Joaquim Barbosa diz que anulação do impeachment dificilmente não passará pelo STF

Do UOL, em São PauloO ex-ministro do STF Joaquim Barbosa

O ex-ministro do Superior Tribunal Federal Joaquim Barbosa se manifestou no Twitter, na tarde desta segunda-feira (9), a respeito da decisão do presidente interino da Câmara dos Deputados, Waldir Maranhão, que anulou o processo de impeachment de Dilma Rousseff no Senado. Para Barbosa, a decisão de Maranhão deverá passar pelo “crivo” da corte.

“Dificilmente a inesperada decisão de Waldir Maranhão escapará ao crivo do STF, qualquer que venha a ser o seu desfecho. Por que? Porque ela aponta ‘vícios jurídicos’ no rito do processo de impeachment. Ou seja, matéria da alçada do tribunal”, disse, em sequência de postagens.

Logo antes, o presidente do STF durante o julgamento do Mensalão disse ter medo da imagem que a disputa política pode estar formando sobre o Brasil no cenário internacional.

“Sabem o que mundo inteiro deve estar pensando sobre nós, brasileiros? ‘A laughing stock (uma chacota, em português)’, muitos devem estar achando…”.

Joaquim Barbosa

Dificilmente a inesperada decisão de Waldir Maranhão escapará ao crivo do STF, qualquer que venha a ser o seu desfecho. Por que? 
Joaquim Barbosa

 Porque ela aponta “vícios jurídicos” no rito do processo de impeachment. Ou seja, matéria da alçada do tribunal.

Facebook Comments