Desembargador Claudio Santos manda prender traficante liberado em audiência de custódia

PortalNoar

Por Dinarte Assunção

O desembargador Cláudio Santos determinou a prisão preventiva de Elito Francisco Vilela da Silva, preso no fim de semana pela Polícia Federal por tráfico de drogas e liberado logo em seguida após audiência de custódia.

Elito foi preso após ser apanhado com mais de 8 quilos de cocaína e uma pistola calibre 380.

Ainda no sábado, ele foi liberado pelo juiz Jessé de Andrade Alexandria, da Central de Flagrantes da Comarca de Natal.  O magistrado levou em consideração não haver mandados de prisão contra Elito, que também não responde por nenhum crime.

Ação

A ação ocorreu quando os policiais investigavam informações dando conta de que organizações criminosas da região sudeste do país estariam enviando para o Rio Grande do Norte, drogas e armas através de transportadoras em caminhões do tipo “cegonha”.

Os policiais então, na última sexta-feira, utilizando um cão farejador do BPCHOQUE, fiscalizaram uma empresa localizada na zona sul da capital. Pouco tempo depois, um veículo, com indicativo de droga no seu interior, foi encontrado. A PF passou a vigiar o local e ficou aguardando a chegada da pessoa que receberia o carro, que só apareceu 24h depois.

Ele foi seguido até o conjunto Ponta Negra onde, depois de abordado, foi conduzido para a sede da PF. Ali, após uma minuciosa vistoria os policiais acharam ocultos numa cavidade do painel do carro, enrolados em sacos plásticos, os tabletes da cocaína, a arma e um carregador parcialmente municiado.

O homem recebeu voz de prisão e em seguida foi autuado em flagrante, indiciado pelos crimes de tráfico de drogas e porte ilegal de arma.

Comentários