6%; e não sabe ou não respondeu 15,2%.

Foram ouvidos 800 eleitores entre os dias 16 e 17 de agosto nas quatro zonas de Natal. A margem de erro é de 3%, para mais ou para menos. O intervalo de confiança é de 95%. A pesquisa foi registrada no TRE-RN com o número 00014/2014.

 

No quesito rejeição, Henrique Alves registrou foi o campeão, com 22,2% das citações. Robinson Faria é o segundo maior rejeitado, com 19,4%.

Robério Paulino é rejeitado por 12,7% dos entrevistados do Seta Instituto; Simone Dutra por 4,8%; e Araken Farias por 4,9%. Brancos, nulos e nenhum somaram 20,2%; não sabe ou não responderam 15,8%.

Natal_seta_gov_rejei_7701

* Tabelas do Seta Instituto/Reprodução.

Fátima lidera corrida para o senado em Natal, segundo pesquisa do Instituto Seta

A candidata Fátima Bezerra (PT) lidera a preferencia para o Senado entre os eleitores de Natal. A petista aparece com 29,1% das preferências na pesquisa estimulada do Seta Instituto. Wilma de Faria (PSB)  em segundo lugar com 25,8% das intenções de voto.

A professora Ana Célia (PSTU) aparece em terceiro lugar com 3,9%; seguida de Roberto Ronconi (PSL) com 3,2%; e de Lailson de Almeida (PSOL) com 2,6% das citações. Brancos, nulos e nenhum somaram 18,4%; e não responderam ou não sabem 17%.

Espontânea

Na pergunta espontânea para o Senado, Fátima Bezerra também lidera com 24,2% das citações; seguida de Wilma de Faria com 20,9%; Ana Célia com 3,4%; Roberto Ronconi com 2,8%; e o professor Lailson de Almeida com 2,1%.

Rejeição

Wilma apresenta maior rejeição com 32,2% das respostas;

Fátima é rejeitada por 21,3% dos entrevistados;

Ronconi, por 10,4%; professora Ana Célia por 4,7%;

Lailson por 4,5%.

Brancos, nulos e ninguém somaram 16,1%; e não responderam ou não sabem totalizaram 10,8%.

Natal_seta_senado_rejei_770

O Ibope acaba de registrar uma pesquisa presidencial que tem tudo para incendiar mais ainda a corrida eleitoral

candidatos

Em campanha

O Ibope acaba de registrar uma pesquisa presidencial que tem tudo para incendiar mais ainda a corrida eleitoral.

Será a primeira pesquisa feita após eventos importantes da campanha. As entrevistas serão realizadas no final de semana e a divulgação está prevista para a noite de segunda-feira ou manhã de terça-feira, em O Estado de S. Paulo, que encomendou o levantamento.

A pesquisa captará a emoção do enterro de Eduardo Campos, a polêmica entrevista de Dilma Rousseff ao Jornal Nacional, o lançamento oficial da candidatura de Marina Silva e os primeiros programas eleitorais na TV.

E certamente balizará o debate entre os presidenciáveis, marcado para terça-feira, na Band.

Nesta semana, alguns institutos têm feito pesquisas por encomendas de bancos, todas elas não registradas e, portanto, sem permissão para serem divulgadas.

Todas as que vazaram para as campanhas de Dilma e de Aécio Neves, no entanto, deixaram as cúpulas de ambas muito, muito preocupadas.

Por Lauro Jardim

Ameaçado de ser vaiado na companhia de Rogério Marinho e josé Agripino, o candidato Aécio cancelou visita ao Alecrim

Sem querer menosprezar a visita o presidenciável tucano Aécio Neves, mas, a visita dele no RN  ficou marcada pela isa dele a sede seu partido o PSDB e a visita a fabrica das Confecções Guararapes onde ele entrou no galpão onde estavam as costureiras num carrinho dirigido pelo dono da fábrica, o empresário Nelvaldo Rocha..

Assim os aplausos estavam garantidos… Quem iria vaiar o candidato na frente do patrão?

Quanto a ida dele de encontro com o povão que seria o comercio do Alecrim, Aécio foi desaconselhado a ir pelo fato dele correr um sério risco de ser hostilizado pela galera do dos partidos de esquerda que estavam esperando a chegada dele para barbarizar uma sonora vaia..

Assim, Aécio pegou o beco para o aeroporto e foi para o interior da Paraíba..

Depois que Henrique viu o nosso post falando sobre a chave de rodas que recebeu, correu para o aeroporto para tirar uma foto com o candidato tucano..

O soldado vasco disse que se Aécio voltar ao RN com Rogério Marinho e José Agripino vai perder votos que tem aqui no Estado.. Será??

 

IMG_8011-1

 

Passe Livre: Demagogicamente o prefeito Carlos Eduardo Alves diz que apoia projeto de lei de Wilma que ele vetou alegando institucionalidade

Carlos Eduardo e Wilma pesam que o povo é burro…

Ele aparece na propaganda eleitoral de Wilma dizendo que ela, caso seja eleita, vai apresentar e criar o ” Passe Livre Nacional” para os estudantes de todo país..

Vejam só como são as coisas, quando Amanda Gurgel apresentou o projeto do Passe Livre na Câmara Municipal, o prefeito Carlos Eduardo vetou, alegando vicio de iniciativa, ou seja, só quem pode ter a iniciativa de apresentar um projeto de lei que gere aumento de despesa é o chefe do executivo..

 

Então, se o prefeito Carlos Eduardo vetou alegando inconstitucionalidade, pelo fato de ter sido apresentado por uma vereadora, como ele vai pra televisão demagogicamente apoiar um projeto igual o de Amanda Gurgel que será apresentada por Wilma na condição de senadora legisladora?

Eles devem pensar que aqui no RN só tem gente burra…

E o mais engraçado é o senador Garibaldi Alves dizendo que vai apoiar a iniciativa sabendo que só quem pode ter a iniciativa de mandar para o Congresso Nacional é a presidenta, Dilma Rousseff ou outro que seja eleito na próxima eleição..

Confira uma matéria publicada no G1 noticiando o veto do prefeito Carlos Alves:

Prefeito de Natal veta passe livre e manda projeto para Câmara Municipal

Procurador afirma que Município está ‘juridicamente seguro’ da medida.
Projeto volta à Câmara Municipal, que pode manter ou rejeitar o veto.

Felipe GibsonDo G1 RN

2 comentários
Prefeito de Natal faz balanço positivo dos 100 primeiros dias de gestão (Foto: João Maria Alves)Carlos Eduardo assinou veto nesta segunda (14)
(Foto: João Maria Alves)

Como adiantou a Procuradoria Geral do Município, o prefeito Carlos Eduardo Alves (PDF) vetou o projeto de lei que cria o passe livre para estudantes no transporte público de Natal. O líder do Executivo Municipal assinou o veto nesta segunda-feira (14). A matéria já foi encaminhada de volta para a Câmara Municipal, que pode manter, ou derrubar a medida do prefeito.

Ao G1, o procurador geral do Município, Carlos Castim, explicou que o poder executivo está juridicamente seguro do veto. “Não é uma questão política como querem colocar. É técnica e jurídica. Estamos absolutamente convencidos da impossibilidade pela questão da interferência na simetria dos poderes e da ausência da fonte de custeio para o passe livre”, afirma o procurador, que já havia adiantado a posição do Município. Na semana passada, Castim detalhou porque o projeto deveria ser vetado.

“É inconstitucional. O poder legislativo não tem poder constitucional para apresentar um projeto de lei que gere despesa a outro poder, no caso o poder executivo. Isso fere o princípio da independência dos poderes, que está exatamente no respeito dos limites que cada um tem em gerenciar e administrar sua própria estrutura orgânica”, disse o procurador, que aponta uma série de falhas no projeto de lei aprovado pela Câmara Municipal.

Para pressionar o prefeito pela aprovação do projeto de passe livre estudantil, manifestantes montaram um acampamento em frente ao Palácio Felipe Camarão, sede do Executivo Municipal, na tarde desta segunda. A matéria foi aprovada por unanimidade pela Câmara Municipal na última terça-feira (8).

A chave de rodas de Dilma em Henrique Alves funcionou

Na visita passada, Henrique foi ao aeroporto, desta vez não colocou os pés lá

A famosa chave de rodas que a presidenta Dilma deu no candidato a governador Henrique Alves para ele ficar bem longe do presidenciável, Aécio Neves parece que funcionou…

Henrique hoje não colocou os pés onde esteve o candidato a presidente do PSDB..

Essa coisa de Henrique Alves ir ao aeroporto saldar o tucano irritou a presidenta que teria deixado claro que Garidaldi Alves é ministro do seu governo e Henrique não fizesse graça..

Duvidas sobre o avião de Eduardo Campos

cessna campos

Cessna Citation da campanha de Campos

Além do trágico acidente, o avião em que Eduardo Campos voava quando morreu pode ainda ser notícia por outros aspectos. Há uma investigação policial em curso sobre o dono do Cessna Citation.

Além da transferência de propriedade, que não está devidamente regularizada na Anac, há suspeitas sobre a capacidade financeira do proprietário para ter comprado um avião.

Por Lauro Jardim

Calibre Dilma

Marina: questão de embalagem

Marina: mais aceitação pelo mercado

Um banqueiro de investimentos, daqueles que gostaria de Aécio Neves subindo a rampa do Palácio do Planalto em janeiro de 2015, analisava o novo quadro eleitoral ontem à tarde desta forma:

- Prefiro a Marina à Dilma. A Marina é uma roleta-russa: quando você apertar o gatilho pode ou não matar. Já a Dilma é um revólver carregado com as seis balas. Não há chance de escapar. É morte certa.

O mercado financeiro prefere Aécio Neves, mas já aceita Marina Silva. Ainda espera, porém, alguns acenos de Marina ao longo da campanha.

Por Lauro Jardim

Nem de graça: O candidato a deputado federal Cição Bandido tocou fogo nos santinhos que Henrique Alves mandou pra ele

O CANDIDATO HENRIQUE ALVES MANDOU FAZER SANTINHOS COM O RETRATO DELE E CIÇÃO BANDIDO QUE NÃO QUIZ É TOCOU FOGO PRA O POVO VER

O candidato a deputado federal, Cição Bandido não quis os santinhos com Henrique Alves

Candidato a deputado federal pelo PHS o agricultor caicoense Cícero Vale, conhecido por Cição Bandido, não gostou nadinha do seu partido ter lhe encaminhado material publicitário em que constava sua propaganda atrelada ao candidato a governador Henrique Alves (PMDB).

Utilizando as redes sociais, Cição publicou imagens onde consta o material sendo queimado e diz que fez a “distribuição” do material todo de uma vez.

“Comecei a minha campanha só e dessa forma estou até agora. Não recebi apoio financeiro de ninguém, e a única coisa que me mandaram foi alguns “santinhos”, ao lado de um candidato que eu sempre critiquei por cruzar os braços diante das dificuldades enfrentadas pelo homem do CAMPO, em momento algum o candidato ao governo do Estado Henrique Alves foi solidário a minha causa, então porque eu ia sair pedindo voto casado pra ele? Hoje pela manhã fui a um lixão e de uma só vez distribuí todos os meus santinhos”, publicou o candidato.

O PHS é um dos partidos que apóiam a candidatura de Henrique Alves ao governo do Estado.

cicao-caico

Fonte: Blog de Suébster Neri/  www.sneri.blog.br