Pedido ‘sanhento’ de procuradores da República

Advogados estão considerando o pedido de prisão contra o ex-presidente da Câmara Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) assinado pelos procuradores da República Rodrigo Teles e Fernando Rocha como patético, ridículo e sanhento..

Para os advogados, os procuradores estão querendo ser notícia nacional, o pedido é mal fundamentado e incabível nos termos que foi protocolado.

Os  procuradores mencionam tratativas entre a filha, a mulher e o tio do peemedebista, senador Garibaldi Alves (PMDB), com o ex-presidente José Sarney (PMDB), pela suposta interferência no Judiciário em favor de Henrique Alves.

Nada pode impedir que a filha de Henrique e seu primo, senador Garibaldi Alves ou sua mulher, Laurita Arruda, procurem conversar com pessoas experientes para encontrar uma saída para libertar Henrique..

O novo pedido de prisão está sendo visto como abusivo e um reconhecimento dos procuradores da República que os ministros do STJ e STF são vulneráveis aos apelos de políticos..

Comentários