Carlos Eduardo Alves, o prefeito frevista perdulário

Enquanto a maternidade da Zona Norte, Leide Morais, está fechada há dois anos e o Viaduto do Baldo interditado há um ano sem perspectiva de ser recuperado, unidades de saúde fechadas, faltando merenda nas escolas, e devendo aos fornecedores, o prefeito, Carlos Eduardo, está torrando R$ 3.5 milhões no carnaval de Natal.

O próprio prefeito já reconheceu o estado falimentar que enfrenta a prefeitura quando decretou que os órgãos do seu governo tem que economizar 25% de suas despesas com custeio. Mas, nada disso, fez o prefeito Alves tomar providencias para demostrar austeridade, pelo contrário, aqui o frevo está em primeiro lugar.

Depois de torrar todo esta grana com festanças, o prefeito Alves está preparando uma ” Reforma Tributária” para ser enviada ao Poder Legislativo propondo aumentos de até 190% os tributos municipais.

Hoje será o ” Baile de Mascaras” no largo do Atheneu, o prefeito deverá ir fantasiado de menino perdulário.

Não que uma cidade não faça o Carnaval, mas, diante da situação que passa nosso município, nossas prioridades são outras.

Facebook Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *