Tribunal da injustiça, suspeição, lentidão e regalias

Resultado de imagem para tribunal de Justiça do RNPara muitos potiguares, o famoso caso dos precatórios que afastou e aposentou dois desembargadores poderia servir de exemplo e freio para algumas coisas que acontece na Justiça do RN.

Mas, pelas informações que estão circulando na rodas de Natal e que estão chegando ao conhecimento do Blog do Primo, parece que tem magistrados que tem certeza de suas blindagens e coragem de mamar em onça.

Segundo informações uma espada quente vai furar o escudo de alguns magistrados, a espada vem na apuração da Operação Dama de Espadas e o sinal será fechado para o trafego de muitos magistrados..

Muitas vezes, os que pensam que são intocáveis subestimam o resto dos mortais..

Com uma justiça lenta, injusta, suspeita e cara, fazendo vítimas pessoas que são injustiçadas ou perseguidas, alguns magistrados cometem o erro da soberba..

Cada dia que passa, pior fica a imagem do Poder Judiciário do RN, apesar do Judiciário potiguar ter magistrados sérios, honestos, justos e competentes..

Hoje circulou nos grupos de whatsaap uma relação de magistrados que receberam auxílio-moradia em quantias vultosas enquanto os servidores do Estado estão recebendo seus salários atrasados..

A grande imprensa cala com medo, o Blog do Primo não vai calar, mesmo sendo perseguido por alguns magistrados que depois vou revelar todos os fatos, as informações que estão chegando estão sendo checadas e sem medo o Blog do Primo vai publicar.

Por enquanto publicamos apenas a relação dos pagamentos dos auxílios-moradias aos sortudos magistrados do RN que diferentemente dos demais servidores terão um natal feliz e um ano novo com muita prosperidade, mas alguns membros do judiciário poderão ter um 2018 complicado.

Não tenho medo de retaliações.. uma Justiça que três juízes e seis desembargadores alegam suspeição para não me darem o direito da guarda compartilhada num período de 7 anos procrastinando o processo e contrariando perícias e laudos psicológicos por peritos nomeados pela própria justiça,  não merece meus respeito nem minha admiração, Queria eu, voltar a confiar e respeitar a justiça do RN, mas infelizmente está difícil..

Confira quem e quanto receberam o auxílio-moradia enquanto os demais servidores não estão recebendo sequer seus salários em dia, o pior é o fato dos auxílios-moradias serem pagos aos magistrados e eles não residirem nas suas comarcas, tem caso de juízes casados que moram na mesma casa e ambos recebem o pagamento.

Confira a relação e os respectivos valores dos pagamentos:

Aderson Silvino de Souza Desembargador Aposentados – Natal 152.370,78
Amaury de Souza M Sobrinho Desembargador TJ –  152.370,78
Amilcar Maia Desembargador TJ – 152.370,78
Armando da Costa Ferreira Desembargador Aposentados – Natal 32.505,87
Caio Otavio Regalado de Alencar Desembargador Aposentados – Natal 88.946,79
Claudio Manoel de Amorim Santos Desembargador TJ – Gab. Des. Cláudio Santos 152.370,78
Cornelio Alves de Azevedo Neto Desembargador TJ – Gab. Des. Cornélio Alves 139.923,42
Cristovam Praxedes Desembargador Aposentados – Natal 16.927,34
Dilermando Mota Pereira Desembargador TJ – Gab. Des. Dilermando Mota 151.416,86
Expedito Ferreira de Souza Desembargador TJ – Gab. Des. Expedito Ferreira 152.370,78
Francisco Saraiva Dantas Sobrinho Desembargador TJ – Gab. Des. Saraiva Sobrinho 152.370,78
Gilson Barbosa de Albuquerque Desembargador TJ- Gab Des. Gilson barbosa 141.155,60
Glauber Antonio Nunes Rego Desembargador TJ – Gab. Des. Glauber Rego 29.981,77
Ibanez Monteiro da Silva Desembargador TJ – Gab. Des. Ibanez Monteiro 141.823,05
Joao Batista Rodrigues Reboucas Desembargador TJ – Gab. Des. João Rebouças 152.370,78
Judite de Miranda Monte Nunes Desembargador TJ – Gab. Desª. Judite Nunes 152.370,78
Maria Celia Alves Smith Desembargador Aposentados – Natal 7.154,85
Maria Zeneide Bezerra Desembargador TJ – Gab. Desª. Maria Zeneide 148.602,49
Osvaldo Soares da Cruz Desembargador Aposentados – Natal 125.057,99
Rafael Godeiro Sobrinho Desembargador Aposentados – Natal 109.292,00
Virgilio Fernandes de Macedo Junior Desembargador TJ – Gab. Des. Virgílio Fernandes 150.158,34
Vivaldo Otavio Pinheiro Desembargador TJ – Gab. Des. Vivaldo Pinheiro 152.370,78
Ada Maria da Cunha Galvao Juiz Dir.3ª Entrância 4ª Vara Criminal – Natal 139.923,42
Adriana Santiago Bezerra Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – 2ª Vara de Família 138.625,12
Agenor Fernandes da Rocha Filho Juiz Dir.3ª Entrância Juizado Especial Criminal 139.923,42
Airton Pinheiro Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 138.625,12
Alba Paulo de Azevedo Juiz Dir.3ª Entrância 2ª V. Exec. Fis. Est. Trib. Natal 127.856,54
Alceu Jose Cicco Juiz Dir.3ª Entrância 8ª Vara Criminal – Natal 139.923,42
Aline Daniele Belém Cordeiro Lucas Juiz Dir.3ª Entrância Com – Açu – 1ª Vara Cível 129.070,40
Amanda Grace D O Freitas Costa Dias Juiz Dir.3ª Entrância 7ª Vara Cível – Natal 139.923,42
Ana Carolina Maranhao de Melo Juiz Dir.3ª Entrância 7ª Vara Criminal – Natal 136.299,15
Ana Christina de Araujo Lucena Maia Juiz Dir.3ª Entrância Juiz. Esp. Cív. Central – 1º 139.923,42
Ana Clarisse Arruda Pereira Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – 4ª Vara de Família 139.923,42
Ana Claudia Braga de Oliveira Juiz Dir.2ª Entrância Com – Parnamirim – Juiz. Esp. Criminal 125.643,69
Ana Claudia Florencio Waick Juiz Dir.3ª Entrância Juiz. Esp. Cív. Central – 10º 139.923,42
Ana Claudia Secundo da Luz e Lemos Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – 2ª Vara Criminal 139.923,42
Ana Karina de Carvalho Costa C. Silva Juiz Dir.2ª Entrância Com – S. G.do Amarante – 2ª V. Cível 125.643,69
Ana Nery Lins de Oliveira Cruz Juiz Dir.3ª Entrância 7ª Vara de Família – Natal 139.923,42
Ana Orgette de Souza Fernandes Vieira Juiz Dir.3ª Entrância Com – Pau dos Ferros – 1ª V. Cível 133.034,68
Andre Luis de Medeiros Pereira Juiz Dir.3ª Entrância 16ª Vara Cível – Natal 139.923,42
Andre Melo Gomes Pereira Juiz Dir.3ª Entrância Com – Caico – 1ª Vara Civel 137.932,24
Andrea Cabral Antas Câmara Juiz Dir.3ª Entrância Com – Macau – JECC 138.625,12
Andrea Regia Leite Hol Mace Heronilde Juiz Dir.3ª Entrância 20ª Vara Cível – Natal 139.923,42
Andreo Aleksandro Nobre Marques Juiz Dir.3ª Entrância 5º Juizado Especial da Faz Publica 139.923,42
Anna Christina Montenegro Medeiros Santos Juiz Dir.3ª Entrância Juiz. Esp. Cív. Central – 8º 139.923,40
Anna Isabel de Moura Cruz Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – V. Inf. Juventude 133.034,68
Arklenya Xeilha Souza da Silva Pereira Juiz Dir.3ª Entrância 8ª Vara Cível – Natal 127.856,54
Artur Cortez Bonifacio Juiz Dir.3ª Entrância 2ª Vara Fazenda Pública – Natal 139.923,42
Azevedo Hamilton Cartaxo Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 138.625,12
Berenice Capuxu de Araujo Roque Juiz Dir.3ª Entrância 3ª Vara de Família – Natal 139.923,42
Breno Valerio Fausto de Medeiros Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – 3ª Vara de Família 139.923,42
Bruno Lacerda Bezerra Fernandes Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 139.923,42
Carla Virginia Portela da Silva Araújo Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – 5ª Vara Cível 139.923,42
Carlos Adel Teixeira de Souza Juiz Dir.3ª Entrância Aposentados – Natal 139.923,42
Carmen Veronica Calafange Juiz Dir.3ª Entrância 5ª Vara de Família – Natal 139.923,42
Cicero Martins de Macedo Filho Juiz Dir.3ª Entrância 4ª Vara da Fazenda Pública – Natal 139.923,42
Cinthia Cibele Diniz de Medeiros Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – Vara Execuções Pe 95.783,03
Claudio Mendes Junior Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – 3ª Vara Criminal 138.625,12
Cleanto Alves Pantaleao Filho Juiz Dir.3ª Entrância 9ª Vara Criminal – Natal 139.923,42
Cleanto Fortunato da Silva Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 139.923,42
Cleofas Coelho de Araujo Junior Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 138.625,12
Cleudson de Araujo Vale Juiz Dir.3ª Entrância Com – Ceará Mirim – 2ª Vara Cível 134.236,60
Cristiany Maria de Vasconcelos Batista Juiz Dir.3ª Entrância Com – Macaiba – 1ª V. Cível 133.034,68
Daniela do Nascimento Cosmo Juiz Dir.2ª Entrância Com – Canguaretama 93.923,19
Daniela Rosado do Amaral Duarte Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – 6ª Vara Cível 139.923,42
Daniella Paraiso Guedes Pereira Juiz Dir.3ª Entrância 3ª Vara Cível – Natal 127.856,54
Daniella Simonetti Meira Pires de Araujo Juiz Dir.2ª Entrância Com – Parnamirim – 2ª Vara de Família 127.856,54
Deise Holder da Silva Martins Juiz Dir.3ª Entrância Aposentados – Natal 19.911,84
Denise Lea Sacramento Aquino Juiz Dir.2ª Entrância Com – S. G.do Amarante – V. Criminal 104.702,20
Deyvis de Oliveira Marques Juiz Dir.2ª Entrância Com – Parnamirim – Juiz.Viol.c/Mulher 83.507,14
Diego de Almeida Cabral Juiz Dir.3ª Entrância Com – Açu – 2ª Vara Cível 138.625,12
Divone Maria Pinheiro Juiz Dir.3ª Entrância 17ª Vara Cível – Natal 139.923,42
Ederson Solano Batista de Morais Juiz Dir.2ª Entrância Com – Angicos 105.727,90
Edino Jales de Almeida Junior Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – 1ª Vara Cível 138.625,12
Eduardo Bezerra de Medeiros Pinheiro Juiz Dir.3ª Entrância 11º Juiz. Esp. Civel – UNP 139.923,42
Eduardo Feld Juiz Dir.3ª Entrância Aposentados – Natal 96.741,37
Elane Palmeira de Souza Juiz Dir.3ª Entrância 19ª Vara Cível – Natal 139.923,40
Eliana Alves Marinho Juiz Dir.3ª Entrância 1ª Vara Criminal – Natal 139.923,42
Erika de Paiva Duarte Tinoco Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 138.625,12
Eustaquio Jose Freire de Farias Juiz Dir.3ª Entrância 1ª Vara de Precatórias – Natal 139.923,42
Eveline Guedes Lima Juiz Dir.3ª Entrância 1ª Vara de Família – Natal 139.923,42
Everton Amaral de Araujo Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 139.923,42
Fabio Antonio Correia Filgueira Juiz Dir.3ª Entrância 12ª Vara Cível – Natal 139.923,42
Fabio Wellington Ataide Alves Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 139.923,42
Fatima Maria Costa Soares de Lima Juiz Dir.3ª Entrância 9ª Vara de Família – Natal 139.923,42
Felipe Luiz Machado Barros Juiz Dir.2ª Entrância Com – Macaiba – Vara Criminal 122.497,91
Flavia Bezerra Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 138.625,12
Flavio Cesar Barbalho de Mello Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – 3ª Vara Cível 138.625,12
Flavio Ricardo Pires de Amorim Juiz Dir.2ª Entrância Com – Parnamirim – 2º Juiz. Esp. Cível 127.856,54
Francimar Dias Araujo da Silva Juiz Dir.3ª Entrância 1ª V. Exec. Fis. Est. Trib. Natal 139.923,42
Francisca Maria Tereza Maia Diogenes Juiz Dir.3ª Entrância 2ª V. Exec. Fis. Mun. Trib. Natal 139.923,42
Francisco de Assis B Queiroz e Silva Juiz Dir.3ª Entrância 11ª Vara Criminal – Natal 139.923,42
Francisco Gabriel Maia Neto Juiz Dir.3ª Entrância 12ª Vara Criminal – Natal 139.923,42
Francisco Seraphico da Nobrega Coutinho Juiz Dir.3ª Entrância 6ª Vara da Fazenda Pública – Natal 139.923,42
Franki Fernandes Coriolano Juiz Dir.3ª Entrância Aposentados – Natal 96.582,63
Gabriella Edvanda Marques Felix Juiz Dir.2ª Entrância Com – Lajes 123.549,54
Geomar Brito Medeiros Juiz Dir.3ª Entrância 2ª Vara Criminal – Natal 139.923,42
Geraldo Antonio da Mota Juiz Dir.3ª Entrância 3ª Vara da Fazenda Pública – Natal 139.923,42
Gisela Besch Juiz Dir.3ª Entrância Com- Mossoró- 1º Juizado Civel 138.625,12
Giselle Priscila Cortez Guedes Juiz Dir.2ª Entrância Com – Santa Cruz – JECCrim 125.643,69
Giulliana Silveira de Souza Lima Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – Juizado Esp. Cível 2º 134.086,31
Guilherme Melo Cortez Juiz Dir.3ª Entrância Juiz. Esp. Cív. Central – 2º 139.923,42
Guilherme Newton do Monte Pinto Juiz Dir.3ª Entrância 5ª Vara Criminal – Natal 139.923,42
Gustavo Eugenio de Carvalho Bezerra Juiz Dir.3ª Entrância 3º Juizado Especial Civel Central 139.923,42
Gustavo Henrique Silveira Silva Juiz Dir.3ª Entrância Com – João Câmara – V. Cível 133.034,68
Gustavo Marinho Nogueira Fernandes Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 139.923,44
Henrique Baltazar Vilar dos Santos Juiz Dir.3ª Entrância 12ª Vara Criminal – Natal 139.923,42
Homero Lechner de Albuquerque Juiz Dir.3ª Entrância 3ª Vara da Infância e Juventude – Natal 139.923,42
Ilna Rosado Motta Juiz Dir.2ª Entrância Com – Parnamirim – V. Inf. Juv. e Idoso 127.856,54
Ivanaldo Bezerra Ferreira dos Santos Juiz Dir.3ª Entrância 6ª Vara Criminal – Natal 139.923,42
Jarbas Antonio da Silva Bezerra Juiz Dir.3ª Entrância 11ª Vara Criminal – Natal 139.923,42
Jesse de Andrade Alexandria Juiz Dir.3ª Entrância Juiz. Esp. Cível Z. Norte – 1º 139.923,42
Joao Afonso Morais Pordeus Juiz Dir.3ª Entrância 2º Juiz. Esp. Faz. Publica Natal 139.923,42
Joao Andre de Brito Chaves Juiz Dir.3ª Entrância Aposentados – Natal 47.855,50
Joao Eduardo Ribeiro de Oliveira Juiz Dir.3ª Entrância 4º Juizado Especial da Faz Publica 139.923,42
Jorge Carlos Meira Silva Juiz Dir.3ª Entrância 4ª Vara de Família – Natal 139.923,42
Josane Peixoto Noronha Juiz Dir.2ª Entrância Com – S. G.do Amarante – JECC 123.928,00
Jose Armando Ponte Dias Junior Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 139.923,42
Jose Conrado Filho Juiz Dir.3ª Entrância 1ª Vara Cível – Natal 139.923,42
Jose Dantas de Paiva Juiz Dir.3ª Entrância 1ª Vara da Infância e Juventude – Natal 139.923,42
Jose Herval Sampaio Junior Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – 2ª Vara Cível 139.923,42
Jose Maria Nascimento Juiz Dir.3ª Entrância 13º Juizado Especial Civel central 139.923,42
Jose Ricardo Dahbar Arbex Juiz Dir.1ª Entrância Com – Poço Branco 113.268,41
Jose Undario Andrade Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 139.923,42
Jose Vieira de Figueiredo Júnior Juiz Dir.3ª Entrância Com – Caico – JECC 139.708,75
Juliana de Oliveira Cartaxo Fernandes Juiz Dir.2ª Entrância Com – Parnamirim – 3ª V. Cível 72.322,35
Jussier Barbalho Campos Juiz Dir.3ª Entrância Juiz. Esp. Cível Z. Norte – 3º 139.923,42
Karyne Chagas de Mendonca Brandao Juiz Dir.3ª Entrância 11ª Vara Civel – Natal 136.299,16
Katia Cristina Guedes Dias Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – 2ª Vara Faz Pública 124.592,06
Keity Mara Ferreira de Souza e Saboya Juiz Dir.3ª Entrância 3ª V. Exec. Fis. Mun. Trib. Natal 139.923,42
Kennedi de Oliveira Braga Juiz Dir.3ª Entrância 9ª Vara Criminal – Natal 139.923,42
Klaus Cleber Morais de Mendonca Juiz Dir.3ª Entrância 3ª V. Exec. Fis. Est. Trib. Natal 139.923,42
Lamarck Araujo Teotonio Juiz Dir.3ª Entrância 5ª Vara Cível – Natal 135.137,88
Leila Nunes de Sá Pereira Juiz Dir.2ª Entrância Com – Parnamirim – 1º Juiz. Esp. Cível 121.665,61
Lilian Rejane da Silva Juiz Dir.2ª Entrância Com – Macaiba – JECC 127.856,54
Lina Flavia Cunha de Oliveira Juiz Dir.2ª Entrância Com – Parnamirim – 1ª V. Cível 88.961,05
Luciana Lima Teixeira Juiz Dir.3ª Entrância Juiz. Esp. Cív. Central – 7º 139.923,40
Luciano dos Santos Mendes Juiz Dir.2ª Entrância Com – Angicos 95.123,60
Luis Felipe Luck Marroquim Juiz Dir.3ª Entrância 21ª Vara Civel de Natal 130.155,80
Luiz Alberto Dantas Filho Juiz Dir.3ª Entrância 5ª Vara da Fazenda Pública – Natal 139.923,42
Luiz Antonio Tomaz do Nascimento Juiz Dir.3ª Entrância Com – Caico – 2ª Vara Civel 139.923,42
Luiz Candido de Andrade Villaça Juiz Dir.3ª Entrância Com – Caico – Vcrim 139.923,42
Luiza Cavalcante Passos Frye Peixoto Juiz Dir.2ª Entrância Com – Macaiba – 1ª V. Cível 127.856,54
Madson Ottoni de A Rodrigues Juiz Dir.3ª Entrância 9ª Vara Cível – Natal 139.923,42
Manoel Padre Neto Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – 4ª Vara Cível 139.923,40
Manuela de Alexandria Fernandes Barbosa Juiz Dir.2ª Entrância Com – Parnamirim – 2ª Vara Criminal 127.856,54
Marcelo Pinto Varela Juiz Dir.3ª Entrância 10ª Vara Cível – Natal 139.923,42
Marcio Silva Maia Juiz Dir.3ª Entrância Com – Nova Cruz – Vara Criminal 139.923,42
Marco Antonio Mendes Ribeiro Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 139.923,42
Marcos Jose Sampaio de Freitas Junior Juiz Dir.1ª Entrância Com – Taipu 113.268,41
Marcus Vinicius Pereira Júnior Juiz Dir.3ª Entrância Com – Currais Novos – Vara Cível 134.086,31
Maria Nadja Bezerra Cavalcanti Juiz Dir.3ª Entrância Com – Currais Novos – JECCrim 136.299,16
Maria Neize de Andrade Fernandes Juiz Dir.3ª Entrância 2ª Vara de Família – Natal 139.923,42
Maria Nivalda Neco Torquarto Juiz Dir.3ª Entrância Com – João Câmara – V. Criminal 139.923,42
Maria Socorro Pinto de Oliveira Juiz Dir.3ª Entrância 1º Juiz de Violência Dom 139.923,42
Maria Soledade de Araujo Fernandes Juiz Dir.3ª Entrância Aposentados – Natal 38.570,06
Marina Melo Martins Almeida Juiz Dir.2ª Entrância Com – Santo Antonio 18.934,12
Marivaldo Dantas de Araújo Juiz Dir.3ª Entrância Com – Açu – Vara Criminal 139.923,42
Marta Suzi Peixoto Paiva Linard Juiz Dir.2ª Entrância Com – Parnamirim – Vara Faz. Pública 107.621,40
Martha Danyelle Santanna Costa Barbosa Juiz Dir.3ª Entrância 15ª Vara Cível – Natal 139.923,42
Miriam Jacome de Carvalho Simoes Juiz Dir.2ª Entrância Com – Sao Jose de Mipibu 125.643,69
Mucio Nobre Juiz Dir.3ª Entrância Juizados Especiais-Unidade Trânsito 139.923,42
Niedja Fernandes dos Anjos e Silva Juiz Dir.3ª Entrância Com – Ceará Mirim – Vara Criminal 105.727,90
Nilson Roberto Cavalcanti Melo Juiz Dir.3ª Entrância 21ª Vara Civel de Natal 139.923,42
Odinei Wilson Draeger Juiz Dir.2ª Entrância Com – S. G.do Amarante – 1ª V. Cível 121.160,39
Osvaldo Candido de Lima Junior Juiz Dir.3ª Entrância Com – Pau dos Ferros – 2ª V. Cível 139.923,42
Otto Bismarck Nobre Brenkenfeld Juiz Dir.3ª Entrância 4ª Vara Cível – Natal 139.923,42
Patricia Gondim Moreira Pereira Juiz Dir.3ª Entrância 1º Vara Fazenda Pública – Natal 139.923,42
Patricio Jorge Lobo Vieira Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – 1ª Vara de Família 139.923,42
Paulo Giovani Militao de Alencar Juiz Dir.3ª Entrância Juiz. Esp. Cív. Central – 4º 139.923,42
Paulo Luciano Maia Marques Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – V. Juiz.Esp.Crim 139.923,42
Paulo Sergio da Silva Lima Juiz Dir.3ª Entrância 2ª Vara Cível – Natal 136.299,16
Pedro Cordeiro Junior Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – 1ª Vara da Faz. P 139.923,42
Pedro Rodrigues Caldas Neto Juiz Dir.3ª Entrância 18ª Vara Cível – Natal 139.923,42
Peterson Fernandes Braga Juiz Dir.3ª Entrância Com – Ceará Mirim – JECC 106.898,50
Raimundo Carlyle de Oliveira Costa Juiz Dir.3ª Entrância 3ª Vara Criminal – Natal 139.923,42
Renata Aguiar de Medeiros Pires Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 138.625,12
Renato Vasconcelos Magalhaes Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – Juiz.Viol.Dom 139.923,42
Reynaldo Odilo Martins Soares Juiz Dir.3ª Entrância 3º Juizado da Fazenda Pública 139.923,42
Ricardo Antonio Menezes C Fagundes Juiz Dir.3ª Entrância Com – Currais Novos – Vara Criminal 122.539,40
Ricardo Augusto de Medeiros Moura Juiz Dir.3ª Entrância 2ª V. Precatórias Natal 139.923,42
Ricardo Henrique de Farias Juiz Dir.3ª Entrância Com – Nova Cruz – Vara Cível 139.923,42
Ricardo Procopio Bandeira de Melo Juiz Dir.3ª Entrância 3ª Vara Criminal – Natal 139.923,42
Ricardo Tinoco de Goes Juiz Dir.3ª Entrância 6ª Vara Cível – Natal 139.923,42
Rivaldo Pereira Neto Juiz Dir.3ª Entrância Com – Pau dos Ferros – V. Criminal 127.725,39
Roberto Francisco Guedes Lima Juiz Dir.3ª Entrância 1ª Vara Sucessões – Natal 139.923,42
Rogerio Januario de Siqueira Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 138.625,12
Rosivaldo Toscano dos Santos Junior Juiz Dir.3ª Entrância 2ª Vara Criminal – Fórum Zona Norte 139.923,42
Rossana Alzir Diogenes Macedo Juiz Dir.3ª Entrância 13ª Vara Cível – Natal 139.923,42
Rossana Maria Andrade de Paiva Juiz Dir.3ª Entrância 2º Juiz de Violência Dom contra 139.923,42
Sabrina Smith Chaves Juiz Dir.3ª Entrância Juiz. Esp. Cív. Central – 9º 139.923,42
Sandra Simoes de Souza D Elali Juiz Dir.3ª Entrância 10ª Vara Criminal – Natal 139.923,42
Sergio Augusto de Souza Dantas Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 139.923,42
Sergio Roberto Nascimento Maia Juiz Dir.3ª Entrância 2ª Vara da Infância e Juventude – Natal 139.923,42
Severina Lena Ricardo da Rocha Juiz Dir.3ª Entrância 10ª Vara Criminal – Natal 139.923,42
Suely Maria Fernandes Silveira Juiz Dir.3ª Entrância 1ª V. Exec. Fis. Mun. Trib. Natal 139.923,42
Suiane de Castro Fonseca Medeiros Juiz Dir.2ª Entrância Com – Parnamirim – 1ª Vara de Família 127.856,54
Sulamita Bezerra Pacheco de Carvalho Juiz Dir.3ª Entrância 12º Juiz. Esp Civel Camara Cascudo 139.923,42
Suzana Paula de Araujo Dantas Correa Juiz Dir.3ª Entrância Com – Açu – JECCrim 139.923,42
Talita de Borba Maranhao e Silva Juiz Dir.3ª Entrância Aposentados – Natal 139.923,42
Tania de Lima Villaça Juiz Dir.1ª Entrância Com – Sao Joao do Sabugi 115.449,14
Tatiana Lobo Maia Juiz Dir.2ª Entrância Com – Parnamirim – 2ª V. Cível 125.643,69
Tatiana Socoloski Perazzo Paz de Melo Juiz Dir.3ª Entrância Com – Nova Cruz – JECCrim 139.923,42
Thereza Cristina Costa Rocha Gomes Juiz Dir.3ª Entrância 14ª Vara Cível – Natal 139.923,42
Ticiana Maria Delgado Nobre Juiz Dir.3ª Entrância Com – João Câmara – JECCrim 139.923,42
Uefla Fernanda Duarte Fernandes Juiz Dir.2ª Entrância Com – Areia Branca – JECCrim 121.368,82
Vagnos Kelly Figueiredo de Medeiros Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – 1ª Vara Criminal 133.034,68
Valdir Flavio Lobo Maia Juiz Dir.3ª Entrância 1º Juiz. Esp. Faz. Publica Natal 139.923,42
Valentina Maria Helena de Lima Damasceno Juiz Dir.3ª Entrância Juiz. Esp. Cível Z. Norte – 2º 139.923,42
Valeria Maria Lacerda Rocha Juiz Dir.3ª Entrância Juiz Auxiliar 139.923,42
Valter Antonio Silva Flor Junior Juiz Dir.2ª Entrância Com – Parnamirim – Juiz. Esp. Faz. 127.856,54
Vanessa Lysandra Fernandes Nogueira Juiz Dir.2ª Entrância Com – Sao Paulo do Potengi 124.592,06
Virginia de Fatima Marques Bezerra Juiz Dir.3ª Entrância 6ª Vara de Família – Natal 139.923,40
Virginia Rego Bezerra Juiz Dir.3ª Entrância 3º Juizado da Fazenda Pública 139.923,42
Viviane Xavier Ubarana Juiz Dir.2ª Entrância Com – Macaiba – 2ª V. Cível 127.856,54
Welma Maria Ferreira de Menezes Juiz Dir.3ª Entrância Com – Mossoró – Juiz. Esp. Cível 3º 134.086,31
Witemburgo Gonçalves de Araújo Juiz Dir.2ª Entrância Com – Acari 125.643,69

 

 

 

Comentários

Justiça libera aumento de 26% no salário dos vereadores de SP

Imagem relacionadaEstadão Conteúdo

O Tribunal de Justiça de São Paulo cassou uma liminar concedida há dez meses a pedido da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e liberou o reajuste de 26,3% nos salários dos vereadores da capital. Com a decisão, publicada nesta quinta-feira, 23, o subsídio mensal dos 55 parlamentares da cidade subirá de R$ 15.031,76 para R$ 18.991,68.

Além do reajuste, os vereadores têm direito à diferença mensal de R$ 3.959,92 mensais retroativamente desde o início deste ano. O valor líquido já foi pago em uma única parcela de cerca de R$ 28 mil na semana passada. O aumento foi aprovado por 30 votos a favor em dezembro de 2016 e valeria para a legislatura de 2017 a 2020, com correção anual pela inflação. A lei proíbe que os vereadores aumentem os próprios salários na mesma legislatura.

Comentários

Para tranquilidade de muitos brasileiros, Luciano Huck diz a amigos que não será candidato

Resultado de imagem para Luciano Huck

Folha de São Paulo

O apresentador Luciano Huck comunicou a familiares e a amigos próximos que não pretende ser candidato a presidente da República.

A informação foi publicada pelo jornalista Gilberto Dimenstein em sua página no Facebook.

A coluna confirmou o fato com dois interlocutores de Huck.

Enviou também uma mensagem por WhatsApp ao apresentador. Ele está em uma gravação e não pôde responder.

Huck tem oscilado nos últimos dias entre se lançar ou não candidato. Por um lado, ele tem um grande desejo de participar da vida política do país. Por outro, tem muito a perder: um programa de televisão na TV Globo e contratos publicitários que são fruto da excelente imagem que tem com os consumidores.

A interlocutores, ele tem dito que se pronunciará definitivamente sobre o tema nos próximos dias.

Comentários

Conselho de Ética do PMDB decide expulsar Kátia Abreu do partido

Ruy Baron/Valor DF

Por Fabio Murakawa e Vandson Lima | Valor

BRASÍLIA  –  O PMDB comunicou nesta quinta-feira em nota a decisão de expulsar a senadora Kátia Abreu (TO) do partido. Kátia Abreu era alvo de um processo no conselho de ética da legenda iniciado há meses e concluído hoje, em reunião do colegiado.

Presidente nacional do partido, o senador Romero Jucá (RR) afirmou, também em um comunicado, que “a medida demonstra nova fase de posicionamento do partido”.

Kátia Abreu foi ministra da Agricultura durante o segundo mandato de Dilma Rousseff e permaneceu leal a ela até o último momento, votando inclusive contra o seu impeachment em 2016.

Com Michel Temer (PMDB) já empossado presidente, ela manteve postura de oposição ao seu colega de partido. Outros senadores com comportamento semelhante, no entanto, não têm tido a filiação ameaçada. Casos de Renan Calheiros (AL) e Roberto Requião (PR).

Segundo sua assessoria, a senadora ainda não havia sido notificado da decisão. Ela se encontra no Qatar, onde tem reuniões marcadas com investidores árabes, segundo a assessoria.

Comentários

Há muita lenda urbana em torno de foro privilegiado, diz Gilmar Mendes

Resultado de imagem para Gilmar mendesEstadão Conteúdo

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, disse nesta quinta-feira, 23, que há muita lenda urbana em torno do foro privilegiado, uma questão que para o ministro é “complexa” e deve ser analisada com “toda a serenidade”. Ao comentar as críticas de que os processos criminais têm lenta tramitação no STF, o ministro disse que os tribunais não “são fábricas de linguiça” que têm de operar com base em critérios de produtividade.

O plenário do STF deve retomar na sessão plenária desta quinta-feira o julgamento sobre a extensão do foro privilegiado, mas existe a possibilidade de a discussão ser novamente interrompida, desta vez por pedido de vista do ministro Dias Toffoli. Decano da Corte, o ministro Celso de Mello defende a conclusão da análise ainda nesta quinta-feira.

“Essa é uma questão muito complexa, tem uma série de implicações e deve ser pautada com toda a serenidade, como devem decidir os tribunais. Os tribunais não são fábricas de linguiça. Eles não têm de operar com critérios de produtividade, porque as suas decisões acabam por configurar desacertos, desconfortos e às vezes até tragédias”, comentou Gilmar Mendes, depois de participar de solenidade no TSE de inauguração de uma usina de energia fotovoltaica na sede do tribunal.

Gilmar reconheceu, no entanto, que a atual dimensão do foro privilegiado traz um “supertrabalho” para o STF. “Não se imaginava quando se aprovou o foro por prerrogativa de função, que nós teríamos alguma coisa como 400, 500 investigados e denunciados no Supremo Tribunal Federal, se considerarmos apenas os membros do Congresso Nacional. E claro que isso é uma conta bastante complicada de o Supremo digerir”, avaliou Gilmar Mendes.

Por outro lado, o ministro afirmou que o Brasil possui uma das justiças criminais mais ineficientes do mundo. “Só 8% dos homicídios são revelados, identificados no Brasil. Nós deixamos prescrever crime de júri, portanto homicídio e tentativa de homicídio dolosos. Isso tudo na primeira instância. Portanto, quando se faz a comparação, ‘ah, o foro por prerrogativa de função é ineficiente’, vamos olhar como que está funcionando a vara de homicídios aqui no Distrito Federal, em Planaltina de Goiás, lá em Cabrobó?”, questionou Gilmar.

“Nós temos que melhorar a Justiça como um todo, e sobretudo a Justiça Criminal. Então, há muita lenda urbana em torno desse tema que precisa ser considerada. E claro, o Congresso tem toda legitimidade de fazer essa avaliação”, concluiu o ministro.

Conforme informou na terça-feira o jornal O Estado de S. Paulo, o STF deverá formar maioria para restringir a extensão do foro privilegiado. A tendência do STF é a de que prevaleça o entendimento defendido pelo ministro Luís Roberto Barroso, de que os políticos só terão direito ao foro privilegiado se o crime do qual forem acusados tiver sido cometido no exercício do mandato e for relacionado ao cargo que ocupam.

Comentários

Homem flagra traição da esposa e vídeo viraliza na web

O que chamou a atenção dos internautas foi a indignação do marido. “Eu trabalho o dia inteiro para você fazer isso comigo?”, disse

Um vídeo que mostra um homem flagrando a esposa com outro está viralizando no Facebook desde o começo deste mês. As imagens caíram na internet, mas o que está chamando a atenção é a fala indignada do marido traído.

“Depois vem dizer que eu sou errado, eu trabalho, eu trabalho o dia inteiro para você fazer isso comigo?”, é possível ouvi-lo esbravejar. No momento do flagra, o amante chega a pedir desculpas. Depois, a mulher sai do carro para tentar amenizar a situação.

Nas redes sociais, o flagrante gerou uma série de comentários e compartilhamentos.

 

Comentários

Análise aponta ruído ‘consistente com o de uma explosão’ quando submarino argentino sumiu

A Marinha argentina confirmou nesta quinta-feira (23) que um ruído detectado na zona de buscas do submarino ARA San Juan é “consistente com o de uma explosão”, aumentando os indícios de que essa pode ter sido a causa do desaparecimento da embarcação, na quarta passada (15), com 44 tripulantes a bordo.

O áudio, registrado no próprio dia 15, horas depois da última comunicação do ARA San Juan com a Marinha, foi detectado pela Áustria e pelos Estados Unidos praticamente na mesma localização, segundo Enrique Balbi, porta-voz da Marinha. O ponto da explosão fica 60 quilômetros depois do local onde houve a última comunicação do ARA San Juan, a 430 km da costa argentina.

“Recebemos da Áustria um informe que confirma o que o governo norte-americano reportou ontem. É a informação de um registro de um evento anormal, singular, curto, violento e não nuclear que é consistente com uma explosão. O que é contundente é que recebemos, de duas fontes distintas, quase a mesma informação”, afirmou Balbi.

Segundo ele, no entanto, as buscas pelo ARA San Juan “continuam da mesma maneira, até que haja uma certeza” sobre o destino do submarino. São pelo menos 13 países, incluindo o Brasil, participando da operação.

Balbi também disse que a Marina não tem “qualquer evidência” que aponta para um ataque contra o submarino.

Em sua última comunicação, o ARA San Juan informou à Marinha uma avaria nas baterias.

Familiares se revoltam

Após o comunicado oficial de Balbi, familiares dos tripulantes se revoltaram com a falta de clareza da Marinha argentina em suas informações, principalmente sobre a possibilidade de os militares que estavam no submarino estarem mortos.

“Não disseram a palavra ‘mortos’, mas foi o que deu para entender”, disse Itatí Leguizón, mulher de Germán Suárez, um dos 44 tripulantes, à imprensa argentina. Exaltada, ela disse que “não houve nenhuma explicação” mais detalhada.

Comentários

Senadores Garibaldi Alves e José Agripino, se omitem em ajudar o RN e o governador Robinson Faria para eleger Carlos Eduardo Alves governador na ‘chapa lava jato’

Os senadores Garibaldi Alves e José Agripino querem que o mar pegue fogo para comerem peixe-frito elegendo Carlos Eduardo Alves que também atrasa os salários dos servidores da Prefeitura de Natal e faz uma administração medíocre. A política dos senadores é quanto pior melhor..

Robinson Faria penando sozinho em Brasília

O governador Robinson Faria tem penado em Brasília tentando convencer o presidente Temer em ajudar a recuperar financeiramente o RN, mas pelo visto, o governador não tem contado com o apoio dos senadores Garibaldi Alves e José Agripino.

Em diversas vezes que o governador tem tentado viabilizar meios para encontrar soluções os senadores Agripino e Garibaldi se omitem..

Há quem diga que os senadores Garibaldi Alves e José Agripino estão trabalhando para não liberar o empréstimo de R$ 400 milhões da Caixa Econômica Federal que possibilitaria regularizar o pagamento da folha de pessoal.

Analistas políticos dizem que os senadores querem o desgaste do governador Robinson Faria para eleger o prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves governador na já denominada “chapa lava jato”.

Enquanto isso, os servidores do Estado estão recebendo seus salários atrasados..

Ontem o governador foi mais uma vez sozinho  mendigar ajuda ao presidente Temer..

Comentários

Nova proposta da reforma da Previdência de Temer que tem o apoio de Garibaldi Alves e Walter Alves endurece regras para funcionalismo

Resultado de imagem para Temer e Walter Alves
Temer, Walter Alves e Garibaldi Alves com a vereadora de Caicó Ivonete Dantas

 LAÍS ALEGRETTI
GUSTAVO URIBE
FOLHA DE SÃO PAULO

O presidente Michel Temer e o relator da reforma da Previdência, deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA), apresentaram nesta quarta (22) o novo texto da proposta com uma exigência maior no tempo de contribuição de servidores do que dos trabalhadores da iniciativa privada.

O tempo de contribuição no setor público será mantido em 25 anos, como está na proposta original. O dos trabalhadores da iniciativa privada será de 15 anos, mesmo prazo exigido hoje.

O governo reconhece que os servidores têm mais estabilidade e, portanto, mais facilidade para acumular anos de contribuição previdenciária.

Apesar dessa diferença, a exigência de 40 anos de contribuição para receber o valor completo do benefício é igual para servidores e trabalhadores da iniciativa privada.

No regime geral, quem contribuir pelo período mínimo de 15 anos receberá 60% da média de contribuição. Para o regime dos servidores, o patamar começa, aos 25 anos, com 70% da média.

A nova proposta mantém a idade mínima de aposentadoria de 65 (homem) e 62 (mulher).

O próprio relator já disse, contudo, que “nada garante” que essa idade será mantida.

“Quem vai decidir e dar a palavra final é o plenário, que pode votar uma idade maior ou menor, ou até pode rejeitar a proposta em sua integralidade”, disse Arthur Maia.

Comentários

Moro é vaiado em congresso de procuradores municipais em Curitiba

Por Estadão Conteúdo

O juiz federal Sérgio Moro, da Operação Lava Jato, foi alvo de protesto durante congresso dos procuradores municipais, na terça-feira, 21, em Curitiba. Alguns procuradores vaiaram o magistrado em meio a aplausos de outros presentes.

Segundo informações do site Paraná Portal, quando o nome de Moro foi confirmado para o evento, 72 procuradores encaminharam nota ao presidente da entidade de classe, Carlos Mourão, para manifestar descontentamento.

O grupo de procuradores que organizou o protesto deixou o local quando Moro iniciou a palestra. Moro não demonstrou preocupação. A amigos, mais tarde, ele comentou que manifestantes o vaiaram e que tal conduta faz parte da democracia.

A procuradora municipal de Fortaleza Rosaura Brito Bastos, segundo o site, disse que Moro exerce uma magistratura acusatória, que desrespeita a defesa dos réus.

Após o evento, o juiz federal Sérgio Moro não se manifestou sobre as vaias no encontro dos procuradores municipais.

A reportagem do jornal O Estado de S. Paulo fez contato com a entidade dos procuradores municipais, não obteve um posicionamento e deixou espaço aberto para manifestação.

Comentários

Delator acusa Crivella de receber R$ 450 mil de propina em esquema com empresas de ônibus

Resultado de imagem para Crivella e José Agripino
Crivela com sua amiga Rosalba Ciarlini

Delator acusa Marcelo Crivella e diz que prefeito do Rio de Janeiro também recebeu propina. Uma pessoa ligada a um doleiro, que seria operador do esquema de propina e corrupção nas empresas de ônibus do Rio, disse, em depoimento ao Ministério Público, que pagou “caixinha”, pagou por fora ao prefeito Marcelo Crivella (PRB). Ele já tinha denunciado o mesmo esquema envolvendo o atual governador do Estado, Luiz Fernando Pezão.

Segundo o funcionário, Edmar Dantas, foram cinco pagamentos feitos a Crivella nos anos de 2010 e 2012. O dinheiro teria sido arrecadado pelo tesoureiro de campanha de Crivella no gabinete de campanha do atual prefeito. A propina seria de cerca de R$ 450 mil. Crivella negou as acusações, chamou a denúncia de absurda e afirmou que há retaliações de empresas de ônibus que não se conformaram com as reduções das tarifas neste ano.

Comentários

Rafael Motta resiste as chantagens dos babões de Temer e reafirma que votará contra a reforma da Previdência

Resultado de imagem para deputado federal Rafael Motta
O deputado Rafael Motta, diferente de alguns colegas, anda no meio do povo recebendo manifestações de apreço e apoio.

Diferente da maioria dos deputados federais do RN que estão babando o presidente Temer e votando a favor da Reforma da Previdência, o deputado Rafael Motta resistiu as chantagens de agentes do Governo Federal e anunciou mais uma vez que não votará a favor da reforma de Previdência.

O deputado federal Rafael Motta tem sofrido assedio moral de alguns colegas deputados que querem leva-lo para vala comum, ou seja, aqueles que votam a favor do presidente Temer em troca de cargos e favores inconfessáveis querem Rafael na mesma lama..

Seguro e coerente, Rafael Motta tem sido alvo de campanha sorrateira de congressistas do RN que desgastados e desacreditados querem macular a imagem de um parlamentar que sempre colocou os interesses do povo acima dos seus interesses.. Rafael Motta abriu mão de seus cargos no Governo Federal e votou a favor da abertura do processo de investigação contra o presidente Temer e também votou contra a reforma trabalhista relatada pelo deputado saco preto Rogério Marinho.

Rafael Motta diz que nunca escondeu nem sentiu vergonha dos seus votos na Câmara dos Deputados.

Se o povo potiguar preferir votar nos deputados vendilhões em vez de reeleger um deputado comprometido com as causas dos povo como Rafael Motta, é por que o povo do RN merece sofrer e pagar caro pelos seus votos errados ou vendidos também..

 

Comentários

Navios e aeronaves que buscam submarino argentino investigam mais um ruído

Resultado de imagem para Aeronave brasileira captou “anomalia acústicaAeronave brasileira captou  “anomalia acústica” (ou ruído) que está sendo investigada foi registrada três horas após o último contato do submarino com a terra, a 30 milhas ao norte do local onde ele estava. Segundo Balbi, uma aeronave da Marinha brasileira, munida de um detector de “anomalias magnéticas”, vai sobrevoar a área.

Esse mesmo avião foi usado para investigar uma “mancha de calor” detectada na terça-feira (21) à noite, que poderia ser o submarino. Acabou sendo mais um alarme falso. As famílias dos 44 tripulantes estão acompanhando as buscas em Mar del Plata, onde o submarino deveria ter chegado na segunda-feira passada (20).

Fortes ventos e ondas de até oito metros dificultaram as buscas nos primeiros dias. O tempo melhorou na terça-feira (21), mas uma tempestade está prevista para esta quarta-feira à noite

Comentários

Plenário do STF vai julgar decisão da Assembleia do RJ sobre deputados

Imagem relacionada
Por Luísa Martins | Valor

BRASÍLIA  –  O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu submeter ao plenário da Corte a ação contra a decisão da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro que revogou a prisão do presidente da Casa legislativa, Jorge Picciani, e dos deputados estaduais Paulo Melo e Edson Albertassi, todos do PMDB.

O processo foi protocolado pela Procuradoria-Geral da República (PGR). Na ação, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, argumenta que a resolução tomada pela Assembleia afrontou o princípio da separação de poderes e o sistema federativo. Dodge aponta que também foi descumprida a decisão do TRF-2, que determinou a prisão dos parlamentares.

Agora, caberá à presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, definir uma data para o julgamento.

Comentários