Carlos Eduardo Alves arrombou a previdência dos servidores da Prefeitura e quem pagará o pato vai ser os sucessores dele

 Resultado de imagem para romboFicou claro na apresentação dos extratos da movimentação dos recursos da NatalPrev – Previdência dos Servidores do Município de Natal – que o prefeito Carlos Eduardo Alves não recolheu os repasses mensais das contribuições previdenciárias.
A dívida era referente a contribuição dos servidores e o valor pago soma mais de 20 milhões de reais.
Ao fazer uma recomposição para o pagamento da dívida, a Prefeitura precisou arcar com um milhão, trezentos e vinte nove mil e novecentos e noventa e quatro reais, somente de juros e correção (R$ 1.329.994,34).
No entendimento de qualquer rábula, o não pagamento no setor público das obrigações previdenciárias é crime de improbidade administrativa.
O que poderá acontecer com o prefeito Carlos Eduardo Alves?
Como ele diz ” que manda na justiça” e todos sabem que o prefeito tem larga maioria na Câmara Municipal, o soldado Vasco garante que não acontecerá nada..
Com relação ao rombo que ele fez na previdência municipal vai sobrar para os futuros prefeitos de Natal.
Facebook Comments