Dilma é intimada a depor em ação do sítio de Atibaia atribuído a Lula

Congresso em Foco

A ex-presidente Dilma Rousseff (PT) foi intimada para depor no processo em que o ex-presidente Lula é acusado de corrupção passiva e lavagem de dinheiro por obras feitas no sítio de Atibaia, em São Paulo. De acordo com a denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal (MPF) e aceita pelo juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal em Curitiba, o ex-presidente teria sido beneficiado em R$ 1,2 milhão pelas construtoras Odebrecht, OAS e pelo pecuarista José Carlos Bumlai.

Dilma recebeu a intimação nesta segunda-feira (30), conforme informações do jornal O Globo. O depoimento da petista está marcado para 25 de junho, às 14h, e será realizado por videoconferência. Além de Dilma, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso também foi incluído no processo como testemunhas de defesa de Lula.

Facebook Comments
Facebook