Pesquisa Perfil/Visor Politico aponta vitória de Ricardo Gurgel para Prefeitura de Parnamirim

unnamed

Levantamento da Perfil Pesquisas Técnicas, em parceria com o Visor Político, medindo a intenção de votos para prefeito de Parnamirim, revela que, se a eleição fosse hoje, restando 15 meses para o pleito de 2016, o atual presidente da Câmara Municipal de Parnamirim, vereador Ricardo Gurgel (PSB), seria eleito prefeito da cidade.

A Perfil Pesquisas Técnicas ouviu 500 pessoas entre eleitores residentes e domiciliados em Parnamirim, nos dias 13 e 14 de julho. A sondagem teve como objetivo avaliar as intenções de voto para o próximo pleito de prefeito de Parnamirim.

De acordo com o instituto, se a eleição fosse hoje, Ricardo Gurgel seria eleito prefeito da cidade com 15,8% dos votos válidos. Em segundo lugar, ficaria o deputado estadual Carlos Augusto Maia (PC do B), com 11,6% dos votos. Ambos pertencem ao grupo político do governador Robinson Faria (PSD), que é bem avaliado no município.

Pré-candidato do PSDB a prefeito de Parnamirim, o vereador Gildásio Figueiredo, ficaria em terceiro lugar, de acordo com o instituto, com 7,4% dos votos. Ele seria seguido por Naur Ferreira (PSB), candidato do prefeito Maurício Marques (PDT), com, 7%. A vereadora Elienai Cartaxo (PMDB) teria 6,6% e o ex-vereador Epifânio Bezerra (PR), 3,6%.

Os indecisos somariam 27% enquanto brancos e nulos, 20,2%. A margem de erro da pesquisa é de 4% para mais ou para menos.

Leia Mais

Petrobras descarta reajuste de preços no curto prazo, diz Bendine

Reuters

RIO DE JANEIRO  – O plano de negócios da Petrobras de 2015 a 2019 prevê a paridade de preços dos combustíveis no Brasil com o exterior, mas o presidente da estatal, Aldemir Bendine, afirmou que não está previsto um reajuste da gasolina no curto prazo, apesar da defasagem dos valores no mercado doméstico.

A política de preços realizada pela atual administração ainda não foi detalhada ao mercado, que teme que a estatal permaneça sem autonomia para decidir por reajustes, dependendo do aval do governo, seu acionista controlador, e do comportamento da inflação.

“Estamos numa margem que é muito positiva e não estamos vendo a necessidade no curto prazo de uma majoração (dos preços da gasolina)”, afirmou Bendine, em coletiva de imprensa para detalhar o novo plano de negócios.

“Esse exercício é feito diariamente dentro da companhia e quando você atenua a volatilidade e vê uma tendência que há necessidade, é lógico que a empresa vai praticar aquele preço que a remunere de acordo com aquilo com o que acionista espera.”

Entretanto, o executivo disse que por questões estratégicas não iria detalhar quais as contas internas que a diretoria realiza para medir a necessidade de reajustes nos preços dos combustíveis.

O executivo também destacou que a demanda por combustíveis está em queda.

“O mercado de derivados está em retração”, afirmou Bendine.

A gasolina estava 8,7 por cento mais barata no Brasil do que no exterior em 22 de junho, segundo a atualização mais recente do Centro Brasileiro de Infraestrutura (CBIE). Na mesma data, o preço do óleo diesel nas refinarias nacionais, por outro lado, estava 13,3 por cento acima do preço no Golfo do México.

Leia Mais

Antes do povo se revoltar contra o absurdo do terreno para garagem do TCE deveria exigir o fim dos carros oficiais dos conselheiros

Acabando com a mordomia descabida dos carros oficiais o TCE não precisaria de garagem de luxo para os carros dos seus marajás.

Com o dinheiro do povo o Tribunal de Contas que deveria dar o exemplo de parcimônia com os gastos, comprou um carro Nissan para cada um dos conselheiros e ainda quer desapropriar um terreno particular para construir uma garagem.

Em primeiro lugar os conselheiros do Tribunal de Contas do RN não deveriam dispor de carros oficiais de representação com motoristas e combustíveis pagos pelos contribuintes de um Estado pobre que mal consegue manter os hospitais e abastecer as viaturas das polícias civil e militar; depois, não se concebe que o Governo do Estado gaste dinheiro para desapropriar um terreno que pertence há 25 anos ao condomínio privado dos moradores do edifício Luciano Barros para servir de garagem para os carangos de luxo dos privilegiados conselheiros.

O Tribunal de Contas do Estado custa caro ao RN, é composto por pessoas agraciadas politicamente que geralmente são membros das famílias politicas do RN.

Se a opinião publica do RN tivesse coragem, deveria fazer uma campanha para os marajás do TCE perderem a mordomia dos carros oficiais, que por sinal foram trocados ano ano passado, e destinar os recursos da desapropriação do terreno para reformar as delegacias de policia no RN.

Os moradores do Condomínio Luciano Barros editaram uma nota, confira:

‘O deputado estadual José Dias (PSD) classificou de “absoluto desrespeito ao direito privado” o ato do Governo do RN, publicado no Diário Oficial do último dia 24 de junho, desapropriando um terreno pertencente aos condôminos do Edifício Luciano Barros, em Petrópolis. “É um exemplo péssimo. Absoluto desrespeito às garantias da propriedade privada. O Estado não pode dar exemplo vergonhoso como este. Vejo alguns lutando para promover o Estado fora, para trazer investimentos. Quem vai querer investir num lugar onde o Estado desapropria um bem privado que serve às pessoas”, questionou o parlamentar.’

Na avaliação do deputado estadual, o ato pode afastar do Rio Grande do Norte investidores por se tratar de invasão à propriedade privada. “É um bem de grande utilidade para aquelas pessoas do condomínio. Acho que este exemplo joga água fria em qualquer confiança que se possa ter no Governo do Estado. Não se pode admitir isso. Ainda mais para fazer uma garagem de órgão público seja este órgão o mais nobre possível”, concluiu José Dias criticando duramente o decreto de desapropriação, assinado pelo vice-governador Fábio Dantas no período do afastamento, por motivos de viagem, do governador Robinson Faria

 

Leia Mais

EUA dão primeiro passo regulatório para importar carne bovina de Brasil e Argentina

Reuters

CHICAGO – O Serviço de Inspeção de Sanidade Animal e Vegetal do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) está alterando suas regulamentações para permitir a importação de carne bovina não processada do Brasil e da Argentina sob algumas condições específicas que mitiguem o risco de transmissão de febre aftosa, disse a agência nesta segunda-feira.

“Este é o primeiro passo do processo para que estas regiões ganhem acesso ao mercado de carne bovina dos Estados Unidos”, disse o serviço.

Brasil e Argentina também precisam atender padrões de segurança alimentar antes de serem definitivamente habilitados para qualquer embarque de carne bovina para os EUA.

A avaliação de riscos feita pela agência do USDA indica que a carne bovina, resfriada ou congelada, pode ser importada com segurança, contanto que certas condições sejam garantidas para evitar a chegada do vírus da febre aftosa aos EUA.

O USDA irá avaliar a equivalência dos programas de sanidade do Brasil e da Argentina com os dos EUA, além de um realizar uma auditoria presencial nos sistemas de segurança alimentar dos dois países. As regras demoram 60 dias para vigorarem, após a publicação no diário oficial norte-americano.

Leia Mais

Petrobras confirma corte de cerca de 40% nos investimentos e amplia venda de bens

  • Reuters

SÃO PAULO/RIO DE JANEIRO – A Petrobras anunciou nesta segunda-feira (29) que planeja investir US$ 130,3 bilhões de 2015 a 2019, uma queda de cerca de 40% em relação ao plano de negócios anterior, prevendo também a venda de dezenas de bilhões de dólares em bens e uma considerável desaceleração do aumento de sua produção de petróleo no Brasil.

A estatal prevê elevar a produção de petróleo no Brasil até 2020 para 2,8 milhões de barris por dia (bpd), bem abaixo dos 4,2 milhões de bpd estimados no plano anterior. A produção em 2015 deve ficar em cerca de 2,1 milhões de bpd.

A estatal reduziu a projeção de investimentos e, por consequência, de produção após ter sido atingida no ano passado pelo escândalo de corrupção investigado pela operação Lava Jato, da Polícia Federal, com impactos financeiros e na cadeia de prestadores de serviços, e após os preços do petróleo caírem pela metade no mercado internacional nos últimos 12 meses.

“Foi uma queda bem significativa (nos investimentos). Dará um alívio para o caixa e a empresa vai precisar tomar menos valores emprestados. O plano anterior demandava mais endividamentos”, disse o analista-chefe da Gradual Investimentos, Daniel Marques.

Na comparação com o montante total previsto no plano anterior, de US$ 220,6 bilhões, a redução dos investimentos foi de 41%. Se considerada apenas a carteira de negócios em implantação e em processo de licitação do plano 2014-2018, de US$ 206,8 bilhões, o corte foi de 37%.

“O plano veio bem em linha com a expectativa do mercado, vem no sentido de desalavancar a companhia”, afirmou o estrategista da Guide Investimentos, Luis Gustavo Pereira.

Leia Mais

Oposição discute pedido de impeachment

Lideranças da oposição na Câmara e no Senado se reúnem, nesta segunda-feira (29), para discutir que estratégia adotar em relação às revelações da delação premiada do empresário Ricardo Pessoa, da UTC Engenharia. A possibilidade de um pedido de impeachment, que havia perdido força nos últimos meses, volta à pauta dos oposicionistas após a divulgação de detalhes dos depoimentos de Pessoa, apontado como chefe do “clube das empreiteiras” que atuavam em cartel na Petrobras, de acordo com as investigações.

Leia Mais

Juiz pode caminhar dos presídios para Assembléia

O primo juiz de Execução Penal, Henrique Baltazar pode estar trilhando numa caminhada para a Assembleia Legislativa.
Em sua pagina do facebook, o magistrado reagiu com simpatia a possibilidade de sua candidatura a deputado estadual.
Confira o papo do magistrado:
Henrique Baltazar Vilar SantosHenrique Baltazar Vilar Santos 13 min ·É verdade que só posso ter 5 mil amigos no Facebook? Não tenho como colocar mais? Teria alguma forma?

Leia Mais

Ezequiel solicita máquinas para perfuração de poços em cidades críticas de abastecimento‏

ezequiel_ferreira_junho2015_02O deputado Ezequiel Ferreira de Souza, presidente da Assembleia Legislativa, encaminhou requerimento ao ministro da Integração Nacional, Gilberto Magalhães, solicitando convênio com o Governo do Rio Grande do Norte para aquisição de máquinas perfuratrizes, tendo em vista que o Estado só dispõe de sete para atender a 23 municípios que estão em situação crítica de abastecimento.

 “O Governo do Estado, em função do quarto ano seguido de seca e a perspectiva de mais um consecutivo de estiagem sem trégua no semiárido potiguar, decretou calamidade pública em 153 municípios. As chuvas ocorridas no segundo semestre de 2014 e este ano não foram insuficientes para a formação de estoque de água potável nos reservatórios”, justificou.

 Ezequiel informou ainda que estimativas do Governo do Estado apontam que a produção agropecuária no ano de 2013, em situação climática dentro da normalidade, deveria alcançar a cifra de R$ 8 bilhões, mas a extrema situação de estiagem fez o setor atingir R$ 4,3 bilhões, ou seja, 46,7% da produção estimada.

 “No Rio Grande do Norte, dos 167 municípios, 116 estão sendo atendidos com a operação de carros-pipa, apenas em zonas rurais. É importante frisar que 23 municípios estão em situação crítica de abastecimento hídrico, sendo desses 11 em colapso total. A secretaria de Recursos Hídricos só dispõe hoje de sete máquinas perfuratrizes. Por isso estamos solicitando ao Ministério o convênio para aquisição de novas perfuratrizes”, concluiu Ezequiel.

Leia Mais

Carlos Eduardo Alves ‘arrenda’ uma sucata hospitalar para atender o povo de Natal

Enquanto o governo do Estado estuda uma forma de se livrar do prédio do antigo ITORN que custa caro e só deu certo para o seu proprietário ex-deputado Cipriano Correia que alugou uma sucata cara de um prédio sequer foi planejado para funcionar um hospital, causando enorme prejuízo ao contribuinte, o prefeito Carlos Eduardo Alves inventou de “arrendar” o hospital Médico Cirúrgico, outra sucata hospitalar com mais de 50 anos de construção, com equipamentos obsoletos e ultrapassados para instalar o que ele chama de ” Hospital Municipal”.

O Hospital Médico Cirúrgico está localizado numa área de grande fluxo e localizado onde não existe oferta de estacionamento, encontra-se em dificuldade financeira pelo fato de ser inviável sua modernização.

Para seus proprietários salvar o patrimônio, assim como o ITORN, só tem um jeito para escapar, enfiar a sucata para o governo e talvez fazendo um tratamento clinico nos responsáveis pela locação. Não sei quais os argumentos que eles convenceram o prefeito.

Seria muito melhor e mais barato para prefeitura construir um hospital no terreno que o município tem no prolongamento da Prudente de Morais que gastar dinheiro alugando uma sucata de 50 anos.

O prédio do hospital sequer obedece totalmente a legislação de determina acesso para pessoas com necessidades especiais.

Cadê o Ministério Público que não enxerga isso?

Leia Mais

Representante de Sergipe é eleita Miss Mundo Brasil 2015

  • Ana Luísa Castro, candidata de Sergipe, recebe a coroa de Miss Mundo Brasil 2015
    Ana Luísa Castro, candidata de Sergipe, recebe a coroa de Miss Mundo Brasil 201

A Miss Mundo Sergipe, Ana Luísa Castro, foi coroada, na noite deste sábado (27), a mais bela do país, em concurso realizado em Florianópolis e transmitido ao vivo pelo UOL.

Ana Luísa concorreu com outras 36 candidatas, mas levou a melhor e virou a sucessora da bela Julia Gama, Miss Mundo Brasil 2014.

Já o top 5 feminino foi composto ainda por Distrito Federal (5º), Ilhabela (2º), Mato Grosso do Sul (3º) e Rio Grande do Sul (4º).

Na despedida da faixa, a bela gaúcha Julia Gama agradeceu a família, amigos e coordenadores.

Leia Mais

Falta de cinto rende uma multa a cada 2 minutos em rodovias federais

Estadão Conteúdo

São Paulo – A Polícia Rodoviária Federal aplicou 152,5 mil multas a motoristas e passageiros que não respeitaram a obrigatoriedade do uso do cinto de segurança tanto no banco dianteiro quanto no banco traseiro de veículos neste ano. A quantidade de autuações faz referência aos seis primeiros meses de 2015 e equivale a uma multa a cada dois minutos nas rodovias federais que cortam o País.

Pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgada no início deste mês, mostrou que 20% da população não usa cinto de segurança no banco da frente. A situação é ainda mais grave nos bancos traseiros: metade dos entrevistados admitiu que não usa o equipamento obrigatório.

Para o coordenador técnico do Centro de Experimentação e Segurança Viária (Cesvi), Alessandro Rubio, a falta de costume em usar o cinto, em especial nos bancos traseiros, pode ser explicada pela falsa sensação de segurança dos passageiros. “O brasileiro pensa que está protegido pelo banco dianteiro. Temos de passar a ter consciência de que o cinto é uma ferramenta fundamental de segurança, independentemente do local do veículo em que você esteja. Temos de usar sempre.”

Leia Mais

Câmara votará PEC da maioridade sob clima de indefinição

Embora a maioria dos partidos tenha posição favorável à redução da maioridade penal, dissidências internas aumentam incertezas sobre o resultado da votação. Para ser aprovada em primeiro turno, PEC precisa do apoio de 308 deputado

 

O acirramento da crise política, com as revelações da delação premiada do empresário Ricardo Pessoa, da UTC Engenharia, não será o único assunto polêmico a tomar conta do Congresso Nacional nesta semana. Ainda dividida sobre o assunto, a Câmara se prepara para votar, nesta terça-feira (30), a proposta de emenda à Constituição (PEC) que reduz a maioridade penal dos atuais 18 para 16 anos. A discussão sobre o tema se arrasta há 22 anos no Congresso, mas ainda está longe do consenso.

Leia Mais

Vídeo:ex-ministro Guido Mantega é hostilizado pela terceira vez

Um vídeo que circula pela internet mostra novos atos de hostilidade contra o ex-ministro da Fazenda Guido Mantega, a exemplo do que já havia ocorrido no restaurante Aguzzo e no Hospital Albert Einstein, em São Paulo. Desta vez, Mantega é chamado de “ladrão”, “palhaço” e “sem vergonha” enquanto almoçava com a família no restaurante Trio, também na capital paulista. As imagens mostram o ex-ministro se levantando e caminhando em direção às pessoas que o insultam. Mas não é possível ouvir o que Mantega diz a elas. Aos gritos, um dos manifestantes atribui ao ex-ministro responsabilidade pelos desvios na Petrobras.

 

Leia Mais

Carlos Eduardo Alves e seu partido (PDT) fecharam questão contra à redução da maioridade penal

Carlos Eduardo Alves e o presidente do seu partido, Carlos Lupi fechados contra a redução da maioridade penal.

A Executiva Nacional do PDT e as bancadas do partido na Câmara e no Senado decidiram, reunidos em Brasília, fechar questão contra o projeto que diminui a maioridade penal – que está em discussão no Congresso Nacional.

A decisão, além de reiterar uma das principais bandeiras do partido, a defesa das crianças,  confirma uma das teses aprovadas no 5° Congresso Nacional do PDT realizado ainda em 2013, em Brasília.

A decisão da Direção Nacional e das bancadas do partido também está alinhada com a Carta de Lisboa, documento fundamental na refundação do Trabalhismo no Brasil, de 1979;  o manifesto de fundação do PDT e, ainda, o Estatuto do partido.

Segundo o presidente nacional, Carlos Lupi, “o PDT é um partido humanista, defende a educação pública de qualidade e, também a construção de escolas no lugar de presídios”.

– Precisamos construir escolas para nossos jovens, dar-lhes educação. Não criminalizá-los. Somos contra qualquer possibilidade de diminuição da maioridade penal – destacou Lupi.

Leia Mais