Arquivo da categoria: Babada Cabeluda

Coronavírus: empresas se preparam para ‘boom’ na venda de vibradores


Natália Portinari e Paula Ferreira
O Globo

BRASÍLIA — O isolamento social provocado pelo coronavírus é um revés incalculável para a economia do mundo. Contrariando a tendência, porém, há um setor que prevê aumento nas vendas: empresas de objetos eróticos, que proporcionam diversão para quem está sozinho (ou acompanhado) em casa.

As medidas contra a disseminação da Covid-19 podem levar ao crescimento de até 12% na compra de vibradores e outros produtos sexuais, segundo projeção da Associação Brasileira das Empresas do Mercado Erótico e Sensual (Abeme).

Diversos sites pelo mundo já anunciam promoções para os clientes de quarentena. A marca sueca de vibradores Lelo, por exemplo, está dando desconto de 25% em seus produtos na campanha #stayhome (“fique em casa”). Good Vibrations, Babeland e Unbound também têm descontos especiais em seus sites.

Tribuna do Norte pede desculpas pelo Fake News do Blog de Laurita Arruda

O ex-deputado e secretário de Governo Fernando Mineiro emitiu nota repudiando conduta do Blog de Laurita Arruda

O ex-secretário de Saúde do Governo Rosalba, médico Domício Arruda Câmara, prisioneiro do passado, no blog Território Livre, edição de hoje (15/03) da Tribuna do Norte, fez chacota com o assunto de extrema seriedade e gravidade, que mobiliza governos e sociedades em todo o mundo.

Tripudiando das medidas adotadas pelo Governo do RN para minimizar os efeitos mortais do coronavírus em nosso estado, o Dr. Domício, ao invés de somar, como profissional e cidadão, na guerra contra o vírus resolveu fazer graça com assunto tão sério.

Uma postura desrespeitosa e irresponsável, que certamente contraria a ética profissional, por induzir as pessoas a eventuais erros de interpretação e comportamento em relação ao documento da governadora e à pandemia.

O “decreto” do Dr. Domício pode até ter alimentado risos em algumas mesas oposicionistas no café da manhã de hoje, mas não tem graça nenhuma para quem pode ser vítima do coronavírus e espera orientações corretas da parte de quem produz e tem acesso à informação.

De um profissional da saúde se esperaria atitude construtiva nos tempos que vivemos. Mas existe outro tipo de vírus, que contagia de forma odiosa e permanente pessoas que reduzem tudo à velha disputa política rasteira, desqualificada, irresponsável.

Contra essa infecção, só há um remédio, que o médico Domício certamente prescreveria ao redator Domício: responsabilidade no uso das palavras, que, em mãos e bocas levianas e sem compromisso com a verdade, podem ser mais mortais que o coronavírus.

Ainda bem que o Dr. Domício não é mais secretário de Saúde do RN.

Imagine aí se ele estivesse no cargo e encarasse um problema de saúde pública dessa magnitude como o redator Domício encarou.

Fernando Mineiro

Casal João Maia/Shirley recebe glamourosamente e Protasios ficaram fora

Casal Júlio e a competente vereadora Ana Paula ficaram de fora da foto.

O casal deputado federal João Maia e prefeita Shirley receberam em alto estilo os casais VIPs do PL.  Presentes os casais do alto clero George Soares e Daniele, Kleber Rodrigues e Raquel, e Ubaldo e Ivanilda.
Pelo visto o casal Protásio não foi convidado ficando no baixo clero, fora da glamorosa e íntima recepção.

Pastor farsante vai pregar sua palavra na Polícia Federal

Imagem: Reprodução/Internet

O suposto pastor foi intimado a prestar depoimento na Polícia Federal, em Natal, após uma confusão no trânsito. Ele deve prestar esclarecimentos na sede da PF na capital potiguar nesta quinta (12). Um inquérito foi instaurado e Diego será investigado por usurpação da função pública.

Vídeos que circulam nas redes sociaismostram Diego Araújo discutindo com um casal ao se identificar como policial federal. De acordo com a própria PF, Diego não faz parte da instituição. Ele se identifica como pastor nas redes sociais próprias, que sumiram após os vídeos da discussão se espalharem pela Internet.

As gravações mostram Diego discutindo com um homem e uma mulher após supostamente ter trancado o carro do casal em uma manobra no trânsito. “Abordou a gente, ultrapassou a gente, agrediu meu marido usando da carteira de policial”, relatou a mulher.

A discussão começou quando Diego afirmou ser policial federal da corregedoria trabalhando à paisana. “Vocês só saem daqui quando a viatura chegar. Estou em serviço”, disse ao casal, que estava com a filha pequena dentro do carro. Em certo momento do vídeo, é possível ouvir o choro da menina. Durante a briga, Diego exigiu a documentação do veículo do casal e tirou fotos da placa do carro, reforçando a autoridade de policial federal.

Segundo a PF, o episódio registrado nos vídeos aconteceu no último sábado (7) no cruzamento da avenida Alexandrino de Alencar com a rua Jaguarari. A família prestou queixa na sede da PF nesta quarta-feira (11).

Com informações do AGORA RN

Namorada do goleiro Jean é condenada a 116 anos de prisão

Shay Victorio, nova parceira do atleta do Atlético Goianiense, foi processada por estelionato em compras feitas na web e não entregues

LANCE!

Nova namorada do goleiro Jean, do Atlético Goianiense, Shay Victorio foi sentenciada a 116 anos de prisão por estelionato, além de pagar uma multa. A influencer ainda poderá recorrer da decisão.
Embora a condenação aponte 116 anos em regime fechado, a namorada do goleiro do Dragão ainda pode recorrer em liberdade. As investigações apontam que a empresa varejista online que Shayene Victorio era sócia, junto do ex-marido e o seu pai, foi acionada na Justiça por encomendas nunca entregues.

“Agradeço a preocupação. Não estou presa e não vou ser presa, muito menos foragida cmo etsão espalhando. Se trata de um processo de um problema em que meu ex-marido teve e me prejudicou. Assim que nos separamos, ele se responsabilizou 100%”, escreveu ela nas redes sociais, via Instagram.

O sigilo bancário da influenciadora foi quebrado pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) para provar as acusações.

“Importante acrescentar que restou comprovado que a ré Shayene tinha conhecimento das ilicitudes ocorridas na empresa de sua propriedade, pois, no e-mail trocado entre ela e o advogado Y., tal acusada demonstra claramente sua preocupação em relação ao fato de a empresa estar sem endereço físico, comprovando que tinha ciência acerca da ausência de estoque de mercadorias disponíveis para venda aos consumidores. Some-se a isto o fato de que a vítima X. afirmou que, após não receber a mercadoria adquirida por meio do site “Megazine.net”, entrou em contato com a empresa, via telefone, oportunidade em que foi atendida por uma pessoa de nome Shayene, a qual que informou que o caminhão que o caminhão que estava efetuando a entrega dos bens havia tombado e danificado todos os produtos, razão pela qual necessitavam de um novo prazo de sessenta dias para realizar a entrega dos produtos, no entanto, nunca recebeu a mercadoria”, apontou a juíza do caso na sentença.

Vale lembrar que a legislação brasileira não possibilita que determinações de prisão altas como neste caso sejam cumpridas. Uma pessoa pode ficar, no máximo, 30 anos presa por um crime no país.

Golpe Whatsapp: no Agora a vítima é o deputado Rafael Motta

O deputado federal Rafael Motta (PSB/RN) alerta que seu nome está sendo utilizado para aplicação de golpes via Whatsapp.

Ação consiste inicialmente em uma ligação telefônica, na qual o interlocutor usa como pretexto o convite para um evento no próximo sábado (7). Na sequência é enviado um código via SMS.

Ao informar este código, a vítima permite a instalação remota de uma nova conta do app de mensagem instantânea, ou seja, permitindo a clonagem do Whatsapp da vítima.

Além de não informar o código, os especialistas recomendam que seja ativada a verificação em duas etapas em seus aparelhos, o que pode evitar a ação criminosa. Para isso, acesse (Android)/ Ajustes (IOS) > Conta > Confirmação em duas etapas > Ativar.

Gleisi Hoffmann está namorando com ex-senador Lindbergh Farias


presidente do PT, Gleisi Hoffmann, e o ex-senador Lindbergh Farias (PT-RJ) estão namorando.

No fim de semana, os dois estavam com familiares e amigos em um hotel no Rio de Janeiro quando foram hostilizados por um grupo de hóspedes. Os dois reagiram. Gleisi denunciou as agressões nas redes sociais.

As cenas sofreram repúdio de internautas —a senadora estava com uma de suas filhas, que chegou a se interpor entre a mãe e um dos agressores para defendê-la.

MÔNICA BERGAMO

Mega-Sena pode pagar R$ 200 milhões

O  concurdo 2.237 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 200 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio acontece nesta quinta-feira (27) no Terminal Rodoviário Tietê, em São Paulo. A aposta mínima custa R$ 4,50.

O prêmio é o terceiro maior da história da Mega-Sena em concursos regulares (excluída a Mega da Virada, cujos sorteios são no dia 31 de dezembro).

O valor do prêmio pode garantir um rendimento de quase R$ 518 mil por mês, caso o apostador escolha investir na poupança da Caixa. Se preferir aplicar o dinheiro em bens, o ganhador poderá comprar 40 coberturas de luxo, de 500 metros quadrados, em Copacabana, no Rio, segundo a Caixa.

“Venha me bater aqui em cima, seu bunda mole!”, diz deputado em cima do trio elétrico a policial


Em cima de um trio elétrico em Salvador, o cantor e deputado federal Igor Kannário (DEM-BA) ficou inconformado quando policiais desfizeram uma algazarra dos foliões.

“Isso é abuso de poder, abuso de autoridade! Eu quero uma vaia para a Polícia Militar da Bahia. Agressores! Agressores! Venha me bater aqui em cima, seu bunda mole!”, provocou.

Em nota, a Polícia Militar afirmou que, em “atitude irresponsável e criminosa”, o parlamentar incitou os foliões contra os policiais.

Também em nota, Kannário afirmou ter observado um tratamento agressivo dos PMs e que apenas “solicitou uma abordagem adequada dos profissionais”.

O governador Rui Costa (PT) anunciou que vai processar o deputado.

O Antagonista

Privilegiados da Prefeitura de Parnamirim usam carro oficial para transportar cerveja Heineken

A mordomia dos bacanas da Prefeitura de Parnamirim está ostensiva.
Automóveis oficiais estão transportando os foliões comissionados para baladas de Momo e até cervejas.
O prefeito Taveira que sempre alardeia que seus opositores romperam com ele por terem negados privilégios e irregularidades, o quê ele diz desta mordomia privilegiada e ilegal dos seus amigos?
A ostentação dos primeiros-meninos está tão grande que faz lembrar o famoso Richardson do IPEM lavando os pés com Whisky 18 anos.

A cerveja transportada não é fuleira, é  Heineken, ou seja, para bacanas.

 

Carnaval de Recife/Olinda já tem mais de 20 casos de pessoas furadas com agulhas


Em sete dias, 23 pessoas teriam sido furadas por agulhas em festas de carnaval no Recife e Olinda, a informação foi passada pela  Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), por meio do Centro de Informações Estratégicas de Vigilância à Saúde.

Dos 23 casos, 15 são do sexo feminino e 8 masculino. A Polícia Civil de Pernambuco (PCPE) instaurou inquérito e está apurando os fatos.

Deste total, 21 deram entrada no Hospital Correia Picanço, sendo no último sábado (22), 12 pessoas relatando a mesma ocorrência. Os pacientes foram admitidos na unidade, referência estadual em doenças infecto-contagiosas, e, após triagem, 20 realizaram a profilaxia pós-exposição (PeP) para prevenir a infecção pelo HIV e outras infecções.

Fabricantes de destilado e bebidas mistas investem mais neste Carnaval

Askov, Catuaba, Skol Beats, cervejas e gim em lata: fabricantes de bebidas se movimentam com novos produtos e ações de marketing para emplacar no Carnaval

São Paulo — Neste Carnaval, cinco a cada dez pessoas pretendem consumir bebidas alcoólicas. Dessas, 92% pretendem consumir cerveja, mas 45% desejam também misturar esse consumo com outros produtos como destilados e bebidas mistas, segundo dados da Nielsen.

É de olho nesta massa de consumidores que as empresas de bebidas veem no Carnaval uma de suas datas mais importantes no ano. Para 2020, as maiores cervejarias e fabricantes de bebidas no Brasil se movimentaram para trazer lançamentos e ações específicos para a data.

Além de patrocinar blocos e camarotes com as suas marcas de cerveja, a fabricante de bebidas Ambev, maior cervejaria do Brasil, vem apostando nas bebidas mistas, especialmente com os lançamentos mais recentes de Skol Beats. Uma das bebidas é a Skol Beats 150 BPM. Outra é a gim tônica Skol Beats GT, com a Ambev tentando surfar a onda do aumento do consumo de gim no Brasil.

As bebidas campeãs de vendas

Segundo a pesquisa da Nielsen, as cervejas ainda são as preferidas do público no Carnaval. Dos que pretendem beber nas festanças, 92% disse que vai consumir cerveja e pouco mais da metade (55%) deve consumir apenas essa bebida.

Na outra metade, 24% dos entrevistados pretende consumir destilados. Enquanto isso, 20% planeja beber vinhos e 19% aposta nas bebidas do tipo “ready to drink” (pronto para beber, em inglês), como Skol Beats, produtos do tipo ice e Catuaba. O mesmo entrevistado poderia escolher mais de uma opção, e o mais comum, segundo a Nielsen, é que o consumidor opte por beber cerveja e mais algum drink.

Apesar da preferência por cerveja, ao longo do ano, as bebidas mistas têm juntas um maior volume de vendas. São comercializados no ano mais de 12 bilhões de litros de cerveja, segundo dados da consultoria Euromonitor em 2018 (último ano com pesquisa completa). Já as bebidas mistas venderam 131 bilhões de litros. As duas categorias representam no Brasil um mercado superior a 150 bilhão de reais em vendas.

Em cerveja, a mais vendida no Brasil é a Skol (com 27% do mercado em volume), seguida por Brahma (17%) e Antarctica (11%), todas da Ambev, ainda segundo a Euromonitor. Na sequência vêm Itaipava, da Cervejaria Petrópolis, e Nova Schin e Heineken, do grupo holandês de mesmo nome.

Em bebidas prontas para beber, os produtos da Skol, como a Skol Beats, também foram os campeões, com 36% do mercado em volume em 2018. A Catuaba, da Arbor Brasil, vem logo atrás com quase 30% de participação. Em seguida estão Smirnoff Ice, da Diageo, e a 51 Ice, da Companhia Müller de Bebidas.

Já na categoria vodcas, a Smirnoff é líder absoluta em volume, com 26% do mercado, seguida por Orloff, da Pernod Ricard, com 13%. A Absolut, também da Pernod, vem em terceiro com 8% do volume vendido no ano em 2018. Na sequência stão Natasha (5%), da Bacardi, Balalaika (4%), da Indústria de Bebidas Pirassununga, Askov, da Fukuhara (3%), Skyy, da Campari (2%) e Bacardi (2%).

A Askov, embora uma figurinha carimbada no Carnaval de rua, teve receita de cerca de 168 milhões de reais em vendas em 2019, abaixo das marcas mais caras. A Smirnoff movimentou 1,9 bilhão de reais e a Absolut, 1,3 bilhão. O mercado de vodca movimentou 8,4 bilhões de reais em 2018.

Embora seja somente a terceira em volume, a Absolut consegue ser a segunda no ranking de faturamento, abocanhando 16% das receitas do mercado de vodca no Brasil, ante 23% da líder Smirnoff. Vendida a partir dos 70 ou 80 reais, a garrafa de Absolut é mais cara que concorrentes como a Smirnoff, que pode ser encontrada por menos de 30 reais, e a Orloff, que custa menos de 20 reais.

As empresas não divulgam seus dados específicos de vendas no Carnaval. Algumas das bebidas líderes em vendas ao longo do ano, mais caras, podem ser descartadas na hora da folia para dar lugar a concorrentes mais em conta. Seja qual for a escolhida, as marcas estarão atentas para capturar o máximo de consumidores possível.

 

Quatro ex-deputados federais acertam bolão e dividem a quina da Mega-Sena

Prêmio de R$ 312 mil foi dividido entre oito participantes; tirando os impostos, cada um ficou com R$ 28 mil

Brasília — Quatro ex-deputados federais e um ex-prefeito acertaram cinco números do concurso 2.235 da Mega-Sena, na quarta-feira, e ganharam R$ 312 mil. Eles vão dividir o prêmio entre os oito apostadores do bolão e, tirando os impostos, cada um ficará com R$ 28 mil. Ninguém acertou os seis números do sorteio e o prêmio de R$ 170 milhões acumulou.

As dezenas sorteadas na última quarta-feira foram 14, 18, 30, 35, 55 e 57. No bolão, os ex-parlamentares marcaram o número 52 e a dezena sorteada foi 55. Os sortudos farão nova aposta para o sorteio de sábado, que poderá pagar R$ 190 milhões ao vencedor.

Em setembro do ano passado, um bolão de funcionários da liderança do PT na Câmara dos Deputados ganhou R$ 120 milhões do concurso 2.189 da Mega-Sena. Cada um recebeu R$ 2,4 milhões. Segundo a Caixa, a aposta ganhadora – que não tem o número 13 por partido – era um bolão com 49 cotas. As dezenas sorteadas foram: 04 – 11 -16 – 22 – 29 – 33.

Roubando até na comida dos presos: Auditoria descobre dívida “superfaturada” em R$ 6,4 milhões no RN

A governadora Fátima Bezerra determinou imediata e enérgicas providências para esclarecer e ajustar dentro dos princípios da moralidade o contrato.

A auditoria realizada para averiguar contratos de fornecimento de refeições às unidades prisionais do Rio Grande do Norte atestou uma diferença de R$ 6,4 milhões entre o valor do débito reclamado pela empresa contratada e a real dívida do Estado potiguar. O resultado desse trabalho foi apresentado pela Controladoria Geral do Estado (Control) na manhã desta quinta-feira (20).

Os contratos foram firmados entre a Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Seap) e a empresa PJ Refeições Coletivas Limitada – EPP. A auditoria foi promovida a partir de requerimento da Seap em fevereiro de 2019, quando da cobrança pela contratada de débitos relativo a fornecimentos realizados, mas não pagos, em anos anteriores pelo Governo do RN.